Raiva canina

Raiva Canina (chamada também de hidrofobia). Conheça os sintomas, como identificar se o seu cachorro está com raiva, tratamento e prevenção.

por George Augusto — publicado 12 dez 2013 - 12:47

A raiva, chamada também de hidrofobia, é uma enfermidade causada por um vírus da família Rhabdoviridae do gênero Lyssavirus que acomete mamíferos e merece ter uma atenção redobrada, pois é uma zoonose (doença transmitida do animal para o Ser Humano). Além disso, em 99% dos casos, tem um prognóstico fatal.

O vírus acomete primeiramente o sistema nervoso, em seguida, afetando as glândulas salivares, que provoca no animal uma salivação excessiva, o que é uma característica dessa doença.

Causas da Raiva

raiva canina

Raiva Canina. Foto: Reprodução / Google

A causa primordial de transmissão é o contato da saliva do animal enfermo no sadio. As formas de difusão da doença são: mordidas do animal acometido pela raiva em outros, lambida em regiões expostas, como feridas, ou seja, qualquer lugar onde a saliva entre contado com o sangue do animal, assim, ocorrendo a passagem do vírus.

Diferente do que muitos pensam, a raiva pode ser transmitida antes mesmo do animal apresentar seus sinais clínicos, por isso, é sempre bom evitar receber mordidas do seu pet mesmo sendo de brincadeira.

Sintomas

Os sintomas da doença, como dito anteriormente, podem demorar a aparecer. Quando o vírus da raiva atinge o sistema nervoso, os animais apresentam um quadro clínico típico que é: uma mudança brusca no comportamento do animal, como inquietação, agressividade, depressão; o latido do animal apresenta rouquidão; também apresenta um comportamento atípico, em que aparenta morder o ar; salivação excessiva (sialorréia); apresenta também fotofobia (sensibilidade a qualquer tipo de luz); hidrofobia (medo de água); paralisia das patas posteriores; dificuldade de engolir e mudança nos hábitos alimentares. Na maioria dos casos os animais morrem em poucos dias, pois não ingerem líquido e nem comem corretamente.

O diagnóstico de raiva pode ser errôneo, já que existem outras doenças com a sintomatologia bastante parecida, principalmente as doenças virais. Se seu animal apresentar sintomas parecidos procure um Médico Veterinário para que possa ser feito uma avaliação mais especializada. Não tome atitudes precipitadas, peça a opinião de um profissional.

Como previnir a Raiva

A prevenção pode ser 100% eficaz. Existe atualmente a vacina anti-rábica que serve para evitar a possível futura doença. Por isso, é indispensável a vacinação a partir do 4º mês de vida do animal e deve ser repetida anualmente.

Existem outros pontos que você pode colaborar com a erradicação da doença, como: Evitar criar animais silvestres, que poderão transmitir a doença; não permitir a saída de seu animal para rua, pois pode ser contaminado por outros animais; façer a castração do seu cão, para evitar a super população de cães nas ruas; não entrar em contato com cães que você não conhece, evitando assim, uma mordida e, conseqüentemente, a transmissão da doença e manusear qualquer cachorro com o uso de focinheira.

Tratamento

O tratamento, infelizmente, ainda é ineficaz , já que depois que o animal é acometido não há como reverter o quadro. Existem tratamentos que aliviam os sintomas do animal, porém não o curam. O melhor jeito de evitar a doença é a prevenção, através de vacinas e precauções.

Mais informações sobre a Raiva Canina:
Raiva Canina – Wikipédia
Quadro Clínico da Raiva em Animais – Governo do Estado de São Paulo

 

Por: George Augusto von Schmalz Portella de Macedo

Ocupação: Acadêmico de Medicina Veterinária

Contato: [email protected]

Em Portugal, crianças aprendem na escola sobre comportamento e bem-estar dos animais de estimação

por Andrezza Oestreicher — publicado 14 dez 2017 - 18:38

As pessoas costumam dizer que as crianças são o futuro planeta e a esperança de um mundo melhor. Pensando nisso, surgiu, em Portugal, o projeto “Eu Cuido. Um mundo melhor para os animais”.

O “Eu cuido”, que até o ano que vem vai atingir cerca de oito mil alunos só na Grande Lisboa e no Grande Porto, tem como maior objetivo ensinar e sensibilizar as crianças para diversos temas relacionados a animais de estimação.

 » Read more about: Em Portugal, crianças aprendem na escola sobre comportamento e bem-estar dos animais de estimação  »

Miley Cyrus faz nova tatuagem em homenagem a mais um de seus cachorros

por Andrezza Oestreicher — publicado 14 dez 2017 - 9:31

A atriz e cantora Miley Cyrus é uma apaixonada por cães e faz questão de deixar marcado e gravado na pele todo esse amor.

Dona de várias de tatuagens, estima-se que ela já tenha mais de 30 espalhadas pelo corpo, alguns dos desenhos escolhidos por Miley foram feitos como homenagens para os seus animais.

Mary Jane ❤️

A post shared by Miley Cyrus (@mileycyrus) on Dec 2,

 » Read more about: Miley Cyrus faz nova tatuagem em homenagem a mais um de seus cachorros  »

Homem faz festa temática para comemorar aniversário de um ano do seu cão de serviço

por Andrezza Oestreicher — publicado 13 dez 2017 - 9:24

Nós ficamos muito felizes em poder celebrar e comemorar a vida daqueles que amamos. E é claro que com nossos animais de estimação não poderia ser diferente.

Charles Wilson-Adams é um tutor louco por seu cão e um grande fã da saga Star Wars. Então, ele decidiu juntar essas duas paixões na hora de comemorar o aniversário de um ano do seu cachorro Deuce, um cão de serviço da raça American Bully.

De acordo com Charles,

 » Read more about: Homem faz festa temática para comemorar aniversário de um ano do seu cão de serviço  »

deixe seu comentário:
Siga o Portal do Dog
Últimas notícias

Em Portugal, crianças aprendem na escola sobre comportamento e bem-estar dos animais de estimação

por Andrezza Oestreicher — publicado 14 dez 2017 - 18:38

As pessoas costumam dizer que as crianças são o futuro planeta e a esperança de um mundo melhor. Pensando nisso, surgiu, em Portugal, o projeto “Eu Cuido. Um mundo melhor para os animais”.

O “Eu cuido”, que até o ano que vem vai atingir cerca de oito mil alunos só na Grande Lisboa e no Grande Porto, tem como maior objetivo ensinar e sensibilizar as crianças para diversos temas relacionados a animais de estimação.

As crianças vão aprender em sala de aula sobre cuidados e bem-estar animal. (Foto: Reprodução / Sapo Lifestyle / Projeto “Eu Cuido”)

Apesar da pureza e do amor que as crianças possam ter logo de cara com os animais, é importante que elas aprendam que eles não são brinquedos e também têm necessidades e precisam de cuidados.

Através do projeto, as crianças terão informações sobre cuidados, saúde, bem-estar, comportamento, regras de interação e o papel dos animais de estimação na sociedade.

Essas informações serão passadas para os alunos em sala de aula durante sessões interativas por um orientador, que vai responder questões como “Quais as diferenças entre o cão e o gato?”, “Quais os seus comportamentos?”, “Que atitudes devemos ter quando estamos perto de um destes animais?”, e apresentar conteúdos através de vídeos temáticos com os personagens Zé Gato e Cão Peão.

Além disso, durante as “aulas”, as crianças também irão conhecer pessoalmente alguns cães policiais, cães de terapia, cães-guia e saber mais sobre o trabalho destes animais, que é tão importante para a comunidade e para as pessoas que dependem deles.

Os alunos também irão conhecer cães policiais, cães de terapia, cães-guia e saber mais sobre a importância do trabalho destes animais. (Foto: Reprodução / Sapo Lifestyle / Projeto “Eu Cuido”)

“O ‘Eu Cuido’ é um projeto educativo que pretende contribuir para uma mudança de mentalidades desde a infância, para uma adequada e sã convivência com os animais de companhia. Queremos educar uma geração para agir com base no respeito e cidadania, porque se construirmos ‘um mundo melhor para os animais’ estamos também a fazer um mundo melhor para todos nós”, explica Filipa Herédia, coordenadora do projeto.

Ainda de acordo com Filipa, o projeto é “inclusivo, interativo e adequado ao nível de conhecimento e interesse das crianças, que procura levá-las a conhecer os animais de estimação através de conteúdos pedagógicos, multimédia, passatempos e jogos”.

O projeto “Eu cuido” conta com a colaboração de psicólogos e entidades que promovem o bem-estar dos animais.

Fonte: Susana Krauss / Sapo Lifestyle

Miley Cyrus faz nova tatuagem em homenagem a mais um de seus cachorros

por Andrezza Oestreicher — publicado 14 dez 2017 - 9:31

A atriz e cantora Miley Cyrus é uma apaixonada por cães e faz questão de deixar marcado e gravado na pele todo esse amor.

Dona de várias de tatuagens, estima-se que ela já tenha mais de 30 espalhadas pelo corpo, alguns dos desenhos escolhidos por Miley foram feitos como homenagens para os seus animais.

Mary Jane ❤️

A post shared by Miley Cyrus (@mileycyrus) on

A cantora, que hoje é tutora de sete cães entre outros animais de estimação, mostrou este mês para o seus fãs a sua mais nova tatuagem, e claro que foi uma homenagem a mais um de seus pets. Miley publicou uma foto do desenho em seu perfil oficial no Instagram e derreteu a todos com a imagem.

A homenageada da vez foi Mary Jane, uma cadela da raça Pit Bull mais idosa que já vive com Miley há mais de seis anos.

A cantora também tem uma tatuagem do seu já falecido cachorro Floyd. (Foto: Reprodução / Instagram mileycyrus)

Muito bem feita, a tatuagem que retrata o animal é bastante realista e mostra toda a suavidade da cadelinha, além de seu olhar doce, que ficou impressionante.

Dessa vez, o novo desenho, de autoria do tatuador das celebridades Dr. Woo, parece ter sido feito no braço direito da cantora, próximo ao cotovelo.

Miley, que também tem entre seus animais de estimação um porco e dois cavalos miniatura (ou mini cavalos), já tem tatuagens homenageando outros três de seus animais, o cão Floyd e o peixe Pablow, ambos já falecidos, e seu Pastor de Shetland Emu.

Placed a young Emu on his mom @mileycyrus #emufanclub

A post shared by Doctor Woo (@_dr_woo_) on

Fonte: BRIT+CO / Teen Vogue