10 coisas que você nem imaginava que os cães conseguem farejar

Veja uma lista com 10 coisas estranhas que os cães conseguem farejar

por Fabio Sakita — publicado 3 mar 2013 - 12:54

Todos nós sabemos que os cães tem um olfato muito avançado, sendo o principal sentido canino. Para se ter uma ideia, o ser humano possui 5 milhões de celulas olfativas, enquanto o cachorro atinge 220 milhões. Para saber um pouco mais sobre o olfato canino, acesse O olfato de um cão.

Por ter um olfato tão aguçado, os cães conseguem farejar coisas que vão além da nossa capacidade, abaixo listamos 10 coisas que os cães conseguem farejar.

Coisas estranhas que os cães farejam10 – Bactérias
Desde os anos 1970, apicultores treinam cães para farejar colmeias doentes antes que elas consigam infectar enxames saudáveis.
Os cães conseguem descobrir se uma colmeia está saudável ou não sentindo o cheiro das bactérias que causam uma doença conhecida como “Loque Americana” ou “Cria Podre”. 100 colmeias podem ser inspecionadas em 45 minutos usando um cão, em vez dos dois dias que levaria para um humano fazer a mesma tarefa.
 


Coisas que os cães conseguem farejar9 – DVDs
Cães podem ser treinados para detectar o policarbonato do qual são feitos os DVDs, o que os torna uma ferramenta preciosa para combater a pirataria e contrabando de DVDs.
Na primeira vez que cães foram usados para isto, encontraram uma carga de DVDs piratas no valor de US$ 3 milhões (R$ 6 milhões). O sucesso dos cães foi tanto que os malásios responsáveis pela pirataria ofereceram um prêmio de US$ 30.000 (R$ 60.000) pela morte dos cães.
 


Coisas que os cães farejam8 – Vítimas de afogamento
A polícia dos EUA usa com frequência cães para localizar os corpos de vítimas de afogamentos. Mas como um cão consegue sentir o cheiro de um corpo debaixo de toda aquela água?
O odor dos corpos é liberado na corrente aquática, e acaba escapando para o ar. Os cães, que podem trabalhar na margem, em um bote ou mesmo nadando, seguem este odor até o ponto em que ele é mais forte.
 


Coisas que os cães conseguem farejar7 – Emboscada e equipamentos dos vietcongues
Durante a Guerra do Vietnã, os militares americanos usaram cães farejadores para encontrar soldados inimigos. Não parece grande coisa, já que é sabido que os cães podem farejar humanos. Mas os cães também foram treinados para detectar túneis, armas e armadilhas, salvando a vida de centenas de soldados americanos.
O único problema é que, em um campo de guerra, latir é uma péssima ideia, já que dá ao inimigo a posição do cachorro. Os cães foram então treinados a sinalizar de forma alternativa o que eles encontravam. Alguns aprenderam a arrepiar os pelos da nuca, outros cruzavam as orelhas, e pelo menos um cão ficava em pé sobre as patas traseiras quando sentia o odor de algo mais sinistro.
 


Coisas que os cães farejam6 – Diabetes
Os cães podem ser treinados para alertar seus proprietários diabéticos quando os níveis de açúcar no seu sangue caem a níveis perigosos.
 


Coisas cães farejam5 – Fezes de baleia
Cientistas, para monitorar a saúde e compreender os hábitos alimentares das baleias, têm que, entre outras coisas, examinar as fezes das mesmas. Só que tem um problema: os excrementos flutuam só por cerca de meia hora depois da baleia eliminá-los, o que torna necessário que os cientistas coloquem suas mãos nas fezes o quanto antes possível.
A solução foi treinar cães para detectá-las. E eles são bons: conseguem sentir o cheiro de fezes que estão a 1,6 km de distância, indicando aos cientistas para onde devem ir para achar seu tesouro. Para guiar os humanos interessados em fezes, o cão pode inclinar para a direita ou esquerda, ou então agitar sua orelha direita ou esquerda.
 


Coisas que os cães conseguem farejar4 – Percevejos
Com a popularização das viagens aéreas, um aumento quase apocalíptico de casos de infestações de percevejos está acontecendo. Mas por uma taxa módica, empresas de controle de pragas podem investigar uma casa usando um cachorro, permitindo que você saiba que tipos de problemas pode vir a ter se comprar uma nova propriedade.
E, segundo estudo feito na Universidade da Flórida (EUA), eles conseguem detectar um único inseto ou ovo vivos com uma precisão de 96%.
 


Coisas que os cães conseguem farejar3 – Minérios
O governo da Finlândia financiou um programa para ensinar cães a detectar valiosas rochas contendo sulfureto. Quando são partidas, elas liberam um odor semelhante ao de ovos podres, que os cães conseguem detectar facilmente.
Tão fácil que durante uma pesquisa um cão encontrou um depósito de “grande valor econômico”.
 


Coisas que os cães farejam2 – Ovulação de vacas
Hoje em dia, as vacas são engravidadas usando inseminação artificial. O sêmen, no entanto, costuma não ser barato, de forma que a pior coisa para um fazendeiro é tentar inseminar uma vaca quando ela não está no cio.
Para evitar o prejuízo e a conversa constrangedora com o banco, alguns fazendeiros usam cães especialmente treinados para detectar quando uma vaca está no cio – eles são tão bons nisto que conseguem distinguir o período antes mesmo dos touros.
 


Coisas que os cães farejam1 – Câncer
O olfato supersensível dos cães permite que eles sintam até mesmo o odor de células cancerígenas, que parecem ter um cheiro próprio. Em pacientes com câncer de pulmão ou de mamas, o odor do câncer aparece no hálito do paciente e pode ser detectado por cães treinados.
 


Fonte: De Olho em Aquiraz

Boneca Barbie vem acompanhada com cachorro que faz cocô e pá para a limpeza

por Andrezza Oestreicher — publicado 26 jul 2017 - 9:38

Apesar de atualmente já existirem inúmeras novidades quando o assunto é brinquedo infantil, a boneca Barbie ainda continua fazendo bastante sucesso e lançando novidades.

Batizada de “Barbie® Walk & Potty Pup” (Barbie passeio e pequeno filhote), a novidade da Barbie, uma boneca amada por crianças de várias gerações, vai agradar em cheio os amantes de animais.

A boneca vem agora acompanhada de um cachorrinho que ela precisa levar para passear para que ele faça as suas necessidades.

 » Read more about: Boneca Barbie vem acompanhada com cachorro que faz cocô e pá para a limpeza  »

Homem constrói cadeiras de rodas para cães com tubos de água de plástico

por Andrezza Oestreicher — publicado 25 jul 2017 - 18:18

Para os animais com deficiência física, a adoção é bem mais difícil de acontecer do que para os outros cachorros. Famílias chegam a abandonar seus cães depois que eles passam a ter esse tipo de problema, e algumas vezes o maio empecilho é a dificuldade e os custos para se obter uma cadeira de rodas para cachorro.

Em um abrigo de animais localizado em Tainan, cidade de Taiwan, os cães deficientes estão recebendo a ajuda de um amante de pets que passou a construir,

 » Read more about: Homem constrói cadeiras de rodas para cães com tubos de água de plástico  »

Alfie Allen leva cadelinha para evento e animal chama mais atenção do que os atores

por Andrezza Oestreicher — publicado 25 jul 2017 - 9:31

Famoso por interpretar Theon Greyjoy em Game of Thrones, personagem que desperta ódio, pena e até admiração entre os fãs da série, o ator Alfie Allen participou, no dia 21 de julho, da Comic Con de San Diego, onde se juntou a outros atores para falar sobre a nova temporada de GOT.

Porém, apesar de o personagem ter passado por bastante coisa e causar curiosidade quanto ao seu destino e a série,

 » Read more about: Alfie Allen leva cadelinha para evento e animal chama mais atenção do que os atores  »

deixe seu comentário:
Siga o Portal do Dog
Últimas notícias

Boneca Barbie vem acompanhada com cachorro que faz cocô e pá para a limpeza

por Andrezza Oestreicher — publicado 26 jul 2017 - 9:38

Apesar de atualmente já existirem inúmeras novidades quando o assunto é brinquedo infantil, a boneca Barbie ainda continua fazendo bastante sucesso e lançando novidades.

Batizada de “Barbie® Walk & Potty Pup” (Barbie passeio e pequeno filhote), a novidade da Barbie, uma boneca amada por crianças de várias gerações, vai agradar em cheio os amantes de animais.

A Barbie agora vem acompanhada de um cachorrinho que precisa passear para fazer cocô e também com um kit de limpeza. (Foto: Reprodução / Barbie® Walk & Potty Pup)

A boneca vem agora acompanhada de um cachorrinho que ela precisa levar para passear para que ele faça as suas necessidades. Além disso, um pequeno kit de pás também vem junto, para que as fezes do cão sejam recolhidas.

Se pensarmos que as crianças aprendem com os exemplos dos mais velhos e levam suas brincadeiras para a vida, essa é uma ótima forma de educarmos nossos pequenos e ensinar que devemos limpar as sujeiras de nossos amigos peludos.

Ao apertar o rabo, saem as fezes de brinquedo do cãozinho. (Foto: Reprodução / Barbie® Walk & Potty Pup)

Além da Barbie, do cachorrinho e das pás, a caixa do brinquedo inclui um potinho de comida e um petisco em forma de osso para o cão, além de pequenas fezes de plástico, que saem de dentro do cachorro (ao empurrar o rabinho do brinquedo) e precisam ser retiradas do chão com a ajuda do kit de pás.

Essa é uma forma bem legal e divertida de mostrar para os seus filhos como devemos cuidar de nossos bichinhos de estimação.

O brinquedo pode ajudar a ensinar para as crianças alguns cuidados básicos que devemos ter com os animais de estimação, como levá-los para passear e limpar a sujeira que eles fazem na rua. (Foto: Reprodução / Barbie® Walk & Potty Pup)

É, não somos só nós. A Barbie também precisa levar seu cãozinho para passear e fazer as necessidades e depois também precisa limpar toda a sujeira deles.

Homem constrói cadeiras de rodas para cães com tubos de água de plástico

por Andrezza Oestreicher — publicado 25 jul 2017 - 18:18

Para os animais com deficiência física, a adoção é bem mais difícil de acontecer do que para os outros cachorros. Famílias chegam a abandonar seus cães depois que eles passam a ter esse tipo de problema, e algumas vezes o maio empecilho é a dificuldade e os custos para se obter uma cadeira de rodas para cachorro.

Em um abrigo de animais localizado em Tainan, cidade de Taiwan, os cães deficientes estão recebendo a ajuda de um amante de pets que passou a construir, por vontade e iniciativa própria, cadeiras de rodas para aqueles bichinhos que têm dificuldade de locomoção.

Um homem está ajudando vários animais com deficiência em Taiwan. (Foto: Reprodução / Business Insider UK / Tech Insider UK)

Pan Chieh começou a fazer cadeiras de rodas para animais de abrigo depois que ele teve uma experiência pessoal. Um amigo resgatou e salvou um cachorro abandonado ferido. Depois de receber todos os cuidados médicos, constatou-se que o cão não conseguiria mais andar sozinho.

A clínica ofereceu uma cadeira de rodas para o animal, porém o preço era muito elevado e o salvador do cão não conseguiria pagar tudo. Para ajudar o amigo e o cão, Pan construiu uma cadeira de rodas para o animal.

“O primeiro cão se recuperou completamente depois de usar a cadeira de rodas, o que me deu muita confiança”, explicou Pan. O homem, que faz cadeiras de rodas para cães e gatos desde então, começou com ​​peças de madeira, que eram mais pesados, e finalmente chegou aos modelos atuais.

Ele faz cadeiras de rodas com tubos de água de plástico para cães e gatos. (Foto: Reprodução / Business Insider UK / Tech Insider UK)

Feitas com tubos de água de plástico, e conectadas por articulações, os novos modelos de cadeiras de rodas construídos por Pan chegam a custar menos de um terço do preço dos modelos disponíveis no mercado.

Além de bem mais baratas, as cadeiras de rodas feitas por Pan são leves e o material utilizado permite que o homem personalize as cadeiras de acordo com as necessidades específicas de cada animal.

Pan e sua namorada passam os fins de semana visitando diversos abrigos e casas em que vivem animais para ver os animais que precisam de suas cadeiras de rodas. Eles cobram apenas o valor dos produtos utilizados na construção das cadeiras e nos casos de cães abandonados o casal oferece tudo de forma gratuita.

O homem conhece os animais que estão precisando das cadeiras e constrói cada peça com a ajuda de sua namorada. (Foto: Reprodução / Business Insider UK / Tech Insider UK)

De acordo com o casal, as cadeiras de rodas produzidas pro eles ainda não são os modelos perfeitos para os animais e podem ser melhoradas, mas o trabalho deles, que é feito com muito amor, está ajudando a mudar e salvar as vidas de muitos bichinhos em Taiwan.

Fonte: Business Insider UK