Ama animais? Saiba 15 maneiras de como você pode ajudá-los

O que muitos desconhecem é que há muitas formas de ajudar. O único elemento necessário é boa vontade e comprometimento.

por Samantha Kelly — publicado 3 fev 2015 - 14:39

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

São muitas as pessoas que dizem que amam animais, que adorariam fazer alguma coisa, porém, não fazem nada para ajudá-los. As desculpas vão desde os que dizem que não têm dinheiro aos que não têm tempo.

O que talvez desconheçam, é que há muitas formas de ajudar. O único elemento necessário é boa vontade e comprometimento.

Por isso, listamos 15 maneiras que você pode ser mais ativo e influenciar positivamente a vida dos animais.

 

1- Adote

Está aberto a ter um novo companheiro? Adote, dê uma chance de uma vida melhor para um animal que está perfeito, só a espera de um lar

2- Não compre de Puppy Mills

Se decidir comprar um animal, investigue sua origem e nunca compre de um criador que não trata bem seus animais e não garante o bem estar dos animais em sua responsabilidade.

3- Não coloque seus animais para procriar indiscriminadamente

Colocar seu animal para procriar, sem estar preparado para arcar com o trabalho e despesas financeiras, de ser responsável pela vida dos filhotes, caso ninguém os adote ou compre, é jogar aqueles filhotes a própria sorte no mundo.

4- Não tenha preconceito com SRDs

Os Sem Raça Definida (SRS) têm sem brilho. Veja a beleza e o companheirismo que vão além dos padrões de pedrigree.

5- Resgate

Viu um animal na rua? Ajude-o! A sua ação mudará completamente a vida daquele ser.

6- Ofereça lar temporário

Muitas ONGs não têm o espaço ou contingente humano para cuidar de todos os animais que são resgatados. Abra as portas de suas casa para um animal, preparando-o para a nova família, enquanto ele não é adotado permanentemente.

7- Pratique a posse responsável

Seja um bom tutor e garanta que seu animal tenha uma vida digna, com amor e saúde. O bem estar do seu cachorro é de sua responsabilidade.

8- Auxilie uma ONG financeiramente

Muitas ONGs fazem um belo trabalho no resgate de animais, porém, sem auxílio financeiro do poder público, os protetores sofrem para garantir que os animais tenham os cuidados necessários e suas necessidades básicas supridas,. Uma ajuda financeira, de preferência um compromisso mensal, mesmo que pequena, representa muito.

9- Compre os produtos de uma ONG

Uma das maneiras que ONGs conseguem custear parte de seu trabalho é vendendo produtos.

10- Auxilie uma ONG com trabalho físico e presencial

Há diversos exemplos de como você pode auxiliar o trabalho de uma ONG presencialmente: Participe de mutirões de limpeza, de construção de novos canis, seja voluntário em feiras, etc.

11- Conscientize e dissemine informações importantes

Se mantenha informado e garanta que as informações e conteúdo que você adquiriu sejam disseminados. Quanto mais pessoas atingir, mais chances desse conhecimento ajudar animais e pessoas.

12- Utilize de seu trabalho/talento para mudar vidas

É artista? Se inspire e faça um projeto que conscientiza. Jornalista? Que tal utilizar de suas palavras e veículos para tocar mais pessoas. Trabalha com o poder público? Lute pelo direito dos animais com leis e projetos. Trabalha em uma empresa que possui projetos sociais? Utilize essa possibilidade para ajudar alguma ONG ou projeto voltado aos animais.

13- Apoie empresas que se importam com os animais

Várias empresas são conscientes e realizam um trabalho especial com os animais. Apoie o trabalho e deixe claro que eles fazem a diferença.

14- Cobre do poder público

O governo é teoricamente responsável por cuidar dos animais de nosso país. Cobre que os projetos de leis, há tanto tempo engavetados, sejam aprovados, e fique de olho para que eles sejam implementados.

15- Não permita o abuso animal 

Se você presenciou o abuso animal, denuncie, a lei está ao seu lado. Abuso animal é crime no Brasil.

Notou um comportamento estranho por parte de algum conhecido com o pet dele? Não fique calado e tente explicar que aquilo é errado. Não seja omisso com o sofrimento do outro.

Após forte terremoto que deixou muitos mortos, México comemora resgate de cachorro

por Andrezza Oestreicher — publicado 21 set 2017 - 18:23

Infelizmente, novos desastres naturais aconteceram e trouxeram muita dor e transtornos. Dessa vez, um forte terremoto de magnitude de 7.1abalou o México no dia 19 de agosto, última terça-feira.

Essa magnitude de terremoto é muito forte e os danos que ela pode causar são incontáveis. Muitas pessoas perderam suas casas e muitas pessoas morreram. De terça-feira para cá as buscas por pessoas com vida em meio aos escombros não param. Não só por pessoas,

 » Read more about: Após forte terremoto que deixou muitos mortos, México comemora resgate de cachorro  »

Patrick Stewart não poderá ficar com cadelinha que pretendia adotar após dar lar temporário

por Andrezza Oestreicher — publicado 21 set 2017 - 9:38

Há cerca de seis meses, o ator Patrick Stewart, que participou de vários filmes, mas é mais conhecido por seu papel como Professor Charles Xavier em X-Men, encantou ainda mais seus fãs ao abrir as portas de sua casa nos Estados Unidos para dar lar temporário para uma cadelinha resgatada.

Ginger, que é da raça Pit Bull, logo ganhou o coração de Patrick e o de sua esposa com toda a sua doçura, apesar do passado difícil que teve antes de ser resgatada.

 » Read more about: Patrick Stewart não poderá ficar com cadelinha que pretendia adotar após dar lar temporário  »

Homem salva cão de redemoinho no interior de São Paulo

por Andrezza Oestreicher — publicado 20 set 2017 - 9:10

Uma forte ventania que tomou formas de redemoinho assustou a todos que estavam na rua e próximos do local onde a corrente de ventos se deu no município de Cerqueira César, em São Paulo. O fato aconteceu na última segunda-feira, dia 18 de agosto.

Apesar de não causar grandes estragos, o redemoinho deixou muita gente preocupada, incluindo Antônio Ferreira, que arriscou sua vida para resgatar um cachorro que estava muito perto da forte ventania.

 » Read more about: Homem salva cão de redemoinho no interior de São Paulo  »

deixe seu comentário:
Siga o Portal do Dog
Últimas notícias

Após forte terremoto que deixou muitos mortos, México comemora resgate de cachorro

por Andrezza Oestreicher — publicado 21 set 2017 - 18:23

Infelizmente, novos desastres naturais aconteceram e trouxeram muita dor e transtornos. Dessa vez, um forte terremoto de magnitude de 7.1abalou o México no dia 19 de agosto, última terça-feira.

Essa magnitude de terremoto é muito forte e os danos que ela pode causar são incontáveis. Muitas pessoas perderam suas casas e muitas pessoas morreram. De terça-feira para cá as buscas por pessoas com vida em meio aos escombros não param. Não só por pessoas, mas também animais.

Todos estão ajudando nas buscas. As equipes de resgate estão trabalhando desde o primeiro momento, mas todas as pessoas estão ajudando e não perdem tempo, vão logo retirando escombros e procurando sobreviventes.

Toda vida salva é muito comemorada pela população. Todos que são encontrados vivos em meios aos escombros recebem a mesma rapidez de resgate e os mesmos cuidados, como pôde ser visto durante o emocionante resgate de um cãozinho.

Durante as buscas, um momento tocou a todos que estavam presente, foi quando vários homens trabalharam juntos para resgatar um cachorro que estava preso nos escombros do que antes do terremoto era um prédio.

Além de surpreendente e emocionante, o resgate do cãozinho mostrou o melhor lado do ser humano, a solidariedade, cuidado e preocupação com todos os seres após um desastre natural que abalou todo um país, e até o mundo.

Ao perceberem que o animal estava bem, a multidão que estava acompanhando os resgates em meio a toda aquela poeira vinda das ruínas do prédio aplaudiu e comemorou a vida do cachorrinho.

Um conforto no meio de tanta tristeza e destruição.

Fonte: I Heart Dogs

Patrick Stewart não poderá ficar com cadelinha que pretendia adotar após dar lar temporário

por Andrezza Oestreicher — publicado 21 set 2017 - 9:38

Há cerca de seis meses, o ator Patrick Stewart, que participou de vários filmes, mas é mais conhecido por seu papel como Professor Charles Xavier em X-Men, encantou ainda mais seus fãs ao abrir as portas de sua casa nos Estados Unidos para dar lar temporário para uma cadelinha resgatada.

Ginger, que é da raça Pit Bull, logo ganhou o coração de Patrick e o de sua esposa com toda a sua doçura, apesar do passado difícil que teve antes de ser resgatada. Logo o casal percebeu que seria difícil ser apenas um lar temporário para Ginger e a vontade de ficar com ela para sempre foi grande.

‪Fostering #GingerGurl is one of the best things I've ever done. @ASPCA @WagsandWalks #AdoptDontShop #fosteringsaveslives #pibbles ‬#pitbullsofinstagram

A post shared by Patrick Stewart 💩 (@sirpatstew) on

O ator publicou diversos momentos de diversão e carinho que teve com a cadela enquanto estava nos Estados Unidos e começou a ver o que seria necessário para levar Ginger com ele para o Reino Unido, local onde Patrick nasceu e vive.

Ao chegar nessa fase, o casal percebeu que uma legislação britânica de raças não iria permitir que eles continuassem com aquela fofa cadelinha. A tal legislação, que foi chamada de antiquada e trágica por Sunny Ozell, esposa de Patrick, proíbe certas raças específicas, e uma delas é a Pit Bull.

Patrick e sua esposa ficaram completamente arrasados ao saberem que não poderiam continuar com Ginger, porém, mesmo de longe, seguem cuidando da cadelinha da forma que podem.

Dias depois de saberem que não poderiam levar a cadela para o Reino Unido, o casal foi informado pelo treinador de Ginger que tinha algo errado com suas patinhas e ela foi imediatamente levada para um veterinário, que descobriu que ela estava com uma grave lesão nos ligamentos das patas dianteiras.

“Patrick e eu não hesitamos; com apenas dois anos, Ginger foi uma excelente candidata para a cirurgia, e decidimos arrumar nossa garota. Nós não queríamos passar esse fardo para a próxima família … queríamos dar-lhe a melhor chance de um futuro mais brilhante possível”, escreveu Sunny Ozell em uma publicação no Facebook.

The swimming lesson that wasn't. Our foster pibble Ginger is perfect afternoon company. @ASPCA @WagsandWalks #AdoptDontShop #pitbullsofinstagram #pitbull

A post shared by Patrick Stewart 💩 (@sirpatstew) on

A cadelinha segue em recuperação, fazendo fisioterapia após a cirurgia, e está com o treinador, com quem ela sempre se deu muito bem e teve uma ótima relação. Assim que estiver completamente recuperada, Patrick e Sunny, que estão sempre por dentro de tudo o que acontece com a cadela e já fizeram uma visita para ela, irão ajudar a encontrar um lar para sempre para Ginger.

An update on Ginger Gurl from Sunny and me…

Posted by Patrick Stewart on Monday, September 11, 2017

Apesar de saberem que a cadela está sendo muito bem cuidada e que certamente terá um futuro brilhante com toda a sua doçura, o casal está bastante triste que uma lei que proíbe certas raças tenha impedido de que eles formassem uma linda família.

Em um evento, Patrick falou sobre o caso e disse que os cuidados que se devem ter são com os tutores de animais e disse que: “Na maioria dos casos, e certamente no caso de Pit Bulls, não é o cão que é o problema, é sempre o dono”.

Fonte: I Heart Dogs