5 jun 2017 - 21:21

Amora

Tutor(a): Jaqueline Correia

“Oi, seu sou a Amora, minha mamãe humana disse que eu tenho esse nome porque quando ela me chamou assim pela primeira vez, depois de me chamar de um montão de nomes, eu dei muitos lambeijos nela. Eu conheci a minha mamãe há pouco tempo, faz só dois meses, foi quando a minha irmã (a Meg, essa grandona da ultima foto) ficou doente, a mamãe ia todos os dias no tio veterinário pra fazer exames tentando descobrir o que ela tinha, do lado do tio veterinário tem um pet shopp, aquele lugar que vende um montão de petisco gostoso. Lá os tios recolhem mamães cachorro como a minha da rua, cuidam da gente, vacinam e depois procuram mamães humanas.
Minha mamãe humana descobriu que a minha irmã tem diabetes juvenil, e ficou muito tristinha, saindo do veterinário e parou pra ver eu e os meus irmãos, nós todos estávamos dormindo, ai eu acordei e vi que ela tava toda tristinha, então pensei que ela precisava de alguém tão elétrica, esperta e só um pouquinho terrível como eu. Fiz a maior festa pra ela, pulei, dei lambeijo na mão, fiz ela abrir um sorriso. Até pulei em cima de um dos meus irmãos dorminhocos. Vocês acreditam que um deles levantou e começou a fazer festa pra minha mamãe?! Não deixei, entrei na frente dele, não sei porque, mais ela sorriu de novo, não tinha graça, eu vi ela primeiro, eu escolhi ela como mamãe ninguém ia roubar ela de mim. Ai ela entrou no pet shop e eu achei que ia ficar mais tempo naquela grade apertada, mais ela voltou com a tia do pet shopp pra me pegar.
E agora eu tô aqui, não paro um minuto aprontando todas, destruindo tudo, fazendo minha mamãe rir quando ela fica muito preocupada com a minha irmã, brincando e cuidando da minha irmã quando ela precisa. A diabetes da minha irmã melhorou depois que eu cheguei, claro que não é a injeção que ela toma todo dia, sou eu, juro gente. E não é querendo me gabar mais eu sempre ganho dela nas brincadeiras, as vezes, só as vezes eu deixo ela ganhar.
Minha mamãe ás vezes, quando conta essa história diz que ela me escolheu porque eu fiz festa pra ela, mais é mentira, essa é a história de como eu escolhi minha mamãe.”
PS: Não se enganem pela foto, eu fiz pose de tímida nos primeiros dias só pra ganhar a mamãe, e deu certo.