10 Raças caninas com nomes vítimas de erro de grafia

Aprendendo o nome de 10 raças caninas que são comumente são escritas de maneira errada

por Samantha Kelly — publicado 16 mar 2014 - 2:21

Observamos que algumas raças caninas são constantemente escritas de maneira errada. Por isso, além de mostrar a grafia correta, vamos falar um pouco sobre suas origens.

 

1) Poodle – Poodo e Pudo

Esse cão, muito difundido, é certamente descendente do Barbet do norte da África, introduzido pelos árabes na península Ibérica, onde ele teria sido cruzado com o Cão de Água. (Saiba mais sobre o Poodle)

 

poodle

 

2) Pinscher – Pinchi

Raça oriunda da Alemanha, tem como primeiro registro o ano de 1836, quando foi citado como o resultado do cruzamento entre as raças Schnauzer e Greyhound Italianos.

 

pinscher

 

3) Schnauzer – Shnaus

O origem do nome da raça vem do nome alemão Schnauze, que em alemão significa “focinho”. O Schnauzer é assim chamado por causa de seu crânio longo e forte. (Saiba mais sobre o Schnauzer Mini, Médio e Gigante)

 

schnauzer

 

4) Yorkshire Terrier – Inhoquecharle

O surgimento do Yorkshire Terrier está associado à conjuntura econômica. Operários da indústria de lanifício que viviam às margens do rio Clyde, na Escócia, utilizavam na caça um pequeno Terrier que levaria o nome do distrito de Clydesdale. No início do século XIX, quando eles partiram da Escócia para se instalar em Yorkshire, levaram consigo seus cachorros. (Saiba mais sobre o Yorkshire Terrier)

 

yorkshire-terrier

 

5) Rottweiler – Hot vale

Para o cinólogo Strebel, esse cão é tipicamente alemão e descende do Boiadeiro da Baviera. Para outros, ele é oriundo dos Mastins introduzidos na Alemanha por invasores romanos. Na Idade Média ele era muito difundido nos cantões suíços de Argóvia e de Schaffhouse, assim como na região de Rottweil, no sul do Wurtemberg. A cidade de Rottweil era então um centro muito frequentado por mercadores de gado, que confiaram ao Rottweiler, cão poderoso e corajoso, a tarefa de vigiar ao mesmo tempo os rebanhos e a vida deles, já que muitas vezes transportavam grandes quantias de dinheiro, transformando-se em alvo de predileção dos bandidos. A cidade abrigava também uma importante corporação de açougueiro. Estes adotaram o Rottweiler, então apelidado de “cão de açougueiro”. (Saiba mais sobre o Rottweiler)

 

rottweiler

 

6) Pit Bull – Pitbú

O termo Pit Bull se refere ao conjunto de raças que inclui o American Pit Bull Terrier, o American Staffordshire Terrier e o Staffordshire Bull Terrier.

 

pit-bull

 

7) Lhasa Apso – Ilhasa

Nascido no Tibete, o Lhasa Apso é considerado um dos mais antigos cães do mundo. Animal sagrado, ele era principalmente criado nos conventos de monges tibetanos. A formidável pelagem dourada, que se parece com a da cabra do Tibete, lhe valeu o qualificativo de “Apso”, do nome desse animal. (Saiba mais sobre o Lhasa Apso)

 

lhasa-apso

 

8) Labrador Retriever – Lavrador

Descendente do “Cão de Saint-Jones”, que vivia no século XVIII na ilha de Terra Nova, a oeste da foz do rio Saint-Laurent, no Canadá, o Labrador Retriever era utilizado pelos pescadores de bacalhau para recuperar os peixes escapados da rede. (Saiba mais sobre o Labrador Retriever)

 

labrador-retriever

 

9) Beagle – Bigu

Essa raça inglesa de sabujos é bastante antiga. A partir do século XV, ela passou a ser muito apreciada na Grã-Bretanha, e particularmente honrada no reino de Elizabeth I. No século XVII, os grands veneurs (altos oficiais reais encarregados da caça, os menteiros-mores) ingleses cruzaram Beagles e Harriers, para atender às necessidades da caça a cavalo, mas acabaram por preferir estes últimos. No século XVIII, eles apareceram em poesias publicadas por um poeta de nome escocês, Ossian. (Saiba mais sobre o Beagle)

 

beagle

 

10) Shih Tzu – Cheetos

Oriundo do Tibete, o Shih Tzu (pronuncia-se “Xid Zu”), cão-leão, é renomado por se um cão muito antigo, que descende no Lhasa Apso e do Pequinês. No século XVI ele era oferecido a todo o visitante chinês importante. (Saiba mais sobre o Shih Tzu)

 

shih-tzu

Cães são peça chave na investigação do caso de Vitória Gabrielly

por Samantha Kelly — publicado 21 jun 2018 - 9:52

O auxílio canino no caso da morte de Vitória Gabrielly tem sido fundamental. Ate agora, tanto um pet quanto uma equipe de cães especializados, foram peças chaves na investigação do crime.

Em um primeiro momento, enquanto a polícia ainda tentava encontrá-la e havia a esperança da menina ainda estar viva, a pista da localização exata do paradeiro de Vitória veio de um catador de latinhas que estava passeando com seu cachorro.

O pet ficou intrigado com o cheiro forte que vinha da mata e começou a latir sem parar.

 » Read more about: Cães são peça chave na investigação do caso de Vitória Gabrielly  »

Além da rampinha: Escada em espiral é opção chique e compacta para seu cachorro subir na cama

por Samantha Kelly — publicado 15 jun 2018 - 9:30

Ficamos apaixonadas pela escada em espiral da Sophipet com um ar super sofisticado. Ela é totalmente personalizável, com várias opções de cores e estilos para combinar com diferentes tipos de decoração.

Muitos não sabem, mas rampas e escadinhas dessa forma ajudam bastante os pets a não forçarem as costas com os vários pulos acrobáticos que eles dão quando sobem e descem da cama, sofá e afins.

Ela chega até 100 cm de altura para as camas mais altas e possui apenas 45 cm de raio,

 » Read more about: Além da rampinha: Escada em espiral é opção chique e compacta para seu cachorro subir na cama  »

Operários indianos constroem estrada em cima de cachorro que dormia na rua

por Samantha Kelly — publicado 15 jun 2018 - 7:02

O incidente é tão absurdo que é difícil acreditar como alguém pode ser tão insensível em relação a vida do próximo.

Operários em uma estrada de Agra, na Índia, não se deram o trabalho de mover um cachorro que dormia no local enquanto eles recapeavam a rua e seguiram com o dia como se não houvesse ninguém ali. Sim, eles construíram a rua em cima do cachorro e ele morreu após ter sido esmagado pelo rolo compressor enquanto os trabalhadores nivelavam a rua.

 » Read more about: Operários indianos constroem estrada em cima de cachorro que dormia na rua  »

deixe seu comentário:
Siga o Portal do Dog
Últimas notícias

Cães são peça chave na investigação do caso de Vitória Gabrielly

por Samantha Kelly — publicado 21 jun 2018 - 9:52

O auxílio canino no caso da morte de Vitória Gabrielly tem sido fundamental. Ate agora, tanto um pet quanto uma equipe de cães especializados, foram peças chaves na investigação do crime.

Em um primeiro momento, enquanto a polícia ainda tentava encontrá-la e havia a esperança da menina ainda estar viva, a pista da localização exata do paradeiro de Vitória veio de um catador de latinhas que estava passeando com seu cachorro.

O pet ficou intrigado com o cheiro forte que vinha da mata e começou a latir sem parar. Foi graças a reação estranha do cachorro que o tutor foi verificar se havia de fato algo errado. Foi então que ele acabou se deparando com o corpo da menina, que se encontrava no mesmo local há 4 dias.

Após a confirmação da morte e localização do corpo, a próxima fase da investigação contou com a ajuda de Bazuka, Adaga e Duke, cães farejadores do grupo GBR. Através de odores de suspeitos fornecidos pela polícia, os cães vasculharam a área delimitada e verificaram se os cheiros poderiam ser encontrados no local.

Apesar da equipe envolvida não poder contar muito sobre o resultado para não atrapalhar o trabalho investigativo, o treinador dos cães afirma que os animais confirmaram a presença de alguns dos odores no local.

 

Foto: Reprodução/Record

 

Além da rampinha: Escada em espiral é opção chique e compacta para seu cachorro subir na cama

por Samantha Kelly — publicado 15 jun 2018 - 9:30

Ficamos apaixonadas pela escada em espiral da Sophipet com um ar super sofisticado. Ela é totalmente personalizável, com várias opções de cores e estilos para combinar com diferentes tipos de decoração.

Muitos não sabem, mas rampas e escadinhas dessa forma ajudam bastante os pets a não forçarem as costas com os vários pulos acrobáticos que eles dão quando sobem e descem da cama, sofá e afins.

Ela chega até 100 cm de altura para as camas mais altas e possui apenas 45 cm de raio, o que salva bastante espaço. Dá até para adicionar uma proteção na escada para evitar acidentes.

Elas são feitas com excelente qualidade e o preço, apesar de ser salgado (começa em US $ 420 e, para a opção mais cara, você precisa desembolsar mais de US $ 1.500), ainda são uma ótima ideia e opção para quem pode pagar.

Queremos opções mais acessíveis para ontem!