Hospitais veterinários terão de oferecer ambulâncias e salas cirúrgicas mais bem equipadas

Nova resolução do Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) traz melhorias referentes as salas cirúrgicas e transporte de animais em estado grave.

por Fabio Sakita — publicado 6 fev 2013 - 8:03

Foto: Reprodução

Hospitais veterinários que oferecem o transporte de animais em estado grave terão 180 dias para se adaptarem a nova resolução do Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV), divulgada no dia 31, quinta-feira.

Para os Hospitais Veterinários que transportam animais em estado grave, como em casos de atropelamento, deverá haver ambulância veterinárias (estas podem ser veículos adaptados), com veterinário presente e sistema de aplicação de soro e outros fluidos, sistema de provisão de oxigênio e aparelhos de monitoramento,

A obrigatoriedade do serviço de ambulância fica para os casos graves. Veículos comuns ainda poderão ser usados para o transporte simples.

As salas cirúrgicas em clínicas e hospitais veterinários deverão conter equipamentos como desfibrilador, bomba de infusão (usada para aplicação de remédios) e outros.

O setor cirúrgico deverá ser dividido em salas de acordo com a sua função:

Outra exigência é a divisão do setor cirúrgico em salas, de acordo com a função: uma sala de preparo do animal, outra de higienização hospitalar, outra de lavagem e esterilização dos materiais cirúrgicos, uma sala de operação propriamente dita e uma unidade de recuperação anestésica.

“Onde mais houve alteração é no setor cirúrgico. A resolução visa um melhor atendimento dos animais e uma atualização da resolução anterior, que era de 2000”, afirma Roza.

O conselheiro, que também é médico veterinário, ressalta que a nova resolução visa seguir a legislação sanitária no país e também o surgimento de novas tecnologias.

Segundo o CFMV, a fiscalização do cumprimento das normas será realizada pelos conselhos regionais de medicina veterinária, que podem ser consultados pelos hospitais e clínicas, no caso de dúvidas.

 

Fonte G1

Ben Affleck adota lindo filhote de cachorro sem raça definida

por Andrezza Oestreicher — publicado 23 out 2017 - 9:29

O ator Ben Affleck, que ficou conhecido internacionalmente por seus personagens nos filmes Armageddon (1998), Pearl Harbor (2001) e Demolidor (2003), acabou de ganhar mais um filho.

Não, sua namorada Lindsay Shookus não está grávida. O novo membro da família do ator é um filhotinho de cachorro. Ben Affleck adotou um cãozinho sem raça definida, uma mistura de Husky Siberiano, há pouco mais de um mês.

De acordo com informações de sites internacionais,

 » Read more about: Ben Affleck adota lindo filhote de cachorro sem raça definida  »

Cadela recebe amor pela primeira vez após ser resgatada de fazenda de carne

por Fabio Sakita — publicado 22 out 2017 - 12:40

Darling viveu por anos em um abrigo de Buriram, destinado para cães vítimas desse comércio, antes de ser acolhida pela ONG The Barking Lot, que tem sede em San Diego na California. Porém ela nunca havia recebido o amor de uma família.

“Ela tinha um esconderijo favorito em um túnel onde latia para todos na esperança de permanecer segura. Escolhemos Darling com base em uma foto, seu pequeno rastejar e a ausência de um olho”,

 » Read more about: Cadela recebe amor pela primeira vez após ser resgatada de fazenda de carne  »

Tosadora abre sua loja na madrugada para ajudar um cachorro encontrado em péssimas condições

por Andrezza Oestreicher — publicado 21 out 2017 - 18:33

Cachorros abandonados podem chegar a um estado terrível por conta da falta de cuidados. Isso fica ainda pior no caso dos animais peludos, pois os pelos vão crescendo, se emaranhando, e isso pode trazer graves consequências para os cães.

Na Flórida, nos Estados Unidos, um casal passeando de carro viu um cachorrinho na rua. Ao chegar mais de perto eles puderam perceber que o animal não estava perdido. Pela situação de negligência que o cão estava,

 » Read more about: Tosadora abre sua loja na madrugada para ajudar um cachorro encontrado em péssimas condições  »

deixe seu comentário:
Siga o Portal do Dog
Últimas notícias

Ben Affleck adota lindo filhote de cachorro sem raça definida

por Andrezza Oestreicher — publicado 23 out 2017 - 9:29

O ator Ben Affleck, que ficou conhecido internacionalmente por seus personagens nos filmes Armageddon (1998), Pearl Harbor (2001) e Demolidor (2003), acabou de ganhar mais um filho.

Não, sua namorada Lindsay Shookus não está grávida. O novo membro da família do ator é um filhotinho de cachorro. Ben Affleck adotou um cãozinho sem raça definida, uma mistura de Husky Siberiano, há pouco mais de um mês.

O ator foi flagrado com o novo filhote por Los Angeles. (Foto: Reprodução / Juliano / X17online.com)

De acordo com informações de sites internacionais, o ator, que agora está dando vida ao Super-Herói Batman, encontrou o cachorrinho abandonado na rua e rapidamente se encantou pelo animal.

Apaixonado por cães, Ben Affleck, que também é diretor, roteirista e produtor, imediatamente decidiu levar o pequeno filhote para a sua casar e adotar o cachorro.

O vencedor do Oscar de Melhor Filme, por Argo, em 2013, parece estar bastante apegado ao animal e já foi flagrado por paparazzi passeando com o cãozinho pelas ruas de Los Angeles, nos Estados Unidos.

Muito sortudo por ter sido encontrado por um apaixonado por animais que decidiu lhe adotar, o cachorrinho também parece já estar bastante conectado ao seu novo tutor.

Ben Affleck ainda não falou sobre o novo pet em nenhum meio de comunicação e nem anunciou o nome do animal.

Junto com sua ex-mulher, a também atriz Jennifer Garner, e seus três filhos, Violet, Seraphina e Samuel, Ben tem outros cachorros.

Fonte: InStyle / People

Cadela recebe amor pela primeira vez após ser resgatada de fazenda de carne

por Fabio Sakita — publicado 22 out 2017 - 12:40

Darling viveu por anos em um abrigo de Buriram, destinado para cães vítimas desse comércio, antes de ser acolhida pela ONG The Barking Lot, que tem sede em San Diego na California. Porém ela nunca havia recebido o amor de uma família.

Foto: Reprodução – The Barking Lot

“Ela tinha um esconderijo favorito em um túnel onde latia para todos na esperança de permanecer segura. Escolhemos Darling com base em uma foto, seu pequeno rastejar e a ausência de um olho”, disse o grupo de resgate.

A cadela solitária e tímida se transformou na alma mais amorosa e sensível quando estava a caminho dos EUA. O grupo de resgate acreditava que ela ficaria traumatizada durante meses, talvez anos, antes de encontrar um lar, mas ela provou que eles estavam errados.

Foto: Reprodução – The Barking Lot

Darling encontrou sua família em semanas e agora é super companheira de sua mamãe.