Cão que foi abandonado por ex-dono achar que ele era “gay” encontrou uma nova chance na vida

por Samantha Kelly — publicado 31 jan 2013 - 19:39

Elton. Foto: reprodução

 

O caso do Pit Bull que seria sacrificado em um abrigo do Tennessee hoje (31) ganhou grande repercussão quando um usuário do facebook que se autointitula “Jackson TN Euthanasia” postou sobre a situação do cãozinho na rede social:

 

O dono dele jogou ele fora por acreditar ter um cachorro “gay”. Não deixe esse lindo cão morrer por ter um dono ignorante em relação a um comportamento canino normal. Ele está no abrigo 10L e será eutanasiado amanhã porque não há espaço para ele.

 

O cão foi abandonado em um abrigo porque seu antigo dono, ignorante em relação ao comportamento canino, quando viu seu cão debruçado em outro cão, chegou a conclusão que ele seria gay. Na realidade, geralmente essa atitude é ligada a dominância do cão no grupo.

Graças a força online e a indignação das pessoas que agiram e fizeram a notícia ser espalhada, a técnica em veterinária Stephanie Fryns ficou sabendo da história e essa manhã resolveu adotá-lo. Segundo Stephanie, o cão é bastante amigável mas está amedrontado.

 

Ele tem bastante medo de tudo, o que é compreensível. Mas ele amou o passeio de carro.

 

O cão, que ganhou o novo nome de Elton, irá morar com Stephanie seus outros 4 cães.

 

Stephanie Fryns (esquerda) e os quatro novos irmãos caninos de Elton (direita). Foto: Reprodução/Facebook

deixe seu comentário: