Evelyn Regly adota cãozinho SRD do Instituto Luisa Mell

Blogueira conheceu o animal durante visita feita ao Instituto e, cerca de um mês depois, após se mudar para espaço maior, conseguiu levar o cão para a nova casa

por Andrezza Oestreicher — publicado 21 nov 2017 - 18:32

Grande sucesso nas redes sociais e no YouTube, onde conta com mais de três milhões de seguidores, a blogueira e youtuber Evelyn Regly acabou de passar por um momento muito difícil em sua vida.

Junto da alegria de se mudar para uma casa nova grande e espaçosa, seu sonho junto com o marido, Evelyn teve a tristeza de perder o seu cachorrinho de estimação e melhor amigo Bidu.

Eu só queria agradecer a todas as mensagens e orações. Tenho certeza que Deus ouviu cada um de vcs. Estava indo pra São Paulo hoje, antes de ir pro aeroporto, fui visitar meu Bidu no hospital, senti a patinha dele gelada e ele mesmo com os olhos abertos, parecia se despedir de mim…. mas eu não queria acreditar naquilo. Beijei ele, fiz carinho na sua barriguinha e disse pra ele que Deus tava cuidando dele. A última semana foi tão difícil pra nós… difícil acordar e não ter ele indo atrás de nós no banheiro, sua caminha vazia, sem ele latir pedindo biscoito de maisena que ele adorava… a casa parecia estar com um vazio sem fim. Ficamos sem força pra trabalhar, pra fazer a mudança pra casa nova… nada tinha graça e não tinha mesmo. Cadê ele no meio das caixas fazendo bagunça?! Pedindo pra ir na rua?! 😔 Hoje ele nos deixou…. Fizemos tudo que podíamos por ele, e ele sentiu tanto isso, que lutou até o fim… foi um velhinho guerreiro, mas agora se foi. Viveu com a gente tantos anos, viu a gente namorar, noivar e casar. Ele esteve nos melhores e nos piores momentos das nossas vidas. Nós vamos levar ele pra sempre nos nossos corações. Filho, descansa em paz! Mamãe te ama e vai te amar pra sempre! Meu bafinho❤️🐶😔#Biduzi 2002 ✝️ 2017

A post shared by Evelyn Regly (@evelynregly) on

O cãozinho, que já tinha 15 anos e estava bastante velhinho, acabou ficando doente por conta do peso da idade e faleceu, após ficar internado e lutar bastante pela vida.

Porém, cerca de cinco dias depois do falecimento de Bidu, um novo membro chegou para animar a nova casa da família, o cachorrinho vira-lata Pernalonga.

Pernalonga foi adotado há cerca de um mês atrás, quando Evelyn foi visitar o Instituto Luisa Mell para gravar um vídeo e ajudar o local, divulgando o trabalho que a ativista animal Luisa Mell faz.

Cheguei xentiiiii!!!!! Êêê 👏🏻👏🏻👏🏻 Pra quem não me conhece, eu sou o Pernalonga. Fui resgatado junto com a minha mãe e meus irmãos pelo @institutoluisamell 🐾 minha mãe foi no instituto há um mês atrás e ela nem foi pra me adotar, mas eu não quis nem saber, eu que adotei ela. 😇 Ela não resistiu ao meu charme 😬 Eu não pude ir com ela no mesmo dia, pq eu tinha que castrar e tomar umas vacinas, mas depois o @institutoluisamell é tão bacana que cuidou tudo disso pra mim e ontem eu fiz a minha primeira viagem de avião. Fui pra minha casa nova e virei carioca cara, tá pensando o que mermão?! Kkkk ontem quando cheguei tudo era novo pra mim… me deparei com um negocio escrito meu nome, mas fiquei com medo daquilo. Depois minha Mãe subiu nela e me ensinou que era pra eu dormir. Se chama cama cara!!!! Eu ameiiiiii!!!!! 🤗 Nem chorei sabia? Eu sempre quis ter um lar. Dormi a noite toda, mas acordei minha mãe 5:59, pq eu tava apertado pra fazer xixi. Ela me soltou no quintal e eu abri a torneira naquele mato kkkkkk Ganhei uns negócios pra eu comer da amiga da minha mãe do @petdobred, ela disse que é brinquedo. Pq eu quis comer uns chinelos que eu vi no chão 🙄 agora já sei que não pode… mas dá mole não hein gente… aquelas havaianas são tentadoras kkkkkkk Espero que meus amigos do Instituto possam ter a sorte que eu tive. Conta pra todo mundo aí que meus amigos ficaram lá no @institutoluisamell esperando pra ter um lar também. Eles fazem feira de adoção sempre. Não gasta dinheiro não cara, adote um dos meus amigos pra gente ficar feliz. 💙#PernalongaRegly

A post shared by Evelyn Regly (@evelynregly) on

Porém, como na época a blogueira ainda estava em um apartamento pequeno esperando a casa ficar pronta e o cãozinho ainda precisava tomar algumas vacinas e ser castrado antes de ser liberado, Evelyn preferiu esperar se mudar para depois buscar o Pernalonga para o animal passar a viver de vez com sua família.

Finalmente esse dia chegou e a youtuber voou até São Paulo, no dia 17 de novembro, especialmente para buscar o cãozinho, que se adaptou muito bem na casa nova, descansou bastante para repor as energias e já começou a brincar e se soltar.

(Vídeo: Reprodução / YouTube Evelyn Regly)

Nós ficamos muito felizes que o Pernalonga chegou para encher o novo lar da família de felicidade e afastar a tristeza.

Tosadora japonesa aperfeiçoa o visual bolinha e transforma poodle em ovelha

por Samantha Kelly — publicado 22 jun 2018 - 12:34

Sesame é um Poodle japonês que ganhou fama por causa de seu corte bolinha impecável que faria qualquer fashionista sentir inveja. O motivo de tanta comoção é o fato do penteado ter transformado o garotinho canino em uma ovelha.

Infelizmente Yoriko Hamachiyo, a tosadora responsável por essa obra prima da pelagem canina, não compartilhou um vídeo dos bastidores do corte.

Será que o Poodle, uma das raças caninas com penteados mais clássicos de todas,

 » Read more about: Tosadora japonesa aperfeiçoa o visual bolinha e transforma poodle em ovelha  »

Cães são peça chave na investigação do caso de Vitória Gabrielly

por Samantha Kelly — publicado 21 jun 2018 - 9:52

O auxílio canino no caso da morte de Vitória Gabrielly tem sido fundamental. Ate agora, tanto um pet quanto uma equipe de cães especializados, foram peças chaves na investigação do crime.

Em um primeiro momento, enquanto a polícia ainda tentava encontrá-la e havia a esperança da menina ainda estar viva, a pista da localização exata do paradeiro de Vitória veio de um catador de latinhas que estava passeando com seu cachorro.

O pet ficou intrigado com o cheiro forte que vinha da mata e começou a latir sem parar.

 » Read more about: Cães são peça chave na investigação do caso de Vitória Gabrielly  »

Além da rampinha: Escada em espiral é opção chique e compacta para seu cachorro subir na cama

por Samantha Kelly — publicado 15 jun 2018 - 9:30

Ficamos apaixonadas pela escada em espiral da Sophipet com um ar super sofisticado. Ela é totalmente personalizável, com várias opções de cores e estilos para combinar com diferentes tipos de decoração.

Muitos não sabem, mas rampas e escadinhas dessa forma ajudam bastante os pets a não forçarem as costas com os vários pulos acrobáticos que eles dão quando sobem e descem da cama, sofá e afins.

Ela chega até 100 cm de altura para as camas mais altas e possui apenas 45 cm de raio,

 » Read more about: Além da rampinha: Escada em espiral é opção chique e compacta para seu cachorro subir na cama  »

deixe seu comentário:
Siga o Portal do Dog
Últimas notícias

Tosadora japonesa aperfeiçoa o visual bolinha e transforma poodle em ovelha

por Samantha Kelly — publicado 22 jun 2018 - 12:34

Sesame é um Poodle japonês que ganhou fama por causa de seu corte bolinha impecável que faria qualquer fashionista sentir inveja. O motivo de tanta comoção é o fato do penteado ter transformado o garotinho canino em uma ovelha.

Infelizmente Yoriko Hamachiyo, a tosadora responsável por essa obra prima da pelagem canina, não compartilhou um vídeo dos bastidores do corte.

Será que o Poodle, uma das raças caninas com penteados mais clássicos de todas, ganhará mais um modelo? Se depender de nós, votamos sim mil vezes.

Sério, o resultado é tão incrível que as fotos parecem montagem, mas não são.

 

Cães são peça chave na investigação do caso de Vitória Gabrielly

por Samantha Kelly — publicado 21 jun 2018 - 9:52

O auxílio canino no caso da morte de Vitória Gabrielly tem sido fundamental. Ate agora, tanto um pet quanto uma equipe de cães especializados, foram peças chaves na investigação do crime.

Em um primeiro momento, enquanto a polícia ainda tentava encontrá-la e havia a esperança da menina ainda estar viva, a pista da localização exata do paradeiro de Vitória veio de um catador de latinhas que estava passeando com seu cachorro.

O pet ficou intrigado com o cheiro forte que vinha da mata e começou a latir sem parar. Foi graças a reação estranha do cachorro que o tutor foi verificar se havia de fato algo errado. Foi então que ele acabou se deparando com o corpo da menina, que se encontrava no mesmo local há 4 dias.

Após a confirmação da morte e localização do corpo, a próxima fase da investigação contou com a ajuda de Bazuka, Adaga e Duke, cães farejadores do grupo GBR. Através de odores de suspeitos fornecidos pela polícia, os cães vasculharam a área delimitada e verificaram se os cheiros poderiam ser encontrados no local.

Apesar da equipe envolvida não poder contar muito sobre o resultado para não atrapalhar o trabalho investigativo, o treinador dos cães afirma que os animais confirmaram a presença de alguns dos odores no local.

 

Foto: Reprodução/Record