Dálmata

Sensível, calmo, agradável, amigável, sem timidez ou hesitação
CBKC - Grupo 6
Musculoso, bem equilibrado e harmonioso em suas linhas, esse cão é resistente e rápido

Informações Gerais

Esse belo animal é um companheiro charmoso, afetuoso e fiel, vivo, alegre sensível e amigável, inteligente e dócil, ele é adestrado com facilidade. Não é agressivo, late pouco e, apesar de não ser desconfiado, mostra ser um bom guardião. Revela-se um guia eficaz para cegos. As fêmeas, muito prolíferas, dão cria a filhotes cuja pelagem é toda branca. As manchas só aparecem por volta do décimo segundo dia. Ele começou como um cão de carruagem, mas também serviu em muitas outras áreas, incluindo caçador, cão bombeiro, e artista de circo. Encantador tanto na vida como nos filmes, ele vai de elegante a pateta, e de  pateta a galante novamente em um piscar de olhos, e gosta de ser uma parte de tudo o que sua família faz.

O Dálmata é provavelmente uma das raças mais reconhecidas do planeta. Muitas pessoas são atraídas por sua boa aparência, mas ele definitivamente não é para todos. Enquanto Dálmatas amam estar com sua família humana fazendo qualquer atividade que apareça no decorrer do dia e podem ser maravilhosos cães de companhia , o seu alto nível de energia pode ser desgastante para alguns tutores.

Ele gosta de fazer exercícios. Não se surpreenda se ele meter o focinho em sua gaveta da cômoda, puxar seu calção de corrida, e  levar até você como uma dica não muito sutil. Seu alto nível de atividade faz dele um excelente companheiro para as pessoas que investem seu tempo em treinamento para maratonas, que gostam de longos passeios de bicicleta ou patinar em algum calçadão na praia. Ele pode fazer bastante exercício sozinho no quintal, se for grande o suficiente, se tiver uma mesa de piquenique ou outros obstáculos para ele saltar e uma abundância de brinquedos. Claro que, ele realmente prefere fazer alguma coisa junto com você.

O Dálmata ama ter atenção e tem um forte desejo de agradar, por isso não é incomum para ele se destacar em esportes caninos, como agility e flyball. Ele também é bom em fazer truques – não é surpreendente, considerando que ele já foi um cão de circo.

Outra consideração deve ser a incidência de surdez na raça. A surdez é hereditária e toda uma linhagem de Dálmatas pode passar a surdez aos seus descendentes. Cerca de oito por cento dos Dálmatas nascem completamente surdos, e de 22 a 24 por cento nascem com audição em apenas uma orelha.

Tudo o que você faz com o seu dálmata, se ele é seu melhor amigo, companheiro de uma família ativa, ou um bom concorrente em competições, não se esqueça de que, com a combinação certa de exercício, disciplina e amor ele será uma grande aquisição para sua família.

Expectativa de vida

Expectativa
Mínima
10 anos
Expectativa
Máxima
13 anos

Altura

Altura
Mínima
54
cm
Altura
Máxima
61
cm

Peso

Peso
Mínimo
24
kg
Peso
Máximo
32
kg

Características

Adaptabilidade
Nível de afeição
Bom para apartamento
Tendência de latir
Amigável com gatos
Amigável com crianças
Amigável com cães
Necessidade de exercícios
Espaço necessário
Tosa
Problemas de saúde
Inteligência
Gosto por brincadeiras
Queda de pelo
Necessidade social
Amigável com estranhos
Territorialista
Facilidade de treinamento
Cão de guarda
Tolerância ao frio
Tolerância ao calor

Origem do Dálmata

País: Croácia

As origens desse cão elegante são bastante controversas. De acordo com alguns, elas remontariam ao Egito antigo. Vestígios arqueológicos de cães manchados foram encontrados sobre as pirâmides. A hipótese mais verossímil o faz descender do Braco de Bengala, raça atualmente desaparecida mas que era conhecida na Inglaterra no século XVIII, país onde a raça foi selecionada. Vemos esse cão representado em inúmeras pinturas a partir do século XVII, notadamente ao lado dos governantes pontífices. Seja como for, esse cão deveria seu nome ao fato de ter sido adestrado em grande número na Dalmácia (antiga Croácia). Em razão das manchas que salpicam sua pelagem, as crianças inglesas o chamam de “Plum Pudding Dog”, como a famosa sobremesa inglesa consumida no dia de Natal. No tempo das diligências, o Dálmata era chamado de “Coach Dog” (cão de caruagem), pois era o acompanhante privilegiado dos carros puxados por cavalos. No século XIX, ter um Dálmata fazia parte do standing dos gentlemen ingleses, assim como dos ricos sulistas dos Estados Unidos, país em que esse animal fazia parte da equipe dos bombeiros.

O American Kennel Club reconheceu o dálmata em 1888, e o Dalmatian Club of America foi formada em 1905.

mostrar mais

Curiosidades sobre o Dálmata

– Dálmatas eram criados para acompanhar carruagens, ajudando a afastar os salteadores e adicionar um toque de elegância ao veículo com os passageiros aristocratas;

– Apesar de especulações, a origem dos Dálmatas é frequentemente atribuída para a região da Dalmatia, na Croácia;

– O início da raça pode ser datado na idade média, com os cães defendendo a fronteira da Croácia;

– Ganhou fama como um “cão de carruagem” na Inglaterra em 1800. Eles corriam ao lado e atrás de carruagens e cavaleiros por kilometros, impedindo que outros cães interferissem no trajeto ou entrassem em contato com os cavalos. Eles alertavam os cocheiros quanto a presença de estranhos e guardavam as carruagens nas paradas;

– Nos Estados Unidos os Dálmatas se tornaram os mascotes oficiais dos bombeiros. Quando os bombeiros ainda tinham carruagens, os dálmatas seguiam o transporte. Quando o alarme de incêndio tocava, os dálmatas saiam correndo, latindo para que as pessoas saíssem do caminho. Eles pastoravam o equipamento e acompanhavam os bombeiros de volta para a estação;

– Em Nova York, o corpo de bombeiro ainda tem um Dálmata, o Twenty, de 10 anos. Ele ainda pode ser visto acompanhando o carro dos bombeiros;

– Cães da raça Dálmata já foram muito populares no circo;

– Nos primeiras 10 dias da vida de um Dálmata, as pintinhas só são visíveis na pele, embaixo do pelo. A partir desse período as manchinhas emergem;

– É a única raça com pontinhos;

– As manchas dos Dálmatas podem ser resultado de uma mutação genética, mas ainda não se sabe ao certo o por quê;

– As manchinhas de cada Dálmata são únicas e não há dois cães com a mesma padronagem;

Cuidados e Bem Estar

O Dálmata é um cão muito ativo e precisa de muito exercício. Ele é um corredor veloz com uma grande dose de resistência. Se deixar a sua própria vontade ele vai iniciar uma excursão de vários dias e pode até atravessar o país tranquilamente, por isso sempre exercitá-lo na coleira ou em uma área segura. Dálmatas são felizes como cães de companhia humana e não ficam bem se relegado no quintal. Eles precisam ter muito tempo com sua família humana ou eles vão definhar.

Por causa da quantidade de ácido úrico em  seu metabolismo, é importante observar se o seu Dálmata está urinando regularmente. Por essa razão, não se esqueça de fornecer-lhe acesso fácil a água fresca o tempo todo.

Uma característica distinta do pelo do Dálmata é a maciez ao toque. No topo de suas cabeças é quase como veludo.

Dálmatas são cães limpos, com pouco ou nenhum odor característico, e seus casacos repelem a sujeira. Não é incomum para estes cães rolar na lama e, em seguida, depois de secos estarem com um brilho reluzente.

Esteja ciente, no entanto, que eles perdem pelo o ano todo. Com a escovação regular, não sera necessário dar banho no  seu Dálmata mais de três ou quatro vezes por ano. Banho freqüente demais remove óleos naturais do pelo e da pele e pode torná-los secos e escamosos.

Escovar os dentes do seu dálmata pelo menos duas ou três vezes por semana para remover o acúmulo de tártaro e as bactérias que se escondem no seu interior. A escovação diária é ainda melhor se você quiser prevenir doenças da gengiva e mau hálito.

Aparar as unhas uma ou duas vezes por mês para evitar dor e sofrimento. Lembre que as unhas do seu cão têm vasos sanguíneos, e se você cortar demais pode causar sangramento – e seu cão pode não cooperar na próxima vez que você for cortas as unhas dele. Então, se você não tem experiência em aparar as unhas do cão, peça ajuda a um veterinário ou groomer.

Os ouvidos devem ser verificados semanalmente se têm vermelhidão ou um odor ruim, o que pode indicar uma infecção. Quando você verificar as orelhas do seu cão, limpe-os com uma bola de algodão umedecido com um produto suave e de pH equilibrado. Ouvido limpo ajuda a prevenir infecções. Não insira nada no canal auditivo; apenas limpe o ouvido externo.

Verifique também se há feridas, erupções cutâneas, ou sinais de infecção, tais como vermelhidão, sensibilidade, ou inflamação na pele, no focinho, boca, olhos, e nas patas. Os olhos devem ser claros, sem vermelhidão ou secreção. Seu exame cuidadoso semanal vai ajudar a detectar potenciais problemas de saúde mais cedo.

Na parte de alimentação sempre compre ração de alta qualidade e coloque em quantidades que não fiquem sobrando na vasilha. O ideal é de 1,5 a 2 xícaras de alimento seco de alta qualidade por dia, dividido em duas refeições.

 

Predisposição à Doenças: Síndrome de dilatação torção vólvulo gástrica, formação de cálculos urinários, displasia coxofemoral, alergias, alterações dermatológicas, epilepsia e surdez.

Aparência física

Lembre que ele é um cão de porte considerável. Sua cabeça, de crânio achatado e de boa largura entre as orelhas, mostra um stop moderado. O focinho, longo e vigoroso, nunca é pontudo. A mandíbula é forte e os dentes em tesoura. A trufa é preta na variedade com manchas cor de figado. Os olhos, arredondados, límpidos e brilhantes, tem uma expressão inteligente. Sua cor escura ou âmbar depende da cor da pelagem. As orelhas, implantadas um tanto no alto, bem largas e de textura fina, pendem conta a cabeça. O pescoço, bastante comprido e sem papada, curva-se graciosamente. O peito é profundo, mas é largo. As costelas são bem apertadas. O dorso é vigoroso. A cauda, espessa na base, afina-se gradualmente na ponta. Ela alcança aproximadamente o jarrete. No descanso, ela é pendente, um tanto curvada para o alto, não é inserida nem alto nem baixo demais. Em ação, ela é um tanto mais alta que a linha do dorso.

Pelagem do Dálmata

Pelo curto, duro, apertado e denso, tem aspecto liso e brilhante.

Cor da pelagem

A cor básica é o branco puro. Variedade manchado de preto, com manchas pretas; variedade manchado de fígado, com manchas marrons.

Filhotes

Os filhotes de Dálmata nascem branco puro, e as manchas aparecem à medida que envelhecem. A exceção são filhotes que nascem com manchas, que são massas sólidas de pelo denso, preto ou cor de fígado sem pelos brancos. Existem dois tipos de manchas. Tem manchas maiores e bem definidas, que são mais apreciadas do que manchas de tamanho normal.

Dálmatas costumam ser filhotes roedores e dificilmente não irão comer uma plantinha ou chinelo, ou simplesmente cavar algum buraco no seu jardim. Sim, principalmente os filhotes tem uma tendência a roer tudo que acham de interessante. E só pra avisar, alguns adultos permanecem assim até uma certa idade.

Preço

R$ 1.200 a R$ 2.000

Perguntas frequentes

O Dálmata pode viver em apartamentos ou espaços pequenos?

Devido seu tamanho e quantidade de energia, não são recomendados para apartamentos. Eles precisam de um espaço grande e seguro onde possam correr, brincar e se exercitar bastante.

O Dálmata é recomendado para crianças?

Famílias com bebês e crianças pequenas devem estar cientes de que Dálmatas são cães grandes, muito exuberantes e ativos e podem acidentalmente bater e derrubar crianças pequenas. Seu amor pela atividade faz o Dálmata um grande companheiro de brincadeira para crianças mais velhas.

O Dálmata pode ficar sozinho em casa?

Como a maioria dos cães, Dálmatas tornam-se aborrecido quando deixados sozinhos. Eles podem facilmente tornar-se barulhentos ou destrutivos se eles não têm companhia ou outro cão com quem brincar ou passar o tempo.

O Dálmata late muito?

Dálmatas latem quando for necessário tanto para avisar que alguém estranho se aproxima com para se comunicar com você.  Eles não são muito silenciosos e isso pode ser um problema para os vizinhos. Mas com  treino essa tendência pode diminuir.

O Dálmata solta muito pelo?

Dálmatas soltam muito pelo. Tem uma piada comum entre os tutores de que a raça solta pelos apenas duas vezes: durante o dia e durante a noite. Escovação semanal do pelo ajuda a remover os pelos mortos antes de caírem, mas você nunca estará totalmente livre deles.

Fotos doDálmata

Raças similares aoDálmata

Beagle

Corajoso, alerta, inteligente e possui um temperamento equilibrado.

Bloodhound

Dócil, gentil e manso

Beagle Harrier

o Harrier é extrovertido, amistoso. dóceil e teimoso.

Basset Hound

Plácido, tenaz e afetuoso. Não é violento.

Explore outrasRaças

Deixe seu comentário

Os comentários estão desativados.