Britânica arrecada dinheiro para comprar próteses para cão que teve as patas dianteiras mutiladas

O cachorro foi resgatado na Romênia, onde sofreu essa crueldade.

por Karina Sakita — publicado 7 maio 2014 - 9:01

Na Inglaterra, uma mulher está arrecadando dinheiro para comprar próteses para um cachorro que teve as patas dianteiras cruelmente mutiladas.

 

O cachorro Colin com Claire Revis. (Foto: Reprodução / Daily Mail)

O cachorro Colin com Claire Revis. (Foto: Reprodução / Daily Mail)

 

O cachorro Colin, que tem 8 anos, foi resgatado em Vâlcea, na Romênia, pela ativista Diana Neacsu. Ao encontra-lo, Diana entrou em contato com a amiga Claire Revis, que iniciou a missão para ajudar o cão.

Primeiro, ele foi tratado por um veterinário em Bacau (na Romênia), para que depois pudesse viajar até a Inglaterra, onde Claire mora.

Ele foi transportado por mais de 2.700 km até Essex, na Inglaterra, onde Claire o pegou e fez o restante da viagem até West Yorkshire.

Inicialmente, era esperado que 5 mil libras (cerca de 18.900 reais) seria o suficiente para pagar as despesas médicas. Mas como Colin teve que ficar mais tempo com o veterinário e fazer uma cirurgia adicional, o valor total necessário chegou a 10 mil libras (cerca de 37.800 reais).

Com a ajuda de muitas pessoas, o valor arrecadado já está quase atingindo a meta de 10 mil libras.

Todas as informações sobre Colin, o valor arrecadado até o momento e como ajudar estão no site http://www.youcaring.com/medical-fundraiser/help-get-colin-back-in-his-feet-all-4-of-them-/159281

Colin passou por diversas cirurgias para que fosse possível colocar as próteses, porque ele foi encontrado com os ossos das patas dianteiras aparentes. Segundo o veterinário que cuidou do cachorro, alguém cortou intencionalmente suas patas.

Assim que se recuperar da última cirurgia, Colin vai  receber suas próteses, que foram encomendadas nos Estados Unidos, especialmente para ele. O custo delas foi de 3 mil libras.

 

Em breve, Colin terá suas próteses. (Foto: Reprodução / Daily Mail)

Em breve, Colin terá suas próteses. (Foto: Reprodução / Daily Mail)

 

Fonte: Daily Mail UK / You Caring Free Online Fundraising

Kim Kardashian apresenta o novo cachorrinho de sua filha

por Andrezza Oestreicher — publicado 22 jun 2017 - 18:50

Para comemorar o aniversário de quatro anos de sua filha com kanye West, Kim Kardashian deu para a pequena North West um filhote de cachorro como presente.

Kim apresentou o pequeno cachorro em suas redes sociais, mas não deu grandes detalhes.

O filhote parece ser da raça Lulu da Pomerânia, também conhecida por Spitz Alemão. Alguns sites internacionais especulam que o cão seja um Teacup Lulu Da Pomeranian, tamanho maior e que apresentaria menos problemas de saúde do que o micro.

 » Read more about: Kim Kardashian apresenta o novo cachorrinho de sua filha  »

Casal que mantinha 170 cães em péssimas condições é proibido de ter animais

por Andrezza Oestreicher — publicado 22 jun 2017 - 9:33

Nos Estados Unidos, um casal foi condenado por maus-tratos a animais por manterem cerca de 170 cachorros em péssimas condições. Mark Vattimo, de 72 anos, e Christine Calvert, de 62, se declararam culpados por negligenciarem os cachorros, todos da raça Yorkshire Terrier.

Em janeiro deste ano, 2017, dezenas de cachorros foram encontrados em uma sala escura. A situação era terrível. Os animais estavam vivendo em meio a muita sujeira e com urina cobrindo o chão e até paredes.

 » Read more about: Casal que mantinha 170 cães em péssimas condições é proibido de ter animais  »

Cães treinados trabalharam no processo de buscas após incêndio da Grenfell Tower, em Londres

por Andrezza Oestreicher — publicado 21 jun 2017 - 18:15

Na madrugada do dia 14 de junho, um grande e trágico incêndio tomou conta de um prédio residencial de 24 andares localizado em Londres, o Grenfell Tower, e causou a morte de mais de 70 pessoas.

Bombeiros e policiais começaram a trabalhar o mais rápido possível para apagar o fogo e começar as buscas por sobreviventes. E foi aí que começou a participação de cães de serviço.

Cachorros especialmente treinados ajudaram no lento e meticuloso processo de busca.

 » Read more about: Cães treinados trabalharam no processo de buscas após incêndio da Grenfell Tower, em Londres  »

deixe seu comentário:

Kim Kardashian apresenta o novo cachorrinho de sua filha

por Andrezza Oestreicher — publicado 22 jun 2017 - 18:50

Para comemorar o aniversário de quatro anos de sua filha com kanye West, Kim Kardashian deu para a pequena North West um filhote de cachorro como presente.

Kim apresentou o pequeno cachorro em suas redes sociais, mas não deu grandes detalhes.

Kim Kardashian deu um fofo cachorrinho de presente para a sua filha. (Foto: Reprodução / Instagram @kimkardashian)

O filhote parece ser da raça Lulu da Pomerânia, também conhecida por Spitz Alemão. Alguns sites internacionais especulam que o cão seja um Teacup Lulu Da Pomeranian, tamanho maior e que apresentaria menos problemas de saúde do que o micro.

O que também se sabe é que Penélope, filha de Kourtney Kardashian e sobrinha de Kim, também ganhou um filhote igual ao da prima North.

Ao mostrar o pequeno filhote para seus fãs pela primeira vez, Kim só contou que o animal era da sua filha e que ele ainda não tinha nome.

Kim apresentou o filhote para seus fãs através das redes sociais. (Foto: Reprodução / Daily Mail UK / Kim Kardashian Snapchat)

“Gente, quão fofo é o cachorrinho de Northie?”, perguntou Kim para os seus seguidores do Snapchat. Ainda em um vídeo publicado na rede social, Kim olha para o fofo filhote e pergunta: “Como devemos chamar você?”.

Em seu perfil oficial no Instagram, a esposa de kanye West contou que sua sobrinha já escolheu o nome do seu cachorrinho, que agora se chama Honey e perguntou para os seus seguidores: “Como deveremos chamar o nosso?”.

North West e sua prima Penélope ganharam cachorrinhos iguais.
(Foto: Reprodução / Instagram @kimkardashian)

O que sabemos de fato até agora é que ambos os filhotes são muito lindos e fofinhos e esperamos que eles sejam sempre muito bem cuidados.

Fonte: TMZ / Daily Mail UK

Casal que mantinha 170 cães em péssimas condições é proibido de ter animais

por Andrezza Oestreicher — publicado 22 jun 2017 - 9:33

Nos Estados Unidos, um casal foi condenado por maus-tratos a animais por manterem cerca de 170 cachorros em péssimas condições. Mark Vattimo, de 72 anos, e Christine Calvert, de 62, se declararam culpados por negligenciarem os cachorros, todos da raça Yorkshire Terrier.

Em janeiro deste ano, 2017, dezenas de cachorros foram encontrados em uma sala escura. A situação era terrível. Os animais estavam vivendo em meio a muita sujeira e com urina cobrindo o chão e até paredes. Os policiais precisaram usar máscaras para conseguirem entrar no local.

Os cães foram encontrados em péssimas condições, vivendo em meio a muita sujeira e doentes. (Foto: Reprodução / UOL / San Diego Humane Society)

Além da visível negligência em relação à higiene do local e dos animais, a saúde dos cães também não estava recebendo a atenção necessária. Vários cachorros estavam com infecções e apresentando perda de pelo.

Após ser identificado, o casal foi encontrado com mais 31 cachorros. Algumas semanas depois, a mulher foi presa em Nevada. Ela estava em um motorhome (também conhecido como trailer) com mais 46 cães.

No total, foram resgatados cerca de 170 cães que estavam sob a responsabilidade e posse do casal. Algumas cadelas estavam grávidas e tiveram seus bebês já em um lugar melhor.

Os oficiais precisaram usar máscaras para conseguirem entrar onde os cães estavam. (Foto: Reprodução / UOL / San Diego Humane Society)

O casal se declarou culpado e foi condenado. Mark Vattimo e Christine Calvert estão proibidos de ter qualquer animal por pelo menos uma década e terão de encarar três anos de pena em liberdade condicional.

Fonte: UOL