O seu cãozinho está com problemas comportamentais?
Pergunte para o Alexandre Rossi e Cão Cidadão
Cão x Cama
11 ago 2015
Comportamento: Cão x Cama
Tutor(a): Mateus Felipe, Elenice Muller e Rosangela Botura., | O cachorro: Pepa, Strogonoff e Argos
Como habituar o cão à caminha

“Minha cachorra tem 4 meses e desde que ela cegou aqui em minha casa ela não dormi do lado de fora. O que eu posso fazer pra ela dormir do lado de fora?” –  Mateus Felipe, dono da Pepa, de 4 meses.

“Olá Alexandre, mora em minha casa eu Elenice e minhas 2 filhas (Bruna e Kauany) e nosso principe q amamos demais q é o Strogonoff ou bebê, (ele atende pelos dois nomes), foi adotado com um mes de vida, e sempre ficou dentro de casa, cheio de mimos, carinho e atençao. Adotei ele pq minha filha mais nova era mto nervosa e revoltada, e ele nos trouxe mta paz, e mudou totalmente o comportamento de minha filhota, hoje ela é mto mais feliz. No principio ele dormia na sua caminha, mas com o tempo, minha filha levou ele pra dormir na cama por uma noite, e a partir desse dia ele nunca mais dormiu no chao, e eu nao consigo tirar ele da cama, primeiro pq tenho dó dele, e segundo pq ele é o primeiro a ir pra cama rsrsrsrrs. Só q enfrento problemas com isso, pq nem todos pensam como eu, e qdo saio a algum lugar, ele nao pode dormir comigo, aí deixo de sair pra nao ver ele chorar a noite toda. Gostaria se possivel uma orientaçao de como proceder nesse caso, pra q ele volte a dormir em sua caminha, sem q ele sofra. Obs: Strogonoff é um cachorro vira lata, mas é td pra nós…. Obg pela atençao, agradeço se for atendida.” – Elenice Muller, dona do Strogonoff, de 6 anos.

“Bom o argos ele é muito brincalhao, faz xixi e coco no lugar certo , mas para dormir ele dorme na cama e no sofá e ele nao gosta de dormi no chao , ele é do tipo que nao late muito , é carinhoso, dengoso , nao gosta de ficar sozinho. Preocupacao maior é tirar ele do sofá e da cama.” – Rosangela Botura, dona do Argos, de 11 meses.

Por Karina Pongracz, adestradora da equipe Cão Cidadão.

Olá Mateus, Elenice e Rosangela, como vão? Procurei reunir neste texto informações que podem ser úteis para tornar o relacionamento de vocês com os pets ainda mais saudável e feliz. Também aproveitei a temática para esclarecer outros aspectos relacionados à caminha do cão, que podem interessar aos demais leitores. Bom, vamos  lá!

Ao se levar um cão para casa, é natural pensar na caminha em que ele vai ficar. Em algumas situações, o dono fica preocupado pois não consegue acostumá-lo a ela – ele prefere muito mais a cama dos donos! Isso tem uma explicação: os cães gostam de ficar próximo a nós. Mas, como tirá-lo da cama dos donos e acostumá-lo a dele? Pode demorar um pouquinho, mas, com uma dose de paciência, você verá que tudo é possível, e logo ele vai se adaptar e gostar do cantinho dele!

O primeiro passo é decidir onde você gostaria que seu cachorro dormisse: no quarto, na área de serviço, na sala ou no quintal? O treino pode demorar um pouquinho, mas quando ele ficar adaptado a dormir no seu próprio espaço, tudo será muito fácil. Para que isso ocorra de uma forma prazerosa, o ideal é acostumar o animal a ficar no local correto, que precisa ser confortável e tranquilo. Por exemplo, não deixe a casinha em baixo do sol forte, local que bate muito vento, próximo da máquina de lavar ou até mesmo do lado do latão de lixo.

Organize o espaço e não se esqueça de deixar o pote de água e, claro, um banheiro para que ele possa aliviar. Lembrando que o banheiro não pode ficar muito próximo do local onde ele dorme. Depois dessa arrumação, é chegada a hora de treinar o bichinho. Compre uma caminha bem gostosa, macia e confortável para ele. O pet pode utilizar também uma caixa de transporte, pois  eles adoram ‘’tocas’’! Se o animal for ficar do lado de fora da casa, o dono pode comprar uma casinha, que é fácil de encontrar no mercado pet, com tamanhos, cores, formatos e materiais variados. O ideal seria uma de plástico, pois facilita a limpeza.

Nunca o force a entrar na casinha! Tudo precisa ser feito de forma muito delicada, sempre com associações positivas! Se você optar por deixá-lo dentro de casa, no começo ele pode estranhar a caminha nova dele, devido ao cheiro. Uma dica bacana é colocar uma simples camiseta com seu cheiro, para fazer uma associação positiva utilizando um atrativo familiar! Vale também elogiar bastante, entregar um brinquedo e oferecer um petisco.

Agora, se você preferir deixá-lo fora de casa, brinque com ele no espaço novo. Uma ótima dica é jogar alguns grãos de ração dentro da casinha. Ele vai entrar para pegá-los, então, faça com que ele se sinta à vontade em fazer isso! Tudo precisa ser muito prazeroso para o animal! Você também pode jogar o brinquedo que ele mais gosta! Será uma brincadeira muito divertida!

Repita o treino algumas vezes, pois isso faz com que o animal se sinta mais seguro. Deixar alguns brinquedos divertidos ajuda bastante! Quando terminar a brincadeira, deixe-o um pouco sozinho. Justamente nessa hora pode ser que o cachorro chore ou lata, claro, ele está pedindo para entrar. Pode parecer difícil, mas, não dê atenção. Procure ignorar. Se você abrir a porta, permitindo que ele entre. Pronto ele ganhou atenção.

Agora, se ele estiver em silêncio, interagindo com os brinquedos dele, vai lá, elogie. Depois de um tempo, o animal vai compreender que a casinha ou a caminha será um lugar muito gostoso, e onde ele pode relaxar com tranquilidade.

Siga o Portal do Dog