Weimaraner

Afetuoso e sociável.
CBKC - Grupo 7
Belo cão, sensível e de musculatura forte.
Também conhecido como: Braco de Weimar, Fantasma cinza.

Informações Gerais

Conhecido como o “Cachorro com cérebro humano”, o Weimaraner é um cão extremamente inteligente, muito ativo, cheio de vitalidade e que precisa estar  em constante movimento. Ou seja, nada de esperar que esse caçador e corredor de origem fique sentado no sofá sem fazer nada. É necessário que os tutores ofereçam a quantidade de exercício necessária para que eles consigam drenar sua energia. Afinal, um Werimaraner sem fazer nada fica entediado, e quando ele está entediado se torna destrutido.

Muito afetuosos, são companheiros agradáveis, de fácil convivência, muito leais e que têm uma necessidade muito grande de conectar com a família e agradar o tutor. Esse cão tem notáveis disposições para a guarda, assim como para a defesa, porém sem agressividade.

De tão apegados aos tutores, é comum encontrar em cães da raça Weimaraner quadros de ansiedade de separação. Caso esse lado carente não receba a devida atenção, alguns cachorros podem se tornar bastante destrutivos e com latidos excessivos.

A caça e o aponte nele são faculdades inatas, que só pedem para serem desenvolvidas. Além disso, esse cão muito forte pode trazer de volta todas as caças. No entanto, ele é meno rápidos que as outras raças de cães de busca (cão de aponte) alemães. Ele é considerado por alguns o perfeito cão de caça, sendo perseverante na busca e dá prova de entusiasmo, mas sem excessos. Ele é seguro no aponte e no trabalho na água.

Podendo ser bastante teimosos e exigentes, esses Bracos precisam de um adestramento consistente utilizando de preferência reforço positivo. Devido ao seu instinto de caçador, ele pode ser um problema para gatos e cães de pequeno porte.

Seu visual estonteante, com pelagem cinza e orelhas longas ficou ainda mais famoso graças ao trabalho do fotógrafo William Wegman. De porte nobre, ele tem a cabeça em harmonia com seu tamanho. Suas orelhas são largas e ligeiramente viradas para frente quando o cão está atento. Os olhos arredondados, de tom âmbar-claro para escuro – azul-céu nos filhotes – têm expressão inteligente. Tem um pescoço musculoso, o antepeito forte, e o dorso firme e musculoso. No meio de seu dorso possui uma risca escura, conhecida como “risca de enguia”. Seu pelo tem de 3 a 5 centímetros de comprimento nos lados e é liso ou ligeiramente ondulado, com ou sem capa interna. A pelagem forma um bom culote e franjas, e a cauda ostenta um tufo.

Possíveis tutores de um Weimaraner precisam saber, antes de tudo, que eles não reagem bem quando precisam ficar sozinhos e que são de fato muito ativos. Por isso, uma situação ideal para os cães da raça seria a possibilidade de viverem em uma casa ou sítio, com bastante espaço para correr e se exercitar e na companhia do tutor. Eles podem se dar muito bem em esportes caninos como agility e obediência, assim como adoram um dia de trilhas e caminhadas em um local de preferência com bastante natureza.

Expectativa de vida

Expectativa
Mínima
12 anos
Expectativa
Máxima
15 anos

Altura

Altura
Mínima
57
cm
Altura
Máxima
70
cm

Peso

Peso
Mínimo
25
kg
Peso
Máximo
40
kg

Características

Adaptabilidade
Nível de afeição
Bom para apartamento
Tendência de latir
Amigável com gatos
Amigável com crianças
Amigável com cães
Necessidade de exercícios
Espaço necessário
Tosa
Problemas de saúde
Inteligência
Gosto por brincadeiras
Queda de pelo
Necessidade social
Amigável com estranhos
Territorialista
Facilidade de treinamento
Cão de guarda
Tolerância ao frio
Tolerância ao calor

Origem do Weimaraner

País: Alemanha

O desenvolvimento do Weimaraner que conhecemos hoje aconteceu no final do século 18 e início do século 19, na Alemanha, embora haja relatos de cães com características muito semelhantes já na corte de Luís IX, na França.

O Braco de Weimar impressionou os grandes duques de Saxe-Weimar, em especial o duque Karl August. Iniciaram sua criação e fixaram, por uma seleção draconiana, sua surpreendente pelagem de pelo prateado.

Eles queriam um cachorro que fosse corajoso, inteligente e com habilidade olfativa aflorada para ser usado na hora da caça. Não se sabe ao certo quais raças de fato deram origem ao Weimaraner, porém acredita-se que cães como Bloodhound, Pointer Inglês, Pointer Alemão e o Dogue Alemão tenham feito parte dessa formação. O resultado final foi um cão com muita velocidade e versatilidade, podendo mudar de apotador para retriever.

Caçadores de primeira, eles participavam na caça de animais de grande porte, como ursose veados.

Assim como os cães da raça Vizsla na época, os Weimaraners eram de posse exclusiva da nobreza, sendo muito valiosos e vivendo junto a família.

Antes, somente os caçadores e sivicultores do centro da Alemanha criavam esse Perdigueiro. Praticamente desde 1890 a raça é submetida a uma criação planificada.

Em 1897, um clube dedicado a raça foi fundado na Alemanha, para garantir que os criadores fossem responsáveis e que a raça não perdesse suas características. Só os que participavam do clube podiam cruzar os animais e comprá-los.

Em 1929, o esportista norte-americano, Howard Knight, teve a permissão de entrar no clube alemão e levar dois cães da raça para os Estados Unidos. Entretanto, os alemães protegiam tanto a raça, que mesmo Howard tendo prometido que manteria a pureza dos Bracos de Weimar, eles o mandaram dois cães castrados. Só em 1938, ele conseguiu importar 3 cachorros, duas fêmeas e 1 macho.

O American Kennel Club (AKC) reconhecer a raça em 1943. Na Alemanha, o Braco de Weimar ainda é utilizado para caçar animais, assim como retriever tanto na terra quando na água.

Durante a II Guerra Mundial, muitos criadores se viram impossibilitados de continuar suas criações, mandando os cães para os Estados Unidos. Ainda relacionado a guerra, muitos soltados estadunidenses levaram para casa Weimaraners ao fim da Guerra.

Os cães da raça viram uma decadência considerável em sua popularidade a partir dos anos 60. Apenas na década de 90 houve uma renovação do interesse do público em Weimaraners.

Atualmente, considera-se que essa é a mais antiga raça de cães de busca (cão de aponte) alemães.

Com sua popularidade reestabelecida, é um cachorro muito comum de se encontrar em países como Estados Unidos e Inglaterra.

mostrar mais

Curiosidades sobre o Weimaraner

– Celebridades que já tiveram ou tem um Weimaraner: Grace Kelly (que ganhou de seu irmão o cachorro como presente em seu casamento com o Príncipe Rainier III de Mônaco ) e Dick Clark.

– No ranking que analisaria a inteligência canina feito por Stanley Coren, o Weimaraner se encontra em 21º lugar;

– O presidente norte-americano Dwight D. Eisenhowe tinha uma Weimaraner, Heidi, morando com ele durante sua estadia na Casa Branca;

– Devido a sua pelagem cinza e prateada, o Weimaraner também é conhecido como “Fantasma Cinza”;

– Graças a sua inteligência, o Weimaraner ganhou o apelido de “Cachorro com cérebro humano”;

– Adicionando mais um apelido para sua grande lista, eles também são conhecidos como “Cães Velcro”, devido ao seu grande apego pelos tutores;

– A raça foi desenvolvida pelo duque Karl August, na Alemanhã, no século 19;

– Cão muito ágeis, podem chega a 56 quilômetros por hora em uma corrida. Eles sem dúvida estão entre os cães mais rápidos do mundo, perdendo apenas para cães como o Greyhound, Whippet e Saluki;

– O caçador Howard Knight, de Rhode Island, nos Estados Unidos, foi o primeiro a importar a raça para os Estados Unidos;

– Weimaraners de cor azul, preta ou marrom são consideradas pelo padrão da raça faltas graves;

– Um dos responsáveis por reestabelecer a popularidade do Weimaraner é o fotógrafo William Wegman, que dedica grande parte do seu trabalho para fotografar cães da raça, principalmente os seus. O seu primeiro Weimaraner, Man Ray, foi eleito “homem do ano” em 1982 pelo The Village Voice, um jornal nova yorkino. Depois de alguns anos da morte de Man Ray, o fotógrafo adquiriu mais um Weimaraner, Fay Ray. Os Weimaraners pertencentes a Wegman ainda são da linhagem de Fay Ray, que faleceu em 1995;

– Fay Ray apareceu no vídeo clipe de New Order para a música Blue Monday.

Cuidados e Bem Estar

Como o Weimaraner tem um nível alto de energia e requer uma quantidade grande de atividade, tanto física quanto mental, é necessário que os tutores separem um tempo diário para passear e exercitar seus cães. Cães da raça, quando não se exercitam o suficiente, têm a tendência de ficarem destrutivos e ansiosos.

Sempre que possível, oferecer outros tipos de atividades, por exemplo, trilhas e corridas para esse caçador por natureza.

Sua pelagem curta requer pouca manutenção, porém uma escovação semanal ainda é recomendada, já que ele solta pelo.

Cuidados básicos devem ser mantidos, como manter as unhas cortadas, escovação dentária diária, banhos regulares e alimentação de qualidade.

Predisposição à Doenças: Displasia coxofemural e entropia.

Aparência física

Cão de caça, de tamanho médio para grande. Adaptado ao trabalho, de forma harmoniosa, com tendões visíveis e muito musculoso. As diferenças entre os machos e as fêmeas são facilmente distinguidas. Crânio em harmonia com a altura do corpo e a região facial. Olhos de cor âmbar, do escuro ao claro; com expressão inteligente. Cor azul céu
nos filhotes. Redondos, apenas oblíquos. Pálpebras bem aderentes. Pescoço de porte nobre. Vista de perfil, a linha superior é arqueada. Musculoso, quase redondo, não muito curto, seco.
Acima da cernelha bem definida, a linha do pescoço arqueada funde-se harmoniosamente num dorso relativamente longo e firme. Peito forte, mas não demasiadamente largo, com comprimento e profundidade suficientes para quase alcançar o cotovelo. Bem arqueado, sem ser em barril, com costelas longas. Antepeito bem desenvolvido.
Cauda inserida ligeiramente mais baixa do que em outras raças comparáveis. Forte e bem coberta de pelos.
Patas Firmes e fortes. Colocados retos em relação à linha mediana do corpo.

Pelagem do Weimaraner

Pelo curto: Curto, porém, mais longo e espesso do que na maioria das raças do mesmo tipo, forte, muito denso, bem aderente. Pode ou não ter subpelo, mas
esse é esparso.
Pelo longo: Pelos macios e longos com ou sem subpelo. Liso ou ligeiramente ondulado. O pelo é mais longo na inserção da orelha. Pelo aveludado é permitido na ponta das orelhas. O omprimento dos pelos nos flancos é de 3 a 5 cm.
Debaixo do pescoço, no antepeito e na parte inferior do corpo, geralmente um pouco mais longos. Boas franjas e culotes, contudo menos longo em direção ao solo. Cauda com uma franja em bandeira. Pelos entre os dedos. Pelos na cabeça menos longos. Um tipo de pelagem semelhante a uma pelagem rígida (Stockhaar), de comprimento médio, denso, aderente, com subpelo espesso, franjas e culotes
moderadamente desenvolvidos às vezes acontece em cães com antepassados misturados.

Cor da pelagem

Cinza, nas tonalidades prata, corça ou rato. Cabeça e orelhas geralmente mais claras. Pequenas manchas brancas são permitidas somente no peito e nos dedos. Às
vezes se observa sobre o dorso uma linha mais escura, mais ou menos bem traçada.
Cães com manchas amarelo-avermelhadas definidas só podem receber qualificação (BOM). Marcações de cor marrom é uma falta grave.

Filhotes

Por serem filhotes muito ativos, o melhor é começar o adestramento o quanto antes, domando esse furacão de energia em forma canina.

Preço

R$1200 a R$3500

Perguntas frequentes

O Weimaraner pode viver em apartamentos ou espaços pequenos?

Não, o Weimaraner não é um cão que se recomenda para viver em apartamento. Para o seu porte e alto nível de energia, o melhor seria oferecê-lo um local que ele possa correr e se exercitar livremente.

O Weimaraner é recomendado para crianças?

Sim, é um cachorro bom com crianças, não é agressivo e muito ativo.

O Weimaraner pode ficar sozinho em casa?

Não, o Weimaraner é muito apegado ao tutor e, se pudesse escolher, ficaraia com ele 24 horas por dia. Muitos cães da raça apresentam casos de ansiedade de separação quando ficam por longos períodos de tempo sozinhos.

O Weimaraner late muito?

O Weimaraner não é um cão que late muito.

O Weimaraner solta muito pelo?

Apesar da pelagem curta ser fácil de manutenção, o Weimaraner ainda assim solta bastante pelo.

Fotos doWeimaraner

Explore outrasRaças

Deixe seu comentário

Os comentários estão desativados.