2 mar 2015 - 17:10
thumbnail 1 summary

Cachorra cega sobrevive após passar 14 dias perdida no Alasca

Quando a labrador retriever Madera sumiu, fazia 40 graus abaixo de zero.

Escrito por Karina Sakita
Jornalista do Portal do Dog

Quando a cachorra Madera fugiu de casa, uma frente fria atingiu a cidade de Ester, no Alaska, e fez com que a temperatura caísse bruscamente, chegando a 40 graus negativos. Com isso, Ed Davis pensou que nunca mais veria sua labrador retriever.

Além do frio congelante, a preocupação de Ed com a cadela era ainda maior porque ela é cega. Madera, que tem 11 anos, perdeu completamente a visão por causa de uma doença autoimune.

 

Ed Davis com sua cachorra Madera. (Foto: Reprodução / Daily Mail UK)

Ed Davis com sua cachorra Madera. (Foto: Reprodução / Daily Mail UK)

 

No dia 19 o destino deu uma força à Madera. Constantine Khrulev estava passeando com seu próprio cachorro, cerca de 1,6 quilômetros da casa de Ed.

Seu cão estava usando um sininho e quando Madera escutou esse barulho, começou a chorar. Constantine então saiu um pouco da trilha e encontrou a cachorra num local que dificilmente seria vista.

Madera estava saudável, porém perdeu seis quilos.

Ed estava oferendo 100 dólares como recompensa, mas Constantine pediu que esse dinheiro fosse doado à uma ONG chamada Fairbanks Animal Shelter Fund.

Ele ficou tão impressionado com o pedido que acabou doando 250 dólares à instituição.

 

Fonte: Daily Mail UK

 


  • Compartilhe


  • Receba as notícias do
    Portal do Dog no seu email!
    É gratuito!

    Deixe seu comentário