Bobtail

Cão "chiclete", ávido por carinho
CBKC - Grupo 1
Dócil e de temperamento estável. Corajoso, fiel e confiável; não é de forma alguma tímido ou agressivo se não for provocado
Também conhecido como: Old English Sheepdog

Informações Gerais

Sob aquele casaco peludo de muita gentileza, o Old English Sheepdog ou Bobtail, como é mais conhecido,  tem suas próprias ideias com uma agenda de atividades e um poderoso instinto de pastoreio. Ele ama as pessoas e é um excelente cão de guarda, mas o cuidado adequado de seu pelo exige um compromisso sério.

Na realidade, o Old English Sheepdog – apelidado de “Bobtail” por causa de sua cauda cortada (tradicionalmente mantida curta para identificá-lo como um tropeiro) – é um cão divertido, inteligente e descontraído. Ele é certamente um grande cão com 60 a 100 quilos, mas seu casaco profuso de azul-cinzento e branco faz parecer ainda maior. Conhecido por seu temperamento maravilhoso, ele é poderoso, robusto, e trabalhador. Aqueles que conhecem e amam estão familiarizados com seu senso de humor. Ele pode ser espirituoso e cômico, embora ele também é o guardião e protetor de sua família.

O Old English Sheepdog possui um latido alto e pode ser bom em alertar para qualquer coisa estranha e fora do normal, o que não o torna necessariamente um cão de guarda. Ele pode ser um ótimo e leal amigo para crianças.

Tendo evoluído de um cachorro que vivia em fazendas e tinha diversos papéis e trabalhos para um cão de companhia e figurinha frequente em dog shows, ele não perdeu seu forte instindo de pastoreio, característica essa que o fez o melhor amigo de fazendeiros no século 19.

Ao olhar pela primeira vez, alguém que não conhece a raça pode achar que, por causa de seu tamanho e estrutura, o Bobtail pode ser mantido no quintal. Esse pensamento é errado e não só é cruel, como também pode levar a comportamentos destrutivos. Cães dessa raça podem viver felizes em qualquer lugar, portanto que suas famílias o dêem a atenção devida.

Expectativa de vida

Expectativa
Mínima
10 anos
Expectativa
Máxima
12 anos

Altura

Altura
Mínima
56
cm
Altura
Máxima
61
cm

Peso

Peso
Mínimo
27
kg
Peso
Máximo
45
kg

Características

Adaptabilidade
Nível de afeição
Bom para apartamento
Tendência de latir
Amigável com gatos
Amigável com crianças
Amigável com cães
Necessidade de exercícios
Espaço necessário
Tosa
Problemas de saúde
Inteligência
Gosto por brincadeiras
Queda de pelo
Necessidade social
Amigável com estranhos
Territorialista
Facilidade de treinamento
Cão de guarda
Tolerância ao frio
Tolerância ao calor

Origem do Bobtail

País: Reino Unido

O Bobtail seria oriundo de uma mistura de raças antigas de cães pastores com, talvez, um aporte de Deerhound, mas alguns defendem que seus ancestrais teriam chegado a Inglaterra com as legiões de César. Esse pastor, foi durante séculos, guardião de carneiros largamente difundido no país e particularmente no sul da Inglaterra e na Escócia.

Outro dizem que vários tipos de cães pastores são conhecidos na Inglaterra por séculos, mas o Bobtail é uma raça relativamente jovem, provavelmente, desenvolvido em algum lugar no sul da região central da Inglaterra, o mais provável Devon e Somerset, bem como Cornwall. A mais antiga representação de um cão que se assemelha a de hoje Bobtail é em uma pintura de Gainsborough do século 18.

Foi  por volta de 1885 que o Bobtail foi identificado como uma raça distinta, e um padrão escrito por Welshman Freeman Lloyd, especialista em ovinos e cães pastores, para explicitar as caraterísticas que a raça deveria ter. Por esse tempo, o cão foi raramente usado para pastorear ovelhas e principalmente participou de exposições. No entanto, o Bobtail mantém um poderoso instinto de pastoreio de dias passados.

O Bobtail se tornou proeminente no final dos anos de 1880, quando ele veio para os Estados Unidos, onde seu primeiro tutor foi um  industrialista de Pittsburgh chamado W. Wade. Por volta de 1900, somente cinco famílias ricas dos Estados Unidos possuíam um Botail.  Em 1904, Henry Arthur Tilley fundou o Old English Sheepdog Club of America. Tilley e seu irmão, William Steeds Tilley, foram pioneiros na criação da raça padrão de Bobtail.

O American Kennel Club reconheceu a Old English Sheepdog em 1885. No final dos anos de 1950, o Bobtail ainda manteve seu status como o cão de pessoas ricas. Na década de 1960, no entanto, a raça deixou de ser um símbolo de status para se tornar um animal de estimação da família. Em meados da década de 1970, 15.000 cães foram registrados anualmente; mas esse número diminuiu à medida que mais pessoas perceberam o custo e esforço necessário para cuidar do pelo maravilhoso.

mostrar mais

Curiosidades sobre o Bobtail

– O maravilhosamente desgrenhado Bobtail é um dos favoritos em programas de televisão e filmes infantis de Hollywood, onde ele tem normalmente um caráter afável, às vezes desastrado;

– O nome oficial do Bobtail é  Old English Sheepdog;

– Bobtail significa “cauda cortada”. Isso veio de um antigo costume dos tutores de cães para trabalho que cortavam a causa dos cães para não ter que gastar com manutenção do pelo;

– Old English Sheepdogs não são para pessoas obcecadas por limpeza. Eles tendem a babar muito. Além disso, seu pelo acumula muita sujeira e vai acabar levando tudo para dentro de casa;

– A ansiedade da separação é comum em Old English Sheepdogs. Eles vivem para suas famílias, e eles podem se tornar destrutivos se eles forem deixados sozinhos tempo demais.

Cuidados e Bem Estar

Por causa de suas origens de trabalho, o Bobtail gosta atividade. Hoje são participantes muito capazes nas competições de sheepherding e agility trials, ambos exigem um cão saudável e fisicamente apto. O normal seria de uma a duas horas por dia de exercícios na rotina normal do Bobtail que participa de competições.

É claro que as necessidades do seu cão irá variar de acordo com a idade.  Por outro lado, os cães mais velhos podem preferir deitar no sofá e precisam de incentivo para o exercício. É importante notar que, o Bobtail pode facilmente se ajustar a uma quantidade menor de exercícios, isto não é particularmente saudável para ele.

O  tutor precisa ficar atento aos horários em que leva seu Bobtail para se exercitar. Seu pelo é muito denso por isso não é indicado a prática de exercícios quando o sol já está muito quente. Isso pode levar a um superaquecimento, o que não será saudável para seu cão. Por ser um cão bem peludo e preparado para o inverno, tutores que moram em locais de clima quente devem manter a atenção redobrada e garantir que eles têm as ferramentas necessárias para se refrescar.

Durante seu primeiro ano, o Bobtail cresce muito rápido. Devido a este crescimento rápido, especialmente entre as idades de quatro e sete meses, eles são suscetíveis a doenças ósseas. Tome cuidado com a alimentar do seu cachorro para que seja de alta qualidade, dieta de baixa caloria retarda um pouco o crescimento. A quantidade diária recomendada é de 2,5 a 4,5 xícaras de alimento seco de alta qualidade por dia. Isso vai depender da quantidade de exercício que seu cão fizer.

Além disso, ele não deve correr e brincar em superfícies muito duras, como ruas pavimentadas; um local onde tenha grama será o ideal para as brincadeiras. Saltos ou corrida em superfícies duras devem ser evitados até que o cão tenha, pelo menos, dois anos de idade e suas articulações ja estarão totalmente formadas.

Se você quer um cão com muito pelo e grande, o Bobtial é a raça certa para você. Esta raça tem uma abundância de pelos: um casaco profuso, desgrenhado que não é reto nem encaracolado.

Seu pelo é de manutenção difícil; você vai gastar no mínimo de três a quatro horas por semana para penteá-los. Se você está começando a entrar agora no mundo dos cães, vai precisar de ajuda para aprender como escovar e pentear seu Bobtail. Um profissional dessa área pode ser muito útil, e há muitos livros de qualidade falando sobre higiene (melhor ainda) vídeos no mercado que procuram ajudar os tutores de animais com esta tarefa. A escovação diária para remover pelos mortos e manter o revestimento livre de emaranhados é indispensável.

Alguns Bobtails babam tanto que o pelo em torno de suas bocas fica amarelado. Se isso acontecer, a lavagem regular, especialmente após as refeições, vai ajudar. Outro método consiste em aplicar o amido de milho na “barba” dele. Uma vez que o amido de milho esteja completamente seco, escove-o para fora. Isso também funciona bem quando tem diarréia. Pelos embaraçados são um problema real para o Bobtail, porque pode levar a um problema de pele mais grave. Pode chegar até em situações extremas, se o pelo estiver muito embaraçado, de ter que raspar no zero.

Você vai precisar investir em algumas ferramentas para escovar e pentear seu Bobtail: escova de pinos, pente de aço bruto e uma escova mais lisa. A escovação deve ser um processo suave para evitar puxar e ferir o cão. É importante escovar sempre todo o pelo inferior também, e não apenas a camada superior do revestimento, para remover qualquer resíduo ou pelo que está preso no sub-pelo. Uma dica para a escovação é pulverizar o cão levemente com um desembaraçador e/ou condicionador antes de começar.

Além de escovar e pentear o casaco, o Bobtail precisa tomar banho a cada seis a oito semanas. As unhas devem ser aparadas uma vez por mês, e os ouvidos verificados uma vez por semana para ver se tem sujeira, vermelhidão, ou mau odor que pode indicar uma infecção. Em seguida, limpe os ouvidos com uma bola de algodão umedecido com suavidade com produto indicado e pH balanceado. Escovação regular com uma escova de dentes macia e creme dental para cachorro vai ajudar a prevenir a doenças.

Predisposição à Doenças: Displasia coxofemural, catarata, anemia hemolítica imunomediada.

Aparência física

O Bobtail tem cabeça larga, trufa preta e olhos bem afastados, escuros ou de cor variada - resultado de heterocromia, ou seja, um olha de cada cor - encobertos por pelos. As orelhas são pequenas, mantidas chatas nos lados da cabeça. O pescoço é bastante comprido, os membros bastante retos. O corpo é um tanto curto e compacto. As laterias são bem apertadas;  o peito é amplo, e os quadris robustos. A calda é curta de nascença, discreta e bem franjada. Esse pastor se move balançando o traseiro, como um urso, e seu galope é muito elástico.

Pelagem do Bobtail

A glória do Bobtail é seu casaco e também parte mais difícil de se cuidar. Abundante, de textura bem áspera, porém eriçado e isento de cachos. O subpelo
é uma forração impermeável. A cabeça e o crânio são bem revestidos de pelos; as orelhas são moderadamente guarnecidas. O pescoço é bem guarnecido, bem como
os membros anteriores, principalmente o contorno. A pelagem é mais abundante nos
posteriores do que no resto do corpo. É preciso dar mais importância à qualidade e
à textura do pelo do que ao seu comprimento e abundância.

Cor da pelagem

Tonalidade de cinza, acinzentado ou azul. O tronco e a parte posterior têm cor sólida, com ou sem manchas brancas (meias). A cabeça, o pescoço, os membros anteriores e a face ventral devem ser brancas com ou sem marcas.

Filhotes

Os filhotes têm uma grande quantidade de energia – tanto que eles vão usá-lao para destruir sua casa, se eles não estão ocupados com atividades apropriadas. Tal como acontece com todas as raças, é importante começar a treinar os filhotes em uma idade precoce.

Preço

R$ 1200 a R$ 3000

Perguntas frequentes

O Bobtail pode viver em apartamentos ou espaços pequenos?

Para a surpresa de algumas pessoas, ele se adapta bem em apartamento, mas somente se ele fizer exercícios regularmente.

O Bobtail é recomendado para crianças?

Ele pode ser um bom amigo para as crianças, mas ele leva sua responsabilidade muito a sério.

O Bobtail pode ficar sozinho em casa?

Jamais deixe seu Bobtail sozinho em por períodos muito longos. Eles sofrem de ansiedade de separação por serem muito apegados a seus tutores.

O Bobtail late muito?

Tem uma tendencia moderada a alta para latir. Seu latido é forte e alto.

O Bobtail solta muito pelo?

Solta bastante pelo.

Fotos doBobtail

Raças similares aoBobtail

Collie

Calmo, amigável, afetuoso e vigoroso.

Border Collie

Tenaz, perspicaz, alerta, receptivo e inteligente. Jamais nervoso ou agressivo

Pastor Australiano

Inteligente, dotado de bom temperamento, companheiro e leal

Pastor Alemão

Esse cão muito inteligente tem aptidão particular para a obediência

Explore outrasRaças

Deixe seu comentário

Os comentários estão desativados.