Sintoma: Arritmia

A arritmia é quando ocorre uma modificação no ritmo das batidas do coração, ou seja, o coração altera seu batimento sem que tenha acontecido uma ação para o mesmo.

por George Augusto — publicado 27 mar 2015 - 15:33

A grande maioria das pessoas já ouviu pelo menos uma vez o nome arritmia, mesmo não sabendo do que se trata. Antes de começarmos a entrar no que é a arritmia propriamente dita, é importante entendermos sobre a anatomia  e fisiologia do coração. O coração é um órgão muscular muito importante do sistema circulatório do animal, que tem como sua função principal o bombeamento do sangue para várias partes do corpo do cão. Dentro do coração existem quatro câmaras cardíacas, chamadas de: Átrio direito, átrio esquerdo, ventrículo direito e ventrículo esquerdo. É nessas câmaras que haverá a passagem de sangue e, consequentemente, seu bombeamento pra todo o corpo do animal. A contração cardíaca, que bombeia o sangue para o corpo, é chamada de Sístole e o relaxamento da musculatura cardíaca que ocorre em seguida é chamado Diástole. É a sístole e a diástole que faz o “dum dum” que sentimos ao por a mão no peito do pet.

O coração possui um sistema elétrico próprio que tem a finalidade de provocar o batimento do coração com um ritmo normal, de acordo, é claro, com o momento. Se o cão é exposto a um exercício físico, o coração tende a acelerar ou quando o cão está dormindo o coração fica bem lento.

A arritmia é quando ocorre uma modificação no ritmo das batidas do coração, ou seja, o coração altera seu batimento sem que tenha acontecido uma ação para o mesmo. Existem 3 tipos principais de alteração: O coração fica muito acelerado (taquicardia), muito lento (Bradicardia) ou irregularidade na pulsação (descompasso).

As causas para essa alteração no coração dos cães é multifatorial. Podemos citar as principais, como: O estresse; Hipertireoidismo; Alguns medicamentos; Diabetes; Artérias com alguma obstrução; cardiomiopatia; Intoxicação; Hipertensão e entre várias outras.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Os sinais clínicos apresentados por um animal que possui arritmia podem ser  facilmente observados, porém muitos tutores acabam não percebendo. Assim como outras doenças, a arritma pode ou não apresentar os sintomas clássicos. O tutor começa a observar bem os sintomas quando a arritmia está com um quadro bem avançado. Os sintomas principais, são: Palidez de mucosas; Desmaios repentinos; Dispnéia (dificuldade respiratória); Alteração no batimento cardíaco; Relutância ao exercício físico e entre outros.

O diagnóstico deve ser feito por um médico veterinário, se possível especialista em cardiologia. Depois da anamnese e do sinal clínico, o profissional pode pedir exames específicos para que o diagnóstico seja fechado corretamente. Exames como Eletrocardiograma e Ecocardiograma normalmente são de eleição. O Holter também é um exame bastante pedido pelos médicos veterinários cardiologistas.

O tratamento é feito com terapia medicamentosa para que seja evitada a arritmia. Esse medicamento deve ser prescrito unicamente pelo profissional médico veterinário, já que o remédio irá variar de animal para animal. O animal preferencialmente deverá ir para a clínica veterinária de 3 em 3 meses para que sempre tenha o acompanhamento de um profissional. A arritmia deve ter uma atenção redobrada, já que em muitos casos, leva à uma morte súbita do animal, se não for devidamente acompanhada.

A prevenção consiste no check up anual do animal. Em muitos casos a arritmia é diagnosticada nos exames rotineiros, evitando, assim, os seus inconvenientes físicos.

 

Por: George Augusto von Schmalz Portella de Macedo

Ocupação: Acadêmico de Medicina Veterinária

Contato: [email protected]

Tosadora abre sua loja na madrugada para ajudar um cachorro encontrado em péssimas condições

por Andrezza Oestreicher — publicado 21 out 2017 - 18:33

Cachorros abandonados podem chegar a um estado terrível por conta da falta de cuidados. Isso fica ainda pior no caso dos animais peludos, pois os pelos vão crescendo, se emaranhando, e isso pode trazer graves consequências para os cães.

Na Flórida, nos Estados Unidos, um casal passeando de carro viu um cachorrinho na rua. Ao chegar mais de perto eles puderam perceber que o animal não estava perdido. Pela situação de negligência que o cão estava,

 » Read more about: Tosadora abre sua loja na madrugada para ajudar um cachorro encontrado em péssimas condições  »

Cachorro faz xixi em homem na rua e acaba ganhando um lar

por Andrezza Oestreicher — publicado 21 out 2017 - 9:38

Este mês, um vídeo bastante engraçado com um cachorro fez muito sucesso nas redes sociais. As cenas mostram um homem sentado no chão tranquilamente mexendo no celular, até que um cachorro chega, cheira o homem e faz xixi nas costas dele. Ao sentir o xixi, o homem toma um susto e se levanta rapidamente pegando na blusa e dá um chute no ar, em direção ao cachorro.

Algumas pessoas criticaram bastante o homem, que se chama Heinze Sánchez e tem 27 anos,

 » Read more about: Cachorro faz xixi em homem na rua e acaba ganhando um lar  »

Cães encontrados em uma situação terrível juntos esperam ser adotados por uma mesma família

por Andrezza Oestreicher — publicado 20 out 2017 - 9:36

Os cachorros Jefe e Jericho foram encontrados juntos em uma situação de negligência terrível. Desde o primeiro momento, os membros da equipe da Arizona Humane Society, organização de proteção animal que resgatou a dupla, perceberam que os cães, apesar de diferentes, eram grandes amigos e companheiros.

Os dois cachorros, um Chihuahua de 2 anos chamado Jefe bem extrovertido e um belíssimo Pastor Alemão de três anos de idade chamado Jericho, estavam no quintal de uma casa nos Estados Unidos,

 » Read more about: Cães encontrados em uma situação terrível juntos esperam ser adotados por uma mesma família  »

deixe seu comentário:
Siga o Portal do Dog
Últimas notícias

Tosadora abre sua loja na madrugada para ajudar um cachorro encontrado em péssimas condições

por Andrezza Oestreicher — publicado 21 out 2017 - 18:33

Cachorros abandonados podem chegar a um estado terrível por conta da falta de cuidados. Isso fica ainda pior no caso dos animais peludos, pois os pelos vão crescendo, se emaranhando, e isso pode trazer graves consequências para os cães.

Na Flórida, nos Estados Unidos, um casal passeando de carro viu um cachorrinho na rua. Ao chegar mais de perto eles puderam perceber que o animal não estava perdido. Pela situação de negligência que o cão estava, ele havia sido abandonado e não recebia cuidados há algum tempo.

O animal foi encontrado em uma situação de total abandono. (Foto: Reprodução / Bored Panda / Facebook BGE Grooming)

Seus pelos estavam enormes e tão cheios de nós que o cão quase não conseguia andar.

O casal, que não podia ficar com o cão durante a noite, fez um apelo nas redes sociais pedindo socorro para que alguém ajudasse o cachorro. Foi aí que apareceu Kari Falla, que é tosadora de cachorro.

Kari percebeu que o cão em questão precisava urgentemente de cuidados e então abriu seu “salão” meia-noite para dar o tratamento que o pobre cachorro tanto precisava.

Cão tomou banho e recebeu uma bela tosa nos pelos. (Foto: Reprodução / Bored Panda / Facebook BGE Grooming)

“Eu sabia que era ruim, mas nada me preparava para o que vi”, disse Kari, que trabalhou incansavelmente até 3 horas da manhã para deixar o cãozinho limpo e livre daquele peso de pelos que ele estava carregando.

Após dar banho e tosar o cachorro, Kari o levou ao veterinário. O cão, que agora se chama Lucky, foi encontrado cego e surdo, mas agora está se recuperando em um lar temporário. Quando estiver 100% pronto, o animal será colocado para adoção.

Após se livrar do peso de pelos que carregava, o cão também recebeu cuidados médicos. (Foto: Reprodução / Bored Panda / Facebook BGE Grooming)

Fonte: Bored Panda

Cachorro faz xixi em homem na rua e acaba ganhando um lar

por Andrezza Oestreicher — publicado 21 out 2017 - 9:38

Este mês, um vídeo bastante engraçado com um cachorro fez muito sucesso nas redes sociais. As cenas mostram um homem sentado no chão tranquilamente mexendo no celular, até que um cachorro chega, cheira o homem e faz xixi nas costas dele. Ao sentir o xixi, o homem toma um susto e se levanta rapidamente pegando na blusa e dá um chute no ar, em direção ao cachorro.

Algumas pessoas criticaram bastante o homem, que se chama Heinze Sánchez e tem 27 anos, pela tentativa de agressão após o xixi. Porém, além de não ter agredido o cão, o homem acabou adotando o cachorro que fez xixi nele.

O cachorro foi até o homem discretamente e fez xixi nas costas dele. (Foto: Reprodução / Vídeo / Extra)

“Eu estava mexendo no celular. Ia responder uma mensagem e estava concentrado sentado no chão. Nem o vi chegar. Ele se aproximou devagar e eu só senti aquele negócio quente e tomei um susto. Quando olhei, vi que ele tinha feito xixi. Fiquei indignado com aquilo”, contou o homem.

“Muita gente me criticou por ter chutado ele. Mas não pegou não. Eu retraí a perna na hora. Foi uma reação do momento e não tive a intenção de machucá-lo. Ainda chegou outro cachorrinho perto e eu falei ‘viu o que o teu amigo fez comigo?’”, explicou Heinze.

Apesar de não ter agredido o cão de fato, o homem ficou com peso na consciência por ter brigado com o animal. Então, ele decidiu ir atrás do cachorro na rua onde tudo tinha acontecido.

O cãozinho agora tem um lar e um papai humano que está lhe dado muito carinho. (Foto: Reprodução / Facebook Heinze Sánchez)

“Quando o encontrei, chamei e ele veio abanando o rabo. Estava começando a chover. Fiquei brincando um tempo com ele e depois resolvi levá-lo para casa. Ele se aproximou de mim. É muito dócil, fica grudado, chora quando saio de casa. Faz algumas bagunças na casa do vizinho, mas é um bom cachorro”, contou Heinze agora bem feliz.

O homem escolheu um nome bem especial para o seu cãozinho, Enzo. “Dei esse nome porque sempre falava que quando eu tivesse um filho, se chamaria Enzo. Agora está comigo, alimentado e limpinho”, contou o novo tutor, que já publicou muitas fotos do novo membro da família nas suas redes sociais.

Fonte: Extra