Beagle possui recorde como a cachorra que pega mais bolas com as patas em um minuto

A cachorra Purin entrou para o Guinness ao defender 14 bolas com as patas da frente.

por Karina Sakita — publicado 15 set 2015 - 13:59

A cadela Purin é uma bela goleira! A beagle entrou para o livro dos recordes como a cachorra que pega mais bolas com as patas em um minuto.

Provavelmente você já viu cães defendendo o gol, mas o que chama atenção em Purin é que ela faz isso com as patas da frente e não com o focinho.

 

A beagle Purin defende melhor do que muitos goleiros! (Foto: Reprodução / Guinness World Records)

A beagle Purin defende melhor do que muitos goleiros! (Foto: Reprodução / Guinness World Records)

 

Em março, a cachorra conseguiu defender 14 bolas em um minuto e bateu seu próprio recorde, que havia sido com 11 bolas no ano anterior.

Seu novo recorde já está no livro do Guinness World Records 2016, que já está à venda nos Estados Unidos mas será lançado apenas no dia 30 no Brasil.

 

Nenhuma bola entra no gol de Purin. (Foto: Reprodução / Guinness World Records)

Nenhuma bola entra no gol de Purin. (Foto: Reprodução / Guinness World Records)

 

Purin tem 9 anos e mora com seu tutor Makoto Kumagai, em Tóquio.

Tudo começou quando o homem percebeu que a cachorra conseguia pegar algumas coisas com as patas, então começou a treina-la a segurar bolas como um goleiro.

Eles treinam 15 minutos por dia. Makoto afirma que não treina mais tempo para que ela não fique entediada.

 

 

E o talento da beagle não para por aí! Ela tem outro recorde mundial no Guinness, como a cachorra mais rápida ao percorrer 10 metros em cima de uma bola de ginástica ou pilates.

Além de se equilibrar na bola, Purin é rápida! A cachorra fez esse trajeto em 11,9 segundos.

 

A cachorra Purin consegue se equilibrar em cima de uma bola de pilates. (Foto: Reprodução / Guinness World Records)

A cachorra Purin consegue se equilibrar em cima de uma bola de pilates. (Foto: Reprodução / Guinness World Records)

 

Está proibido soltar fogos e rojões barulhentos na cidade de São Paulo

por Andrezza Oestreicher — publicado 24 maio 2018 - 14:16

Na manhã da última quarta-feira, dia 23 de maio, cachorros que vivem na cidade de São Paulo e ativistas animais tiveram uma grande vitória que vai melhorar bastante o bem-estar desses pets, a proibição da soltura de fogos de artifício com barulho dentro de todo o município.

A novidade vai trazer benefícios também para outros animais e para pessoas que ficam assustados com barulhos fortes, principalmente bebês e idosos.

O projeto de lei,

 » Read more about: Está proibido soltar fogos e rojões barulhentos na cidade de São Paulo  »

Cachorro adota nove patinhos filhotes e se torna um ótimo papai para os pequenos órfãos

por Andrezza Oestreicher — publicado 23 maio 2018 - 20:05

Cachorros costumam se dar muito bem com animais de diferentes espécies e fazer uma incrível amizade e dar amor para muitos bichinhos. O fofo cãozinho Fred, um Labrador de 10 anos de idade, mostra bem isso.

Fred mora no Mountfitchet Castle, um castelo que foi todo reconstruído em madeira como o seu original, de 1066, e hoje funciona como local de visitação onde se conhecer um pouco da sua história, localizado em Essex,

 » Read more about: Cachorro adota nove patinhos filhotes e se torna um ótimo papai para os pequenos órfãos  »

Seis dias depois de cair em ribanceira, cachorro é resgatado por bombeiros

por Andrezza Oestreicher — publicado 23 maio 2018 - 14:22

Mais uma vez bombeiros foram os grandes heróis na vida de um cachorrinho que precisava há dias de uma ajuda mais especializada.

O cãozinho tinha caído de uma ribanceira e estava preso há seis dias em uma área de mata localizada em Ituporanga, um município de Santa Catarina. O Corpo de Bombeiros foi chamado para fazer as buscas e o resgate do animal, pois ele estava em uma local onde o acesso era bastante complicado.

 » Read more about: Seis dias depois de cair em ribanceira, cachorro é resgatado por bombeiros  »

deixe seu comentário:
Siga o Portal do Dog
Últimas notícias

Está proibido soltar fogos e rojões barulhentos na cidade de São Paulo

por Andrezza Oestreicher — publicado 24 maio 2018 - 14:16

Na manhã da última quarta-feira, dia 23 de maio, cachorros que vivem na cidade de São Paulo e ativistas animais tiveram uma grande vitória que vai melhorar bastante o bem-estar desses pets, a proibição da soltura de fogos de artifício com barulho dentro de todo o município.

A novidade vai trazer benefícios também para outros animais e para pessoas que ficam assustados com barulhos fortes, principalmente bebês e idosos.

O projeto de lei, de autoria dos vereadores Reginaldo Tripoli (PV) e Mario Covas Neto (Podemos), proíbe a soltura de fogos de artifício e rojões barulhentos dentro de toda a cidade de São Paulo. Porém, a PL foi sancionada com um texto substitutivo que não barra a fabricação e nem a comercialização desse tipo de produto no município.

(Foto: Reprodução / Fireworks Nation)

Para quem descumprir a lei está prevista uma multa no valor de R$ 2 mil e em caso de reincidência terá o seu valor quadruplicado nas infrações cometidas dentro de um período inferior a 30 dias.

De acordo com Reginaldo Tripoli (PV), o objetivo com essa PL é promover uma reflexão sobre os impactos da poluição sonora para a população que sofre com esses barulhos, como autistas, idosos, doentes, bebês e crianças. “O que se espera é uma conscientização da população para os problemas provocados pelo barulho dos fogos. É algo que atinge idosos, bebês, além dos animais. As pessoas com autismo têm muitas dificuldades. Com barulho intenso precisam de acompanhamento”, afirmou o vereador.

“No caso dos animais, no desespero, há risco de atropelamentos. Muitos, quando estão sozinhos podem se ferir”, comentou Reginaldo Tripoli sobre os transtornos que os fogos trazem para os animais e seus tutores.

A lei da proibição vale para locais abertos e fechados dentro da cidade de São Paulo. Fogos com efeitos visuais e aqueles que produzem barulho de baixa intensidade continuam sendo permitidos.

Fonte: Exame / ANDA / G1

Cachorro adota nove patinhos filhotes e se torna um ótimo papai para os pequenos órfãos

por Andrezza Oestreicher — publicado 23 maio 2018 - 20:05

Cachorros costumam se dar muito bem com animais de diferentes espécies e fazer uma incrível amizade e dar amor para muitos bichinhos. O fofo cãozinho Fred, um Labrador de 10 anos de idade, mostra bem isso.

Fred mora no Mountfitchet Castle, um castelo que foi todo reconstruído em madeira como o seu original, de 1066, e hoje funciona como local de visitação onde se conhecer um pouco da sua história, localizado em Essex, na Inglaterra. Por lá, vivem outros animais junto com Fred.

Os funcionários do lugar ficaram bastante preocupados quando viram os mais novos visitantes que passeavam pelo local, eram nove filhotes de pato que estavam sem a sua mamãe. A equipe do castelo procurou bastante, mas a pata mãe não foi encontrada. Os patinhos eram órfãos.

Foi aí que Fred, mascote do castelo, resolveu ele mesmo dar um jeito na situação. O cachorro simplesmente adotou os nove patinhos e passou a cuidar, com muita calma e tranquilidade, de todos eles.

Os patinhos também parecem ter se dado muito bem com o cão e estão adorando ficar com o grande peludo. “Os patinhos o adoram e ele agora é um pai que fica em casa cuidando dos nove patinhos. Eles estão ficando muito travessos, até pegando carona nas costas dele e seguindo Fred até a água para nadar no fosso do castelo”, informou a equipe do castelo através de um comunicado.

Quando estiverem maiores e não precisarem mais de uma babá ou de um pai adotivo, os patos serão bem-vindos a permanecer no castelo, que abriga diversos outros animais, muitos deles até resgatados.

Impossível não se derreter com esse fofo cachorrão cuidando dos pequenos patinhos.

Fonte: BuzzFeed