Publicação científica confirma o primeiro nascimento de cães gêmeos idênticos vivos

Sabendo que é muito difícil fetos de cães gêmeos sobreviverem, foram feitos diversos exames para confirmar que os dois animais eram monozigóticos e tinham o mesmo DNA

por Andrezza Oestreicher — publicado 15 set 2017 - 18:27

Além da espécie humana, é raro encontrar casos de gêmeos idênticos no mundo animal. Porém, um veterinário informou o nascimento de cachorros gêmeos idênticos. O nascimento dos filhotes aconteceu no ano passado.

De acordo com o veterinário Kurt de Cramer, ele estava tendo um dia normal de trabalho até uma cadelinha da raça Wolfhound Irlandês, também conhecida como Lébrel Irlandês, chegar para ter seus filhotes.

Os cachorros gêmeos dividiram a mesma placenta na barriga da mãe. (Foto: Reprodução / BBC / Kurt de Cramer)

A cadelinha estava demorando muito tempo para ter os filhotes e já estava começando a sofrer, então foi feita uma cirurgia cesariana. Foi quando Kurt de Cramer, que faz uma média de 900 cesáreas por ano, teve uma grande surpresa.

Pela protuberância incomum que a cadela apresentava no útero, o veterinário chegou a pensar que ela tinha algum tipo de nódulo além dos filhotes, então ele fez a cirurgia de forma ainda mais cuidadosa.

Ao abrir o útero da cadelinha, o veterinário encontrou cinco filhotes, porém, dois deles estavam presos com cordões umbilicais em uma mesma placenta. Eles eram gêmeos.

Ainda surpreso, e maravilhado, Kurt de Cramer entrou em contato com outros especialistas em reprodução para confirmar suas suspeitas, pois essa era a primeira vez, em 26 anos de prática, que o veterinário tinha visto dois cachorros nascerem vivos de uma mesma placenta.

A cadela apresentava uma protuberância incomum na região do útero antes de parir. (Foto: Reprodução / BBC / Kurt de Cramer)

Quando os filhotes estavam com duas semanas de idade, uma equipe de especialistas pegou amostras de sangue dos animais para estudos mais aprofundados.

Como os cães de uma mesma ninhada costumam ser parecidos, os pesquisadores queriam ter certeza de se o caso se tratava de cães gêmeos idênticos. O que foi confirmado, os filhotes que nasceram da mesma placenta eram gêmeos monozigóticos, geneticamente idênticos.

Apesar de terem o mesmo DNA, os cãezinhos gêmeos apresentam diferenças sutis nas marcações em seus pelos. “Os gêmeos idênticos humanos também têm os mesmos genes, mas porque esses genes são expressos de forma diferente em cada pessoa, eles têm diferentes padrões de sardas e impressões digitais”, explicou o veterinário responsável pelo parto.

Os cãezinhos são gêmeos monozigóticos. (Foto: Reprodução / BBC / Kurt de Cramer)

Quatro semanas depois, foram feitos novos exames para confirmar os anteriores. Dessa vez as amostras de DNA foram retiradas de tecidos, e não do sangue. Os outros filhotes também participaram desses testes.

Os novos exames confirmaram os primeiros resultados, e comprovou que os outros filhotes da mesma ninhada eram apenas parecidos, e a equipe publicou sua descoberta de cães gêmeos idênticos, que nasceram nem um hospital veterinário da África do Sul, na revista Reproduction in Domestic Animals.

Este foi o primeiro caso de cachorros gêmeos idênticos confirmado com exames e registrado em uma publicação científica. Porém, de acordo com informações, é impossível afirmar quantos casos realmente já aconteceram.

Sabe-se apenas que é muito difícil fetos de cães sobreviverem em uma mesma placenta, pois nesses casos eles não recebem a quantidade de nutrientes necessários e o oxigênio também pode ser insuficiente.

Os cães gêmeos têm ainda mais cinco irmãos. (Foto: Reprodução / BBC / Kurt de Cramer)

O veterinário Kurt de Cramer também afirmou que já tinha visto um único caso de cães gêmeos idênticos em 2014, porém, quando ele fez a cesariana os fetos já estavam mortos.

Os cães gêmeos receberam o nome de Cullen e Romulus e, apesar de terem nascido com um tamanho menor do que os outros cinco irmãos, próximo dos dois meses de idade eles já tinham alcançado o tamanho do resto da turma.

Fonte: BBC

Pesquisa aponta que brasileiros gastam quase R$ 200 por mês com animais de estimação

por Andrezza Oestreicher — publicado 23 set 2017 - 18:22

De acordo com uma pesquisa feita pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) com usuários da intenert, cerca de 76% dos internautas brasileiros possuem um animal de estimação em casa. Destes animais, 79% são cães.

A pesquisa, que buscava saber o comportamento dos tutores em relação ao gasto financeiro com seus animais, mostrou que as famílias brasileiras gastam uma média de R$ 189 por mês com seus animais de estimação.

 » Read more about: Pesquisa aponta que brasileiros gastam quase R$ 200 por mês com animais de estimação  »

Câmeras flagram momento em que cadela é abandonada por tutor, mas história tem final feliz

por Andrezza Oestreicher — publicado 23 set 2017 - 9:27

A cidade de Dallas, no Texas, Estados Unidos, sofre com o grave problema de abandono de animais. Os abrigos locais fazem tudo o que podem. Resgatam, cuidam e encontram lares para os bichinhos, mas o abandono continua.

Pensando em minimizar ao máximo isso, autoridades locais colocaram câmeras de segurança em um ponto da cidade conhecido por ser um local onde muitos animais são abandonados. E parece que essa ajuda já está trazendo efeitos.

O primeiro caso flagrado pelas câmeras,

 » Read more about: Câmeras flagram momento em que cadela é abandonada por tutor, mas história tem final feliz  »

Atleta do UFC Cláudia Gadelha tem ajuda de cachorrinho em nova fase de vida e carreira

por Andrezza Oestreicher — publicado 22 set 2017 - 9:28

Mudanças nem sempre são fáceis, principalmente quando elas são grandes e quando precisamos passar por elas sozinhas. Como é o caso da mudança do Brasil para os Estados Unidos que a atleta do UFC Cláudia Gadelha passou há pouco tempo.

Além de precisar passar por tudo isso sem nenhum membro de sua família ao seu lado, a lutadora também está com treinadores novos.

Seja bem vindo, bebe!! Welcome to my baby!! #teamclaudia #TeamCG #thisisfancy #myfancydog

 » Read more about: Atleta do UFC Cláudia Gadelha tem ajuda de cachorrinho em nova fase de vida e carreira  »

deixe seu comentário:
Siga o Portal do Dog
Últimas notícias

Pesquisa aponta que brasileiros gastam quase R$ 200 por mês com animais de estimação

por Andrezza Oestreicher — publicado 23 set 2017 - 18:22

De acordo com uma pesquisa feita pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) com usuários da intenert, cerca de 76% dos internautas brasileiros possuem um animal de estimação em casa. Destes animais, 79% são cães.

A pesquisa, que buscava saber o comportamento dos tutores em relação ao gasto financeiro com seus animais, mostrou que as famílias brasileiras gastam uma média de R$ 189 por mês com seus animais de estimação.

Quando falamos de famílias das classes A e B esse gasto sobe para de R$ 224 mensais.

A maioria dos tutores tem seus animais com membros da família. (Foto: Reprodução / Porticopharmacy)

O fato de serem considerados como membros da família por grande parte dos tutores, cerca de 61% dos entrevistados pensam assim, faz com que as pessoas não pensem em seus animais como gasto e tentem oferecer os melhores produtos para os seus pets.

Ainda de acordo com a pesquisa, entre os principais serviços que os tutores buscam seus pets estão rações (88%), shampoos e condicionadores (57%), petiscos (52%), medicamentos e vitaminas (50%) e brinquedos (44%). Mais da metade dos tutores entrevistados, 52%, afirmaram que buscam sempre a melhor ração para seus animais e que as mais escolhidas são as chamadas premium.

Apesar da crise financeira, a pesquisa mostrou que 21% dos tutores não deixam de comprar algo para seus bichinhos por falta de dinheiro.

Entre os principais gastos com os animais está a ração. Boa parte dos tutores busca oferecer a melhor ração para o seu pet. (Foto: Reprodução / Pet MD)

Também pôde ser vista na pesquisa a preocupação dos tutores (99%) quanto à saúde de seus animais de estimação. Prova disso é que o item que a maioria dos tutores respondeu ser um desejo oferecer para o seu animal é um plano de saúde específico. 33% dos tutores afirmaram que, apesar de terem muita vontade, não fizeram plano de saúde para o seu animal por conta do dinheiro.

Os peludos merecem ser muito amados e ter tutores tenham sempre um cuidado especial com sua saúde.

Fonte: G1

Câmeras flagram momento em que cadela é abandonada por tutor, mas história tem final feliz

por Andrezza Oestreicher — publicado 23 set 2017 - 9:27

A cidade de Dallas, no Texas, Estados Unidos, sofre com o grave problema de abandono de animais. Os abrigos locais fazem tudo o que podem. Resgatam, cuidam e encontram lares para os bichinhos, mas o abandono continua.

Pensando em minimizar ao máximo isso, autoridades locais colocaram câmeras de segurança em um ponto da cidade conhecido por ser um local onde muitos animais são abandonados. E parece que essa ajuda já está trazendo efeitos.

Momento em que o homem abandonou a cadelinha foi flagrado por câmeras de segurança. (Foto: Reprodução / Vídeo / Life With Dogs)

O primeiro caso flagrado pelas câmeras, no início de agosto, foi o de uma cadelinha que foi levada de carro até o local e abandonada por um senhor. Enquanto a cadelinha foi resgatada e recebeu todos os cuidados que precisava, o homem foi identificado depois que entidade de proteção animal SPCA do Texas compartilhou o vídeo na sua página do Facebook.

O homem, que de acordo com o SPCA se chama Gorge Spears, se entregou na polícia depois que um mandado de prisão foi emitido em seu nome. Ainda segundo informações, acusações criminais de crueldade serão peticionadas.

Felizmente, a cadelinha, que foi elogiada por todos, foi adotada rapidamente e já está muito bem e feliz em seu novo lar.

A cadelinha foi adotada rapidamente por um casal que está encantado por ela e lhe dando muito amor. (Foto: Reprodução / Facebook SPCA of Texas)

Segundo uma publicação feita pela DPCA do Texas, a cadela, que recebeu o nome de K.D. está indo extremamente bem em sua nova casa, onde todos se encantaram com toda a sua doçura. “KD trouxe tanto amor para minha casa… Ela é extremamente calma e só quer amar a todos que conhece”, disseram os novos tutores da cadelinha.

Fonte: Life With Dogs