Bichon Frisé

Alegre, jovial, carinhoso, sempre alerta e curioso
CBKC - Grupo 9
Bichons são ativos e famosos pelos "Bichon Blitz" ou "Bichon Buzz," surtos imprevisíveis de energia que causam frenesi e fazem os cães usarem o quintal ou mesmo a casa como uma pista de corrida, latindo, saltando pulando dentro e fora de móveis. A blitz dura 30 segundos ou menos que isso. Após o alvoroço o cão vai simplesmente se deitar e se recuperar.

Informações Gerais

Cheio de charme, lembra uma nuvem de pelos brancos encaracolados que mais parece  uma bola de algodão, o Bichon Frise é uma das mais doces e carinhosas raças de cães. Ele adora ser o centro das atenções, o que não é surpresa, levando em consideração que até direitos autorais já foram pagos para show em circo.

Seus olhos escuros brilham de malícia, mas como seus primos o Havanese , os Malteses  e o Coton de Tulear, ele praticamente usa seus poderes para o bem. Tendo uma cama macia e uma boa refeição ele já fica muito feliz. Mas não espere um Bichon um cão “perfeito” desde o nascimento – o Bichon não é um brinquedo de corda: ele pode ser um desafio na hora do seu treinamento e precisa aprender o seu lugar na família.

Enquanto o Bichon pode ser um animal de estimação maravilhoso para família, isso pode não ser a raça ideal para famílias com crianças pequenas ou crianças mais velhas e que não saibam tratar bem um animal, especialmente se você tiver um dos Bichons menores. Eles podem ser facilmente feridos se as brincadeiras forem muito pesadas, isso pode resultar em uma agressão por parte do animal na tentativa de se proteger se ele estiver com medo.

Bichons são inteligentes, gostam de aprender truques, e eles são fáceis de treinar . No treino, você precisa ser firme, mas sem grosseria. Correções severas e broncas vão quebrar o coração de um Bichon. Muitos proprietários de Bichon treinam seus cães para competições de obediência, agility e raly. Ambos os cães e donos desfrutam dessa atividade, e é uma boa maneira de se relacionar mais de perto com o seu Bichon. Outra atividade em que o Bichon é muito bom são trabalhos de terapia. Por que eles são gentis e certamente vão levar alegria e um sorriso ao rosto de qualquer um, eles são cães de terapia perfeitos para visitas em asilos e hospitais.

Expectativa de vida

Expectativa
Mínima
12 anos
Expectativa
Máxima
15 anos

Altura

Altura
Mínima
24
cm
Altura
Máxima
30
cm

Peso

Peso
Mínimo
7
kg
Peso
Máximo
12
kg

Características

Adaptabilidade
Nível de afeição
Bom para apartamento
Tendência de latir
Amigável com gatos
Amigável com crianças
Amigável com cães
Necessidade de exercícios
Espaço necessário
Tosa
Problemas de saúde
Inteligência
Gosto por brincadeiras
Queda de pelo
Necessidade social
Amigável com estranhos
Territorialista
Facilidade de treinamento
Cão de guarda
Tolerância ao frio
Tolerância ao calor

Origem do Bichon Frisé

País: França

Os pequenos cachorros de pelos brancos foram encontrados em todo o Mediterrâneo e viajaram por  todo o mundo conhecidos como itens populares de comércio. Eles ficaram mais conhecidos por causa de seu pequeno tamanho e personalidade encantadora. Durante o Renascimento, podiam ser encontrados na corte do rei da França, e eles são muitas vezes vistos em retratos como os companheiros de senhoras distintas da nobreza.

O Bichon Frise tem suas raízes no Mediterrâneo, originalmente produzidos pelo cruzamento de Barbet (cão de água grande) com pequenos cães de colo brancos. Este cruzamento finalmente produziu uma família de cães conhecidos como barbichons, que mais tarde foi encurtado para bichons. Os bichons foram divididos em quatro tipos: o bichon Maltês, Bolognese, Havanese e Teneriffe. O Teneriffe, que mais tarde se tornou o Bichon Frise, originado na ilha canária de Tenerife, provavelmente foi levado para lá por marinheiros espanhóis em tempos antigos. No século 14, os marinheiros italianos trouxeram amostras de volta da ilha para o continente, onde rapidamente se tornou um dos pets favoritos da classe burguesa. Após uma série de invasões francesas na Itália em 1500, os pequenos cães foram adotados pelos franceses.

O interesse pelo Bichon Frisé permaneceu forte durante o governo de Napoleão III, mas, em seguida, o cãozinho caiu em desgraça junto com a realeza até o final de 1800. Por esse tempo, foi considerado um cão comum, às vezes de propriedade de artistas de circo e, por vezes treinados para ajudar a guiar cegos. Se não fosse sua inteligência e carisma, o Bichon provavelmente teria sido extinto durante este período.

Após a Primeira Guerra Mundial, no entanto, os criadores franceses se interessaram pelo Bichon e se empenharam para preservar a raça. O padrão oficial da raça foi adotada pela Société Centrale Canine da França em 5 de Março de 1933, período em que o cãozinho tinha dois nomes: Tenerife e Bichon. Mais tarde, naquele mesmo ano, quando o Bichon Frisé foi reconhecido pela Fédération Cynologique Internationale (um clube do canil internacional), a presidente da FCI, madame Nizet de Leemans, rebatizou a raça de Bichon à poil frisé (“Bichon com a pelagem crespa”), e o apelido popular ficou como Bichon Frisé. Em 18 de outubro de 1934, o primeiro Bichon Frise foi registrado no livro genealógico do Kennel Club francês.

Os primeiro Bichons Frises foram levados para os Estados Unidos em 1956. A raça tornou-se elegível para entrar no AKC’s Miscellaneous Class em setembro de 1971 e foi admitida à inscrição no American Kennel Club Studbook em outubro de 1972. Em abril de 1973, a raça tornou-se elegível para amostras Non-Sporting Group at AKC. Em 1975, o AKC reconheceu o Bichon Frise.

mostrar mais

Curiosidades sobre o Bichon Frisé

– Eles eram animais de estimação especiais de Francisco I e seu sucessor, Henry III;

– O Bichon é uma das poucas raças que verdadeiramente existe há pelo menos 2.000 anos, embora, é claro, ele nem sempre foi conhecido por esse nome;

– Bichons tornaram-se os favoritos da família real espanhola e até mesmo de pintores como Goya, que incluiu um Bichon em várias de suas pinturas;

– São descendentes de uma raça muito antiga conhecido como Water Spaniel;

– Eram usados como moeda de troca por marinheiros em suas viagens;

– Diz a lenda que o rei Henry III levava um Bochon Frisé pendurado no pescoço, dentro de uma cesta, de tão obcecado que ele era por essa raça.

Cuidados e Bem Estar

Apesar de pequeno, o Bichon é um cão ativo e precisa de exercício diário. Suas necessidades podem ser satisfeitas com brincadeiras dentro de casa mesmo, o melhor seria no quintal ou uma curta caminhada na coleira. Ele quase não perde pelo, mas os pelos soltos precisam ser removidos porque podem se enroscar e isso vai transformar seu cachorro em um tapete peludo mal cuidado. Pode ser difícil mantê-lo branquinho em algumas áreas. Este não é um cão que pode viver no quintal.

Não deixe o seu Bichon sozinho por longos períodos. Para evitar que ele tenha um comportamento destrutivo, o proprietário sábio pode deixá-lo em um local cercado quando sair de casa e não puder levá-lo, mesmo por um curto período.

Quanto a alimentação, a quantidade diária recomendada: 1/2 a 1,5 xícaras de alimento seco de alta qualidade por dia, divididos em duas refeições. NOTA: Quanto o seu cão adulto come depende de seu tamanho, idade,  metabolismo e nível de atividade. Os cães são indivíduos, assim como as pessoas, e nem todos eles precisam da mesma quantidade de comida. É quase desnecessário dizer que um cão muito ativo vai precisar de mais comida do que um cão sedentário. A qualidade da comida de cachorro que você comprar também faz a diferença – quanto melhor o tipo de comida para cachorro, mais ela irá nutrir seu cão e menos quantidade você vai precisar por na tigela dele. Não deixe comido o tempo todo na vasilha. Isso pode fazer com que seu cão fique obeso.

O Bichon Frisé é uma raça de duplo revestimento, sempre branco. O subpêlo macio e denso e o claro revestimento exterior se combinam para criar uma textura macia, mas substancial. Bichons tem a reputação de não ter muita queda de pelos, que não é exatamente verdade.Todas as criaturas tem queda de pelos ou cabelo. Por causa do revestimento duplo, o pelo exterior fica preso no sub-pelo em vez de cair no chão. Se este pelos mortos não forem removido por escovação, ele pode formar emaranhados, que podem levar a um problemas de pele. Cuidar de um Bichon não é muito fácil: esta é uma raça de alta manutenção.Você precisa dedicar um tempo considerável para cuidar do pelo e do banho: você deve escovar, pelo menos, duas vezes por semana. Antes do banho recomenda-se remover todo amaranhado e pelos mortos, porque depois de secos se torna quase impossível.

Você deve verificar as orelhas do seu Bichon com frequência para se certificar de que elas estão limpas. Às vezes é necessário cortar o pelo que cresce no canal do ouvido (que um groomer pode fazer se você não se sentir confortável com o trabalho). Se você notar um acúmulo de cera, vermelhidão, ou um odor estranho, ou se seu cachorro está coçando as orelhas e abanando a cabeça, é melhor levá-lo ao veterinário para ter certeza de que ele não tem uma infecção no ouvido.

A maioria dos proprietários de Bichon levam seus cães para um profissional a cada quatro a seis semanas para um banho, escovação, tosa, cortar as unhas corte e limpar os ouvidos. Se você quer aprender esses cuidados com seu Bichon, leia livros bons de higiene e veja vídeos sobre o o assunto para obter instruções.

Mantendo o rosto de um Bichon limpo, isso ajuda na saúde dos olhos. Pode haver um acúmulo de sujeira nos olhos por causa do pelo em volta deles, que podem causar problemas oculares se não forem limpos regularmente.

Predisposição à Doenças: Problemas de bexiga, alergias, luxação e sensibilidade a vacinas.

Aparência física

Bichon Frisé tem o pescoço bastante longo, de porte alto e orgulhoso. Redondo e fino junto ao crânio, alargando-se, gradualmente, para encaixar, harmoniosamente, nos ombros. Seu comprimento é aproximadamente 1/3 do comprimento do tronco (proporção de 11 cm para 33 cm para um exemplar de 27 cm de altura na cernelha), tomando-se como base os pontos dos ombros contra a cernelha. Seu tronco é largo, bem musculoso e ligeiramente arqueado. A cabeça é muito harmoniosa em relação ao corpo. Sua orelhas são caídas e bem revestidas de pelos finamente frisados e longos. São portadas, de preferência, para a frente, quando em atenção, de maneira que a borda anterior toque o crânio sem se afastar obliquamente. As orelhas são, aliás, bem menos largas e mais finas que as do Poodle.

Pelagem do Bichon Frisé

Fino, sedoso, bem solto, encaracolado; semelhante ao da cabra da Mongólia. Não é nem liso, nem encordoado; com o comprimento variando entre 7 e 10 cm.

Cor da pelagem

Branco puro

Filhotes

São pequenas bolinhas de algodão com pernas e muito ativas. Comece a treinar o seu cachorro o dia que você levá-lo para casa. Mesmo com oito semanas de idade, ele é capaz de aprender tudo o que você puder ensiná-lo. Não espere até os 6 meses de idade para começar a treinar ou você vai ter um cão mais obstinado para lidar.

Preço

R$ 1000 a R$ 2000

Perguntas frequentes

O Bichon Frisé pode viver em apartamentos ou espaços pequenos?

Por causa de seu pequeno tamanho, Bichons são animais de estimação ideias para as pessoas que vivem em apartamentos. Mas eles têm uma grande quantidade de energia, e precisam de exercício diário, incluindo passeios e brincadeiras.

O Bichon Frisé é recomendado para crianças?

O ideal é que sejam crianças mais velhas e já com responsabilidade para cuidar de um animal. Eles não são violentos, mas brincadeiras muito pesadas podem machucar o cãozinho.

O Bichon Frisé pode ficar sozinho em casa?

Bichons têm uma reputação de sofrer de ansiedade de separação. Se você precisa deixar seu cão em casa sozinho por longos períodos, essa pode não ser uma raça adequada para você. Bichons não apenas gostam de estar com suas famílias, eles precisam estar com suas famílias. Eles se adaptam bem a uma variedade de estilos de vida, desde que eles não tenham que ficar muito tempo sozinhos.

O Bichon Frisé late muito?

Não tem muito o habito de latir, somente quando quer avisar alguma coisa, ou quando está muito animado.

O Bichon Frisé solta muito pelo?

A queda de pelo é bem menor que em outras raças. O pelo morto fica preso na outra camada e por isso precisa ser escovado duas vezes por semana.

Fotos doBichon Frisé

Raças similares aoBichon Frisé

Chihuahua

Rápido, alerta, cheio de vida e muito corajoso.

Shih Tzu

Alegre e carinhoso.

Maltês

Inteligente, esperto e dócil

Lhasa Apso

Alegre, seguro de si, alerta, estável e indiferente com estranhos.

Explore outrasRaças

Deixe seu comentário

Os comentários estão desativados.