Ajudando o cachorro a se ajustar com a chegada do novo bebê

Tornando a chegada do novo membro da família muito mais tranquila para o seu cachorro

por Samantha Kelly — publicado 1 dez 2013 - 3:12

Acostumando o seu cachorro com a chegada do novo bebê. Foto: Reprodução

Acostumando o seu cachorro com a chegada do novo bebê. Foto: Reprodução

A adição de um bebê na família é um momento de muita alegria e não deveria ser diferente. Porém, algumas mamães e papais ficam com medo que o cão não vá aceitar o novo bebê que está chegando.

Junto com toda a preparação comum para o neném chegar, é imprescindível que você ajude o seu cachorro a se ajustar com a chegada de um novo membro, que é ainda vulnerável.

Há ações que você pode tomar que vão construir um ambiente mais seguro para todos.

 

Situações comportamentais que podem acontecer

– Alguns cães mastigam itens dos bebê;

– Podem começar a urinar em lugares inapropriados;

– Podem se tornar temperamentais, menos dispostos a cooperar e eventualmente rosnar;

– Por outro lado, há cães que naturalmente não têm ciúmes e deve-se prestar atenção para proteger o bebê das entusiasmadas formas de demonstrar afeto.

 

Ajude o seu cachorro a se ajustar a chegada do novo bebê

Por não ter como prever a maneira que o seu cão irá se comportar e reagir com a chegada do bebê, há medidas que diminuem possíveis estranhezas com a novidade.

 

Introdução ou atualização de treinamento de obediência

Não deixe para depois o treinamento de obediência. Você pode começar aos poucos sozinha(o), introduzindo mais disciplina na relação, ou pedir o auxílio de um profissional em comportamento animal.

Mesmo que o seu cão já tenha recebido treinamento, pode ser uma boa ideia refrescar os ensinamentos e testar como ele tem respondido aos comandos. A estrutura extra pode ajudá-lo a se sentir mais seguro e no geral criar um ambiente mais sadio.

 

Reforçar o treinamento em casa

Se o seu cão começar a urinar em casa em lugares inapropriados, o ideal é que você lide com o problema o mais rápido possível para não deixar que saia do controle.

– Limpe a urina do cão com produtos desenvolvidos para remover qualquer traço do xixi;

– Reforce o treinamento e leve-o para urinar no local certo, recompensando-o quando ele o fizer no lugar apropriado;

– Se necessário, restrinja os locais que o animal pode circular, até que ele esteja treinado.

 

Desenvolva uma programação flexível

Quando um recém-nascido chega, é normal que se esteja operando em função dele. É uma boa ideia acostumar o seu cão a horários flexíveis.

– Gradualmente mude o horário que o cachorro se alimenta, para que ele esteja mais flexível quando as mudanças de programação ocorrerem;

– Exercite o seu cão em horários diferentes do que ele está acostumado, para que as mudanças não o aborreçam muito;

– Considere instalar portas específicas para o seu cão, garantindo que ele não seja completamente dependente de você quando precisar sair.

 

Acostumando o seu cachorro ao odor do bebê

Por sabermos que o cão percebe o mundo mais pelo olfato do que pela visão, introduza objetos com odores comuns à produtos voltados para bebês.

– Eventualmente dê banho com um shampoo de bebê para que ele se familiarize com o cheiro;

– Despeje um pouco de talco de bebê no pelo do cão;

– Lave os itens do seu cão (cama, lençóis) com detergente para roupa do bebê.

 

Use um bebê de brinquedo

É interessante acostumar o seu cachorro com a presença de alguém em seu colo. Tente segurar o boneco naquela hora clássica do carinho com o seu cachorro, para gradualmente ensiná-lo que ele ainda pode ficar próximo, portanto que ele se comporte calmamente na presença do bebê.

Essa é uma oportunidade para treiná-lo sem a presença de um neném de verdade, para que não haja nenhum risco para a criança.

 

A vida voltará ao normal, tenha paciência

É importante que haja a compreensão que as mudanças que estão acontecendo enquanto sua gravidez progride e depois da chegada do bebê afetam a vida do seu cachorro. Tenha paciência e tranquilize o seu animal para que gradualmente ele vá se acostumando com as novas regras no cotidiano.

Você tem uma responsabilidade com o seu cachorro, e como dono, precisa tornar esse momento o mais indolor e natural possível para ele.

Não acredite nos que dizem que cães e gravidez não combinam, isso não poderia estar mais distante da realidade. Em um estudo da Universidade de Liverpool, donos de animais estão mais propensos a obter a quantidade recomendada de exercício diário.

Uma vez que o bebê chegar e a nova rotina estiver estabelecida, tanto os pais quanto o pet estarão acostumados.

 

Referências: Petadviser e Dogs

 

Rottweiler salva vida de menino que teve uma convulsão durante a madrugada

por Andrezza Oestreicher — publicado 21 jul 2017 - 9:48

Apesar de ser tachado como uma raça violenta e perigosa, um Rottweiler foi o responsável por ajudar um menino com autismo e depois a salvar a sua vida.

Enzo é um menino de seis anos que tem autismo. Ele e sua família vivem em Ibaté, São Paulo. Quando a criança fez dois anos de idade, os pais levaram para casa um cão da raça Rottweiler. Quiron era um ano mais novo que Enzo e,

 » Read more about: Rottweiler salva vida de menino que teve uma convulsão durante a madrugada  »

Com o dia dos pais chegando, confira as melhores dicas de presentes para os papais de cachorro

por Samantha Kelly — publicado 20 jul 2017 - 19:12

Dia dos pais tem que incluir os papais de cachorro. Pensando nisso, a Doguim, loja do Portal do Dog especializada em apaixonados por animais, oferece uma série de produtos lindos e cheios de design desenvolvidos para pais de peludo.

Com a proximidade do dia 13 de agosto, nós listamos as melhores dicas de presentes para os super pais apaixonados por seus filhos de quatro patas.

Não deixe para última hora para garantir o presente perfeito para os papais de cachorro.

 » Read more about: Com o dia dos pais chegando, confira as melhores dicas de presentes para os papais de cachorro  »

Apesar da falta de recursos financeiros, morador de rua não abandonou seu amigo peludo

por Andrezza Oestreicher — publicado 20 jul 2017 - 18:30

Gilberto é um homem bem simples e que vive nas ruas. Ele não tem recursos financeiros nem para si mesmo, mas cuida com todo amor e carinho do seu cachorro, um fofo SRD que vive com ele.

Um dia, andando pelas ruas, Gilberto estava atravessando a rua com o cão, quando de repente, por algum motivo, o cão quis voltar no meio do caminho. Nesse momento, um carro atropelou o cachorrinho, que sofreu um machucado bem grave em uma das patas.

 » Read more about: Apesar da falta de recursos financeiros, morador de rua não abandonou seu amigo peludo  »

deixe seu comentário:
Siga o Portal do Dog
Últimas notícias

Rottweiler salva vida de menino que teve uma convulsão durante a madrugada

por Andrezza Oestreicher — publicado 21 jul 2017 - 9:48

Apesar de ser tachado como uma raça violenta e perigosa, um Rottweiler foi o responsável por ajudar um menino com autismo e depois a salvar a sua vida.

Enzo é um menino de seis anos que tem autismo. Ele e sua família vivem em Ibaté, São Paulo. Quando a criança fez dois anos de idade, os pais levaram para casa um cão da raça Rottweiler. Quiron era um ano mais novo que Enzo e, apesar do receio por conta do que as pessoas falavam em relação à raça do cachorro, ele e a criança se deram muito bem rapidamente.

Enzo e Quiron são amigos há quatro anos. (Foto: Reprodução / G1 / Rhozana Diniz Menzani)

O cachorro chegou na casa da família pouco tempo depois que Enzo tinha sido diagnosticado com autismo. De acordo com os pais do menino, o cachorro o ajudou bastante, principalmente na socialização da criança. “Foi a melhor coisa que a gente fez, porque eles se tornaram melhores amigos e se deram superbem e ajudou muito na socialização do Enzo, desde pequeno”, contou Rhozana Diniz Menzani, mãe do Enzo, para a EPTV.

Um tempo depois, o menino foi diagnosticado também com adrenoleucodistrofia, uma doença rara e degenerativa que evolui naturalmente. “A síndrome destrói a capa da mielina, que faz a ligação entre os neurônios. Então, aos poucos a doença compromete os sentidos e movimentos dele. Agora ele já está sem visão e também já não caminha mais”, explicou o pai de Enzo, Nino Menzani.

Há pouco tempo, o cachorrão Quiron, hoje com cinco anos de idade, provou para a família que chegou para proteger não só a casa, mas também o seu melhor amigo Enzo.

O cão ajudou bastante na socialização do menino, que tem autismo. (Foto: Reprodução / G1 / Felipe Lazzarotto/ EPTV)

No meio de uma madrugada, o cão começou a fazer muito barulho na janela do quarto dos pais do menino. Rhozana se assustou e se levantou para ver o que tinha acontecido com o animal. Nesse momento ela passou pelo quarto do filho, onde escutou um barulho também estanho.

Ao entrar, ela viu que seu filho estava tento uma convulsão, coisa que nunca tinha acontecido com ele. Quando Quiron começou agir de forma desesperada, pensei: ‘será que ele está passando mal?’ Porque ele teve dor de ouvido recente, porém já estava bem. Na dúvida, saí correndo do quarto para ver o que estava acontecendo e foi quando vi meu filho tendo uma convulsão. Ele e meu filho estavam fazendo o mesmo barulho, como se estivessem urrando”, explicou a mulher.

Rhozana, que é técnica de enfermagem, imediatamente pegou o seu filho no colo. Ao perceber que ele tinha parado de respirar, a mulher o colocou de volta na cama, fez massagem e respiração boca a boca. O menino voltou a respirar e foi levado para um hospital.

O cão também salvou a vida de Enzo ao perceber que ele não estava bem e acordar seus pais. (Foto: Reprodução / G1 / Felipe Lazzarotto/ EPTV)

O menino fez exames e hoje se recupera bem em casa. Para os pais, Enzo só está vivo graças ao cachorro. Foi graças ao Quiron que eu consegui socorrer meu filho, até porque eu não esperava que isso fosse acontecer. Se não fosse ele, meu filho não estaria mais aqui. Quiron é um anjo da guarda”, disse a mamãe Rhozana.

Fonte: G1

Com o dia dos pais chegando, confira as melhores dicas de presentes para os papais de cachorro

por Samantha Kelly — publicado 20 jul 2017 - 19:12

Dia dos pais tem que incluir os papais de cachorro. Pensando nisso, a Doguim, loja do Portal do Dog especializada em apaixonados por animais, oferece uma série de produtos lindos e cheios de design desenvolvidos para pais de peludo.

Com a proximidade do dia 13 de agosto, nós listamos as melhores dicas de presentes para os super pais apaixonados por seus filhos de quatro patas.

Não deixe para última hora para garantir o presente perfeito para os papais de cachorro. Acesse a Doguim aqui e confira todos os nossos produtos.

 

1) Pais de cachorro (coleção família)

Nossa super coleção ”Família Pet” focada nos pais de cachorro permite que os tutores possam personalizar completamente os produtos, com ilustrações caninas lindas e exclusivas.

Dentre as opções de personalização estão mais de 70 raças caninas (incluindo 8 variações para os queridos vira-latas), até 5 raças por produto com inclusão do nome do pet e 6 cores de fundos (verde, azul, roxo, salmão, rosa e amarelo).

Clique aqui para conferir as canecas, squeezes, almofadas e canecas de chopp disponíveis.

 

2) Lançamento Canecas de Chopp

Temos uma série de opções, fresquinhas para o dias dos pais, com temas divertidos e carinhosos, especialmente para os papais que curtem uma gelada.

Clique aqui para conferir todas as canecas de chopp.

 

3) Fotos e ilustrações personalizadas

Como qualquer apaixonado por pet, nós queremos a fotinho dos nossos filhos em tudo. Na Doguim você pode ter a foto do seu pet personalizada com ilustrações especiais.

Clique aqui para conferir as ilustrações disponíveis.