Conheça a história de Oliveira, o cãozinho que sempre fugia para um Terminal de ônibus

Após três resgates do animal em um mesmo terminal, o cão foi adestrado, teve uma mudança em seu comportamento e segue esperando por uma adoção

por Andrezza Oestreicher — publicado 14 dez 2016 - 19:56

O cão Oliveira foi encontrado pela primeira vez em supermercado de Fortaleza, no dia do primeiro jogo do Brasil na última Copa do Mundo, realizada em nosso país. Ele estava enfiado embaixo dos carrinhos de compras e tremendo muito.

Cristiane Angélica, voluntária da ONG Abrace – Uma Causa Animal, recebeu um pedido de ajuda de uma funcionária do supermercado que estava alimentando o animal, mas estava com medo de perder o seu emprego e sabia que ele precisava de uma ajuda que ela não podia dar.

Oliveira foi resgatado por Cristiane, que atendeu ao pedido de socorro e imediatamente levou o cachorro para uma clínica veterinária, onde ele fez hemograma e tomou vacinas.

Apesar de ter sido encontrado em uma situação terrível, Oliveira estava bem de saúde e logo conseguiu ser adotado. (Foto: Reprodução / Abrace)

Apesar de ter sido encontrado em uma situação terrível, Oliveira estava bem de saúde e logo conseguiu ser adotado. (Foto: Reprodução / Abrace)

Como o cão estava bem de saúde, Cristiane resolveu voltar até o supermercado onde o encontrou e andar pelas redondezas, para saber se alguém conhecia o animal. Sem sucesso.

Cristiane levou o Oliveira de volta para a clínica e o colocou disponível para adoção. Pouco tempo depois Oliveira foi adotado. Porém, no mesmo dia em que foi para a nova casa, o cão fugiu. Oliveira pulou um muro muito alto e sumiu.

Voluntário da Abrace se juntaram para ajudar e procuraram bastante pela região, espalharam cartazes, ofereceram recompensa e nada. Até que alguns meses depois, a própria pessoa que tinha adotado o Oliveira, viu o anúncio de um cachorro, muito parecido com ele, que estava vivendo no Terminal da Parangaba e estava sofrendo maus-tratos por lá.

Porém, o cão fugiu e foi encontrado muito longe. (Foto: Reprodução / Abrace)

Porém, o cão fugiu e foi encontrado muito longe. (Foto: Reprodução / Abrace)

Apesar da enorme distância entre o local de onde o cão fugiu e o Terminal de ônibus da Parangaba, Cristiane também reconheceu o cão pela foto e foi até lá buscá-lo.

O resgate do Oliveira no Terminal da Parangaba foi emocionante e muita gente que já o conhecia de lá parou para ver. Ele estava enfiado em uma cabine de caixa eletrônico.

Cristiane colocou uma coleira para levar o animal embora, mas no meio do caminho ele empacou. Ficou olhando fixo para uma cadelinha que vivia lá, e ela olhando para ele de volta. Aí não teve jeito, Cristiane resgatou também a cadelinha, que recebeu o nome de Maria de Lourdes

Os animais foram levados para uma clínica veterinária, onde receberam todos os cuidados que precisavam e de lá foram levados para o canil da Abrace, enquanto aguardavam por uma nova adoção.

Oliveira foi resgatado e levado para o canil da ONG Abrace - Uma Causa Animal, mas logo fugiu novamente. (Foto: Reprodução / Abrace)

Oliveira foi resgatado do Terminal da Parangaba e levado para o canil da ONG Abrace – Uma Causa Animal, mas logo fugiu novamente. (Foto: Reprodução / Abrace)

Porém, apesar da presença de sua amiga Maria de Lourdes, Oliveira fugiu mais uma vez e novamente foi parar no Terminal da Parangaba. Cristiane foi chamada por pessoas que circulam pelo local e a conheceram no dia em que ela foi resgatar o cão lá pela primeira vez.

Mesmo não tendo acreditado de primeira, Cristiane foi até o Terminal e realmente encontrou Oliveira. Ela o pegou novamente, mas dessa vez o levou para ser castrado. O objetivo era evitar nova fuga.

Depois de castrado o cão voltou para o canil bastante rebelde. Demonstrando estar magoado, Oliveira chegou a morder Cristiane e não queria mais conversa com ela. Com medo, os voluntários aumentaram o muro e reforçaram as grades do canil da ONG.

Mais uma vez o cão fugiu e novamente foi encontrado no Terminal da Parangaba, de onde foi resgatado e levado para o canil, que dessa vez tinha reforçado a segurança. (Foto: Reprodução / Abrace)

Mais uma vez o cão foi encontrado no Terminal da Parangaba. O canil reforçou suas grades e aumentou seu muro para evitar uma nova fuga, mas Oliveira conseguiu escapar e voltar para o Terminal. (Foto: Reprodução / Abrace)

Apesar de tudo isso, Oliveira fugiu de novo. Assim que soube do acontecido, Cristiane foi até o Terminal de sempre e o cão não estava lá. Mas, dias depois, ela recebeu notícias de que o Oliveira estava sim pelo Terminal da Parangaba. Ele chegava lá à noite, apenas para dormir, e sumia durante o dia.

De acordo com informações que Cristiane recebeu, o cão passava os dias em praças e próximo a supermercados da redondeza. Ela tentou resgatá-lo novamente, por várias vezes, mas não conseguia. Sempre que via Cristiane, Oliveira fugia.

Até que um dia, Cristina recebeu uma ligação dizendo que o Oliveira estava no terminal e muito machucado. Aparentemente, bateram de uma forma tão grosseira no cão que ele não conseguia andar. Além disso, ele também estava muito magro.

Pela terceira vez, o Oliveira foi resgatado do Terminal da Parangaba. Depois de ser levado para clínica e ser tratado, o animal foi para a Cão Elegante, onde recebeu um treinamento dado pelo adestrador e Consultor Comportamentalista canino Gerfyson Dantas.

Após o último resgate, Oliveira recebeu um adestramento, mudou o seu comportamento e está pronto para ser adotado. (Foto: Reprodução / Abrace)

Após o último resgate, Oliveira recebeu um adestramento, mudou o seu comportamento e está pronto para ser adotado. (Foto: Reprodução / Abrace)

Por lá, o Oliveira também tentou fugir, mas com muita paciência, e carinho, Dantas conseguiu mudar o comportamento do Oliveira.

Hoje, Oliveira está novamente no canil da Abrace – Uma Causa Animal, agora um cão muito dócil (com quem ele conhece e escolhe ser amigo) e brincalhão. Ele não gosta muito de homens estranhos, mas está reaprendendo a confiar nas pessoas, inclusive já voltou a ser amigo da Cristiane de novo.

Oliveira é muito esperto, ainda tenta dar umas escapadas nas horas dos passeios, mas está mais tranquilo e tem uma história de superação muito forte, além de uma parte de seu passado que ninguém conhece.

O cão está disponível para adoção responsável e, apesar da atenção extra e da segurança redobrada que a pessoa que decidir levá-lo para casa vai precisar ter para que ele não volte a fugir, Cristiane tem esperança de que Oliveira entre uma família que queira lhe acolher e dar muito amor.

Tosadora abre sua loja na madrugada para ajudar um cachorro encontrado em péssimas condições

por Andrezza Oestreicher — publicado 21 out 2017 - 18:33

Cachorros abandonados podem chegar a um estado terrível por conta da falta de cuidados. Isso fica ainda pior no caso dos animais peludos, pois os pelos vão crescendo, se emaranhando, e isso pode trazer graves consequências para os cães.

Na Flórida, nos Estados Unidos, um casal passeando de carro viu um cachorrinho na rua. Ao chegar mais de perto eles puderam perceber que o animal não estava perdido. Pela situação de negligência que o cão estava,

 » Read more about: Tosadora abre sua loja na madrugada para ajudar um cachorro encontrado em péssimas condições  »

Cachorro faz xixi em homem na rua e acaba ganhando um lar

por Andrezza Oestreicher — publicado 21 out 2017 - 9:38

Este mês, um vídeo bastante engraçado com um cachorro fez muito sucesso nas redes sociais. As cenas mostram um homem sentado no chão tranquilamente mexendo no celular, até que um cachorro chega, cheira o homem e faz xixi nas costas dele. Ao sentir o xixi, o homem toma um susto e se levanta rapidamente pegando na blusa e dá um chute no ar, em direção ao cachorro.

Algumas pessoas criticaram bastante o homem, que se chama Heinze Sánchez e tem 27 anos,

 » Read more about: Cachorro faz xixi em homem na rua e acaba ganhando um lar  »

Cães encontrados em uma situação terrível juntos esperam ser adotados por uma mesma família

por Andrezza Oestreicher — publicado 20 out 2017 - 9:36

Os cachorros Jefe e Jericho foram encontrados juntos em uma situação de negligência terrível. Desde o primeiro momento, os membros da equipe da Arizona Humane Society, organização de proteção animal que resgatou a dupla, perceberam que os cães, apesar de diferentes, eram grandes amigos e companheiros.

Os dois cachorros, um Chihuahua de 2 anos chamado Jefe bem extrovertido e um belíssimo Pastor Alemão de três anos de idade chamado Jericho, estavam no quintal de uma casa nos Estados Unidos,

 » Read more about: Cães encontrados em uma situação terrível juntos esperam ser adotados por uma mesma família  »

deixe seu comentário:
Siga o Portal do Dog
Últimas notícias

Tosadora abre sua loja na madrugada para ajudar um cachorro encontrado em péssimas condições

por Andrezza Oestreicher — publicado 21 out 2017 - 18:33

Cachorros abandonados podem chegar a um estado terrível por conta da falta de cuidados. Isso fica ainda pior no caso dos animais peludos, pois os pelos vão crescendo, se emaranhando, e isso pode trazer graves consequências para os cães.

Na Flórida, nos Estados Unidos, um casal passeando de carro viu um cachorrinho na rua. Ao chegar mais de perto eles puderam perceber que o animal não estava perdido. Pela situação de negligência que o cão estava, ele havia sido abandonado e não recebia cuidados há algum tempo.

O animal foi encontrado em uma situação de total abandono. (Foto: Reprodução / Bored Panda / Facebook BGE Grooming)

Seus pelos estavam enormes e tão cheios de nós que o cão quase não conseguia andar.

O casal, que não podia ficar com o cão durante a noite, fez um apelo nas redes sociais pedindo socorro para que alguém ajudasse o cachorro. Foi aí que apareceu Kari Falla, que é tosadora de cachorro.

Kari percebeu que o cão em questão precisava urgentemente de cuidados e então abriu seu “salão” meia-noite para dar o tratamento que o pobre cachorro tanto precisava.

Cão tomou banho e recebeu uma bela tosa nos pelos. (Foto: Reprodução / Bored Panda / Facebook BGE Grooming)

“Eu sabia que era ruim, mas nada me preparava para o que vi”, disse Kari, que trabalhou incansavelmente até 3 horas da manhã para deixar o cãozinho limpo e livre daquele peso de pelos que ele estava carregando.

Após dar banho e tosar o cachorro, Kari o levou ao veterinário. O cão, que agora se chama Lucky, foi encontrado cego e surdo, mas agora está se recuperando em um lar temporário. Quando estiver 100% pronto, o animal será colocado para adoção.

Após se livrar do peso de pelos que carregava, o cão também recebeu cuidados médicos. (Foto: Reprodução / Bored Panda / Facebook BGE Grooming)

Fonte: Bored Panda

Cachorro faz xixi em homem na rua e acaba ganhando um lar

por Andrezza Oestreicher — publicado 21 out 2017 - 9:38

Este mês, um vídeo bastante engraçado com um cachorro fez muito sucesso nas redes sociais. As cenas mostram um homem sentado no chão tranquilamente mexendo no celular, até que um cachorro chega, cheira o homem e faz xixi nas costas dele. Ao sentir o xixi, o homem toma um susto e se levanta rapidamente pegando na blusa e dá um chute no ar, em direção ao cachorro.

Algumas pessoas criticaram bastante o homem, que se chama Heinze Sánchez e tem 27 anos, pela tentativa de agressão após o xixi. Porém, além de não ter agredido o cão, o homem acabou adotando o cachorro que fez xixi nele.

O cachorro foi até o homem discretamente e fez xixi nas costas dele. (Foto: Reprodução / Vídeo / Extra)

“Eu estava mexendo no celular. Ia responder uma mensagem e estava concentrado sentado no chão. Nem o vi chegar. Ele se aproximou devagar e eu só senti aquele negócio quente e tomei um susto. Quando olhei, vi que ele tinha feito xixi. Fiquei indignado com aquilo”, contou o homem.

“Muita gente me criticou por ter chutado ele. Mas não pegou não. Eu retraí a perna na hora. Foi uma reação do momento e não tive a intenção de machucá-lo. Ainda chegou outro cachorrinho perto e eu falei ‘viu o que o teu amigo fez comigo?’”, explicou Heinze.

Apesar de não ter agredido o cão de fato, o homem ficou com peso na consciência por ter brigado com o animal. Então, ele decidiu ir atrás do cachorro na rua onde tudo tinha acontecido.

O cãozinho agora tem um lar e um papai humano que está lhe dado muito carinho. (Foto: Reprodução / Facebook Heinze Sánchez)

“Quando o encontrei, chamei e ele veio abanando o rabo. Estava começando a chover. Fiquei brincando um tempo com ele e depois resolvi levá-lo para casa. Ele se aproximou de mim. É muito dócil, fica grudado, chora quando saio de casa. Faz algumas bagunças na casa do vizinho, mas é um bom cachorro”, contou Heinze agora bem feliz.

O homem escolheu um nome bem especial para o seu cãozinho, Enzo. “Dei esse nome porque sempre falava que quando eu tivesse um filho, se chamaria Enzo. Agora está comigo, alimentado e limpinho”, contou o novo tutor, que já publicou muitas fotos do novo membro da família nas suas redes sociais.

Fonte: Extra