Queda de pelo em cachorros, é normal?

Queda de pelos em cachorro. O que fazer para evitar a queda de pelos? É normal o cachorro perder tanto pelo? Descubra tudo o que você precisa saber sobre queda de pelo em cães.

por Samantha Kelly — publicado 22 jan 2013 - 9:09

Independente da raça, todos os cães soltam pelos! A única diferença é que alguns soltam mais e outros menos. Neste artigo, separamos todas as informações que você precisa saber sobre queda de pelos em cachorros.

Soltar pelos é uma forma dos cachorros eliminarem os pelos danificados e deixar que novos cresçam no lugar. Danos podem ocorrer pelos mais variados motivos, como fatores ambientais, de saúde, shampoos e muitos outros.

O pelo do seu cão passa por fases de crescimento e a duração dessas fases determina o quão frequente o seu cachorro vai soltar pelo.

 

Queda de pelo nos cachorros. Foto: Reprodução


LER TAMBÉM: Top 15 raças de cachorro que soltam MENOS pelo


LER TAMBÉM: Top 15 raças de cachorro que soltam MAIS pelo

 

Fases de crescimento do pelo do seu cão:

Anágena: Fase em que pelo novo irá crescer.

Catágena: Fase de transição na qual o pelo para de crescer e a camada que envolve a raiz se agarra ao pelo.

Telógena: Fase de repouso na qual o pelo não cresce nem cai.

Exógeno: O pelo cai  e os folículos voltam à fase Anágena de crescimento.

 

Por que alguns cães soltam menos pelo do que outros?

Cães que soltam menos pelo são aqueles que a pelagem tem uma fase maior de crescimento, transição e repouso e consequentemente uma fase menor de queda.

 

Perda de pelo sazonal

Os cães geralmente perdem o pelo do inverno à primavera e então para o verão ganham uma pelagem mais leve e curta. No outono o ciclo é revertido, já que o cão perde a pelagem curta e leve do verão para ganhar uma que proteja mais para os meses de frio intenso do inverno.

A mudança é mais óbvia em cães que possuem uma dupla pelagem, ou em outras palavra,s um sub-pelo denso, como os da raça Collie. Essas raças não só tem pelo longo e protetor por cima, como um subpelo fino e isolante.

 

O que fazer com a queda de pelo de seu cão?

Uma das atitudes mais importantes que você pode fazer é manter sempre uma pelagem saudável, incluindo uma higiene adequada e escovação, assim como uma dieta saudável.

A frequência vai ser determinada de acordo com o tipo de pelo que o seu cão tem, assim como o tipo de escova.

Escovar o pelo do seu cachorro remove o pelo que já está solto, evitando que ele caia no ambiente ou crie nós.

Fora isso, é um tempo que você dedica exclusivamente para o seu cão, criando uma conexão especial.

A queda de pelo natural é positiva para o cão que com esse processo se mantém saudável e protegido.

 

Doenças que podem influenciar na queda de pelo no seu cachorro

Conhecer o seu cachorro e saber como o ciclo de queda de sua pelagem normalmente se comporta é importante para que o tutor possa identificar o que é um padrão comum de queda e o que é anormal.

Em casos de queda de pelo anormal, confira os fatores que podem influenciar:

 

  • Parasitas (ex.: pulgas);
  • Infecções fungais ou bacterianas;
  • Reações alérgicas à comida;
  • Problemas relacionados aos rins, fígado e tireóide;
  • Gravidez;
  • Determinados medicamentos;
  • Trauma auto-induzido com lambidas e mordidas à área;
  • Cancer;
  • Doenças imunológicas;
  • Queimadura de sol;
  • Contato com substâncias causticas ou que possa irritar a pele.

 

Quando é hora de levar ao veterinário?

De preferência, se você notar algo diferente no comportamento do seu cão, é sempre bom levar ao veterinário para que ele possa examinar o seu pet.

Abaixo alguns sintomas que o dono deve sempre prestar atenção:

 

  • Irritação da pele, incluindo vermelhidão, inchaços, manchas ou cicatrizes;
  • Feridas abertas de qualquer tipo;
  • Carecas ou afinamento do pelo;
  • Pelo seco que sai facilmente;
  • Coceira;
  • Constantes lambidas no local onde o pelo caiu.

 

Fontes:

Vetinfo.com

VetStreet.com

Aspca.org

Cães são peça chave na investigação do caso de Vitória Gabrielly

por Samantha Kelly — publicado 21 jun 2018 - 9:52

O auxílio canino no caso da morte de Vitória Gabrielly tem sido fundamental. Ate agora, tanto um pet quanto uma equipe de cães especializados, foram peças chaves na investigação do crime.

Em um primeiro momento, enquanto a polícia ainda tentava encontrá-la e havia a esperança da menina ainda estar viva, a pista da localização exata do paradeiro de Vitória veio de um catador de latinhas que estava passeando com seu cachorro.

O pet ficou intrigado com o cheiro forte que vinha da mata e começou a latir sem parar.

 » Read more about: Cães são peça chave na investigação do caso de Vitória Gabrielly  »

Além da rampinha: Escada em espiral é opção chique e compacta para seu cachorro subir na cama

por Samantha Kelly — publicado 15 jun 2018 - 9:30

Ficamos apaixonadas pela escada em espiral da Sophipet com um ar super sofisticado. Ela é totalmente personalizável, com várias opções de cores e estilos para combinar com diferentes tipos de decoração.

Muitos não sabem, mas rampas e escadinhas dessa forma ajudam bastante os pets a não forçarem as costas com os vários pulos acrobáticos que eles dão quando sobem e descem da cama, sofá e afins.

Ela chega até 100 cm de altura para as camas mais altas e possui apenas 45 cm de raio,

 » Read more about: Além da rampinha: Escada em espiral é opção chique e compacta para seu cachorro subir na cama  »

Operários indianos constroem estrada em cima de cachorro que dormia na rua

por Samantha Kelly — publicado 15 jun 2018 - 7:02

O incidente é tão absurdo que é difícil acreditar como alguém pode ser tão insensível em relação a vida do próximo.

Operários em uma estrada de Agra, na Índia, não se deram o trabalho de mover um cachorro que dormia no local enquanto eles recapeavam a rua e seguiram com o dia como se não houvesse ninguém ali. Sim, eles construíram a rua em cima do cachorro e ele morreu após ter sido esmagado pelo rolo compressor enquanto os trabalhadores nivelavam a rua.

 » Read more about: Operários indianos constroem estrada em cima de cachorro que dormia na rua  »

deixe seu comentário:
Siga o Portal do Dog
Últimas notícias

Cães são peça chave na investigação do caso de Vitória Gabrielly

por Samantha Kelly — publicado 21 jun 2018 - 9:52

O auxílio canino no caso da morte de Vitória Gabrielly tem sido fundamental. Ate agora, tanto um pet quanto uma equipe de cães especializados, foram peças chaves na investigação do crime.

Em um primeiro momento, enquanto a polícia ainda tentava encontrá-la e havia a esperança da menina ainda estar viva, a pista da localização exata do paradeiro de Vitória veio de um catador de latinhas que estava passeando com seu cachorro.

O pet ficou intrigado com o cheiro forte que vinha da mata e começou a latir sem parar. Foi graças a reação estranha do cachorro que o tutor foi verificar se havia de fato algo errado. Foi então que ele acabou se deparando com o corpo da menina, que se encontrava no mesmo local há 4 dias.

Após a confirmação da morte e localização do corpo, a próxima fase da investigação contou com a ajuda de Bazuka, Adaga e Duke, cães farejadores do grupo GBR. Através de odores de suspeitos fornecidos pela polícia, os cães vasculharam a área delimitada e verificaram se os cheiros poderiam ser encontrados no local.

Apesar da equipe envolvida não poder contar muito sobre o resultado para não atrapalhar o trabalho investigativo, o treinador dos cães afirma que os animais confirmaram a presença de alguns dos odores no local.

 

Foto: Reprodução/Record

Além da rampinha: Escada em espiral é opção chique e compacta para seu cachorro subir na cama

por Samantha Kelly — publicado 15 jun 2018 - 9:30

Ficamos apaixonadas pela escada em espiral da Sophipet com um ar super sofisticado. Ela é totalmente personalizável, com várias opções de cores e estilos para combinar com diferentes tipos de decoração.

Muitos não sabem, mas rampas e escadinhas dessa forma ajudam bastante os pets a não forçarem as costas com os vários pulos acrobáticos que eles dão quando sobem e descem da cama, sofá e afins.

Ela chega até 100 cm de altura para as camas mais altas e possui apenas 45 cm de raio, o que salva bastante espaço. Dá até para adicionar uma proteção na escada para evitar acidentes.

Elas são feitas com excelente qualidade e o preço, apesar de ser salgado (começa em US $ 420 e, para a opção mais cara, você precisa desembolsar mais de US $ 1.500), ainda são uma ótima ideia e opção para quem pode pagar.

Queremos opções mais acessíveis para ontem!