Jack Russell Terrier

Ativo e amigável
CBKC - Grupo 3
Terrier cheio de vida, alerta e
ativo, com uma expressão aguçada e inteligente. Corajoso e destemido, amigável, mas de uma tranquila confiança.
Também conhecido como: Jack Russell

Informações Gerais

Apesar de ter conquistado os salões, o Jack Russell não deixa de conservar seu temperamento de Terrier. Teimoso, tem o comportamento de um caçador. Sempre à espreita, curioso e ativo, ele é seguro de si, mas às vezes tem dificuldade para controlar sua calma. É um companheiro extraordinário para pessoas que desejam um cão com personalidade forte. É um cão inteligente, ativo, incansável, sempre alegre, terno e amigável.

Ele aprende muito rapidamente tanto as boas maneiras quanto as más. É preciso educá-lo desde muito cedo e com firmeza, e sobretudo não ceder quando ele “esquecer” as boas maneiras. Sempre muito vigilante, esse excelente cão de guarda late ao menor ruído suspeito ao redor.

Seu pequeno tamanho não deve fazer esquecer que o Terrier Jack Russel é um autêntico cão de caça, por isso tem grande necessidade de gastar energia.

Viver com um Jack Russell Terrier é um exercício de paciência, mas as pessoas que o amam não tê outra opção. Este é um cão amigável, extrovertida, que é brincalhão e carinhoso. Ele gosta de trabalhar, e para ele o trabalho significa caçar  ratos, toupeiras e a raposa tradicional. Quando ele está caçando, essa é a única coisa que ele tem em sua mente. Ao lado da palavra tenaz no dicionário, você vai encontrar uma imagem de um Jack Russell Terrier. Isso pode torná-lo difícil de conviver a menos que você seja capaz de canalizar sua energia, inteligência e obstinação em uma atividades para cães. Ele tem que estar ocupado com alguma coisa, sob cuidadosa supervisão, ou ele vai procurar dentro de casa algo interessante para fazer. Muitos exercícios diários são essenciais.

Com outros cães, o Jack Russell Terrier deve conviver razoavelmente bem.  Afinal de contas ele foi criado para caçar com cães de caça, por isso deve estar disposto a lidar com outros cães. Seu padrão da raça diz que ele não deve ser briguento nem extremamente agressivo com outro cão.

O Jack Russell Terrier é independente, e ele gosta de fazer as coisas à sua própria maneira. Tenha isso em mente quando treiná-lo. Ele vai responder prontamente aos elogios e recompensas para coisas que você gosta e se tornar teimoso, se você é duro com ele. As sessões de treino devem ser curtas e divertidas, sem um monte de repetição enfadonha.

Expectativa de vida

Expectativa
Mínima
10 anos
Expectativa
Máxima
15 anos

Altura

Altura
Mínima
23
cm
Altura
Máxima
30
cm

Peso

Peso
Mínimo
5
kg
Peso
Máximo
6
kg

Características

Adaptabilidade
Nível de afeição
Bom para apartamento
Tendência de latir
Amigável com gatos
Amigável com crianças
Amigável com cães
Necessidade de exercícios
Espaço necessário
Tosa
Problemas de saúde
Inteligência
Gosto por brincadeiras
Queda de pelo
Necessidade social
Amigável com estranhos
Territorialista
Facilidade de treinamento
Cão de guarda
Tolerância ao frio
Tolerância ao calor

Origem do Jack Russell Terrier

País: Reino Unido

O criador da raça, John, chamado de “Jack” Russell, nasceu em 1795 em Dartmouth, Devon, na Inglaterra. Durante seus estudos em Oxford, ele começou a se interessar pela caça e pelos cães e fez a aquisição da sua primeira fêmea, Trump. Foi em seguida nomeado parson (“pastor titular”) da paróquia de Swymbridge, onde oficiou durante 50 anos. Foi ali que se apaixonou verdadeiramente pela caça e pela seleção cinófila. Ele queria obter um pequeno cão, curto sobre os membros e capaz de penetrar facilmente em covis de animais. O pastor começou então a cruzar vários tipos de Terrier de utilidade, procurando muito mais as aptidões para a caça do que uma aparência homogênea. Paralelamente a suas atividades de seleção com o Jack Russell, o pastor também trabalhou muito com o Fox Terrier, o que lhe valeu as honras do mundo cinófilo. Ele foi um dos fundadores do Kennel Club britânico. Infelizmente, o Jack Russell não se beneficiou das relações de seu criador. De fato, a raça tinha um tipo bastante heterogêneo – o que ainda hoje é verdade. Isso não facilitou seu reconhecimento pelo Kennel Club. De fato, ela obteve seu reconhecimento oficial pela “porta de serviço”. Os Jackies mostraram tantas aptidões para a caça subterrànea que foram apreciados por inúmeros caçadores. Por fim, criadores amadores e caçadores acabaram fundando o primeiro Parson Jack Russell Terrier Club, em 1976. Após alguns anos de querelas a respeito do suposto tamanho do cão, o Kennel Club reconheceu oficialmente a raça em 1990. Atualmente, o Jack Russell está muito em moda nos EUA, Europa e Austrália.

mostrar mais

Curiosidades sobre o Jack Russell Terrier

– O nome Parson Russell Terrier é usado pelo American Kennel Club e o Britain’s Kennel Club para evitar confusão com terriers que usam o nome de Jack Russell Terrier, que é registrado pelo Jack Russell Terrier Club of America. O Parson Russell e o Jack Russell são essencialmente a mesma raça, com pequenas diferenças de tamanho em seus padrões da raça;

– o Jack Russell ou Parson Russell Terriers têm dois tipos de pelagem: macia e quebrada;

– Muitas celebridades americanas já possuiram ou possuem um Jack Russell Terrie. Entre elas estão  Mariah Carey, Bette Midler, Paul McCartney, Goldie Hawn, Lindsey Lohan e o mergulhador olímpico Greg Louganis;

– O Jack Russell é muito bom em saltos. Ele pose saltar até cinco vezes mais que seu tamanho;

– Se você não mantiver o controle e treiná-lo adequadamente, ele vai acabar treinando você para fazer o que ele quer.

Cuidados e Bem Estar

O Jack Russell ama pessoas e por isso precisam viver dentro de casa com sua família. É precisa também de um grande quintal cercado ou murado onde ele pode queimar um pouco de sua energia abundante. A cerca ou muro precisa ser forte e alto respectivamente e impossível para ele escalar, cavar sob, ou saltar – mais ou menos como um Forte. E não conte com uma cerca eletrônica para manter seu Jack no quintal. A ameaça de um choque não significa nada comparado com o desejo de perseguir o que parece ser presa.

Andar sempre com seu Jack na coleira para impedi-lo de perseguir outros animais, desafiar cães maiores, ou correr na frente dos carros. Ele precisa de 30 a 45 minutos de vigoroso exercício diário, bem como a abundância de jogos no quintal para mantê-lo cansado e fora do problema.

Se você tem um coração mole isso será um problema com seu resoluto Jack Russell. As pessoas que vivem com Jack Russells deve ser firme e consistente. Jacks são cães de temperamento forte, e embora eles respondem a motivação positiva na forma de elogio, brincadeiras, e recompensas de petiscos, eles vão se tornar teimosos em face de correções severas. Tenha para seu Jack Russell uma rotina com as regras e use a quantidade certa de paciência e motivação e você será bem recompensado. Não há limites para o que um Jack Russell pode aprender quando ele está em sintonia com a pessoa certa.

Seu pelo só precisa escovar umas duas vezes por semana para remover pelos mortos e soltos. Se você escovar o Jack fielmente, ele raramente vai precisar de um banho .

Cortar as unhas uma ou duas vezes por mês. Se você pode ouvir o barulho delas no chão tá na hora de cortar. Unhas curtas e bem aparadas vão manter as patas em bom estado e proteger suas pernas arranhoões quando seu entusiasmado Jack salta para cumprimentá-lo.

Outro cuidado essencial que ele precisa é higiene bucal. Escove os dentes pelo menos duas ou três vezes por semana para evitar o acúmulo de tártaro e doença periodontal,  se escovar diariamente vai obter melhores resultados.

Na parte de alimentação, ser cuidadoso com as quantidades certas de comida. Recomenda-se diariamente 1,25 a 1,50 xícaras de ração para cães de alta qualidade por dia, divididos em duas refeições. Não coloque comida que fique sobrando na vasilha do seu cão. Isso pode levá-lo obesidade.

Predisposição à Doenças: Alterações dermatológicas, neurológicas, oftalmológicas, ortopédicas (displasia coxofemoral, luxação patelar, necrose asséptica da cabeça femoral), pneumonias e surdez.

Aparência física

O Jack Russell Terrier possui crânio achatado. O comprimento de seu focinho, do stop à trufa, deve ser ligeiramente inferior ao do crânio. A mandíbula é forte. As orelhas, de boa textura, são em botão ou caídas. O nariz deve ser negro.
O corpo, compacto e musculoso, inscreve-se em um retângulo. É mais comprido que alto. A cauda é forte e reta. Mantida natural, ela pode cair quando o cão está em repouso e eleva-se quando em ação.

Pelagem do Jack Russell Terrier

O pelo pode ser liso, áspero ou ainda em "fio de arame"

Cor da pelagem

O branco predomina na cor da pelagem, que pode ter marcas pretas ou fogo, ou ambas simultaneamente.

Filhotes

Comece a treinar o seu Jack Russell no dia em que você levá-lo para casa. Mesmo com 8 semanas de idade, ele é capaz de aprender de tudo o que você puder ensiná-lo. Não espere ele fazer seis meses de idade para começar o treinamento, ou você vai ter um cão obstinado e difícil de lidar. Se possível, coloque ele em classe do jardim de infância para filhotes quando ele estive com 10 a 12 semanas de idade, para que você possa começar a construir uma forte treinamento de socialização . Na maioria das vezes, esses classes vão exigir que seu cão já esteja vacinado contra algumas doenças. Espere até a aplicação de todas as vacinas e comece o treinamento. Enquanto isso você pode começar a treinar o seu cachorro em casa e socializar-lo entre amigos e familiares até que as vacinas do filhote de cachorro estejam concluídas. Proporcione a seu Jack interações positivas com outros cães desde filhote – o início da socialização cedo é importante para evitar a agressão com outros cães.

Preço

R$ 2.000 a R$ 4.000

Perguntas frequentes

O Jack Russell Terrier pode viver em apartamentos ou espaços pequenos?

Não se engane pelo seu tamanho. O Jack Russell pode ser pequeno, mas sua energia ultrapassa e muito seu tamanho. Por causa disso não é muito recomendado para apartamentos.

O Jack Russell Terrier é recomendado para crianças?

O Jack Russell Terrier pode ser um bom companheiro para uma criança mais velha que seja igual no mesmo nível de atividade, mas ele não é muito amigo de crianças menores. Eles não são pacientes quando puxam suas orelhas ou cauda e não hesitará em rosnar ou morder se passado o seu limite de tolerância.

O Jack Russell Terrier pode ficar sozinho em casa?

Jamais deixe seu Jack Russell sozinho em casa. Quando se sentir sozinho vai costumizar seus móveis a maneira dele. O que pode não combinar muito com estilo de decoração do seu tutor.

O Jack Russell Terrier late muito?

Ele vai latir com pessoas e barulhos estranhos. Se você treiná-lo bem ele será muito obediente com o comando silêncio que irá ser muito útil.

O Jack Russell Terrier solta muito pelo?

Sua queda de pelo é moderada, Com escovações semanais essa queda reduz ainda mais.

Fotos doJack Russell Terrier

Raças similares aoJack Russell Terrier

Yorkshire Terrier

Vivo e inteligente

Dandie Dinmont Terrier

Independente, altamente inteligente, determinado, persistente, sensível, afetuoso e digno.

Bedlington Terrier

Esperto e caçador, cheio de confiança

Norfolk Terrier

Ativo, intrépido e vivaz

Explore outrasRaças

Deixe seu comentário

Os comentários estão desativados.